A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Receptores b-adrenérgicos e usos terapêuticos (farmacologia)

Pré-visualização | Página 1 de 1

1 
 
TECIDO 
TIPO DE 
RECEPTOR 
EFEITOS AÇÕES OPOSTAS 
 
 Coração: 
 
Nó AV e sinusal β1 Aumento da automaticidade Receptores colinérgicos 
Vias de condução β1 
Aumento da velocidade de 
condução e automaticidade 
Receptores colinérgicos 
Miobrilas β1 
Aumento da contratilidade e 
automaticidade 
 
Músculo liso vascular β2 Vasodilatação Receptores a-adrenérgicos 
Músculo liso dos 
brônquios 
β2 Broncodilatação Receptores colinérgicos 
Rins β1 Liberação de renina Receptores α1-adrenérgicos 
Fígado β2, α1 
Aumento da glicogenólise e 
gliconeogênese 
 
Tecido adiposo β3 Lipólise Receptores α2-adrenérgicos 
Músculo esquelético β2 
Aumenta a contratilidade, a 
captação de potássio, 
glicogenólise, dilatação das 
artérias que vão ao músculo 
esquelético e tremores 
- 
Olho, músculo ciliar β2 Relaxamento Receptores colinérgicos 
Trato gastrintestinal β2 Reduz a motilidade Receptores colinérgicos 
Vesícula biliar β2 Relaxamento Receptores colinérgicos 
Bexiga, músculo 
detrusor 
β2 Relaxamento Receptores colinérgicos 
Útero β2 Relaxamento Ocitocina 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2 
• 
• 
• 
• 
FÁRMACO ESPECIFICIDADE DO RECEPTOR USO TERAPÊUTICO 
Epinefrina 
α1, α2 
β1, β2 
Asma aguda 
Choque anafilático 
Na anestesia local para 
aumentar a duração da ação 
Norepinefrina 
α1, α2 
β1 
Tratamento do choque 
Isoproterenol β1, β2 Estimulante cardíaco 
Dopamina 
Dopaminérgico 
α1, β1 
Tratamento do choque 
Tratamento da insuficiência 
cardíaca congestiva 
Elevação da pressão arterial 
Dobutamina β1 
Tratamento da insuficiência 
cardíaca congestiva 
 
• 
• 
FÁRMACO ESPECIFICIDADE DO RECEPTOR USO TERAPÊUTICO 
Oximetazolina α1 Como descongestionante nasal 
Fenilefrina α1 
Como descongestionante nasal 
Elevação da pressão arterial 
Tratamento da taquicardia 
supraventricular paroxística 
Clonidina α2 Tratamento da hipertensão 
Salbutamol 
Terbutalina 
β2 
Tratamento do broncoespasmo 
(ação curta) 
Salmeterol 
Formoterol 
β2 
Tratamento do broncoespasmo 
(ação longa) 
Anfetamina α, β, SNC 
Como estimulante do SNC no 
tratamento de crianças com 
síndrome de déficit de atenção, 
narcolepsia e controle de 
apetite 
Efedrina 
Pseudoefedrina 
α, β, SNC 
Como descongestionante nasal 
Elevação da pressão arterial 
Fonte: Farmacologia Ilustrada.