A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
22 pág.
1- reciclagem-Rose-69

Pré-visualização | Página 1 de 5

UNIVERSIDADE PITÁGORAS UNOPAR
Sistema de Ensino A DISTÂNCIA
PEDAGOGIA - LICENCIATURA
ROSE MARA COUTO NASCIMENTO
PROJETO DE ENSINO EM PEDAGOGIA
A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Cidade
2020
Cidade
2020
Cidade
Guajargá - RO
2020
ROSE MARA COUTO NASCIMENTO
PROJETO DE ENSINO EM PEDAGOGIA
A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Projeto de Ensino apresentado à Universidade Pitágoras Unopar, como requisito parcial à conclusão do Curso de Pedagogia.
Docente supervisor: Prof. Natalia Gomes dos Santos 
Guajargá - RO
2020
SUMÁRIO
INTRODUÇÃO	3
1	TEMA	4
2	JUSTIFICATIVA	5
3	PARTICIPANTES	6
4	OBJETIVOS	6
5	PROBLEMATIZAÇÃO	7
6	REFERENCIAL TEÓRICO	8
7	METODOLOGIA	14
8	CRONOGRAMA	15
9	RECURSOS	16
10	AVALIAÇÃO	16
CONSIDERAÇÕES FINAIS	17
REFERÊNCIAS	17
INTRODUÇÃO
O projeto de ensino a ser apresentado traz como tema: “A importância da educação ambiental na educação infantil”. Este contempla a linha da docência na educação infantil. Torna-se importante a abordagem deste tema, pois o mesmo está inserido dentro das ciências naturais contemplando o eixo meio ambiente que tem a finalidade de compreender a natureza e como a vida se processa.
A Educação Ambiental e reciclagem deve ocorrer nas famílias, nas organizações sociais, clubes de serviços, sindicatos, empresas públicas e privadas e através das mais variadas manifestações culturais, artísticas, sociais; capazes de influenciar valores, atitudes, comportamentos, estilos de vida pessoal e coletivo e até mesmo modelos de desenvolvimento.
A Educação Ambiental e a reciclagem são de suma importância para conscientizar não apenas as crianças, como também família e comunidade escolar, sobre a preservação do meio ambiente, conhecendo a importância dos jogos nesse processo. Assim os conteúdos abordados neste projeto será a conscientização, valores, reciclagem, mudança de hábitos, ludicidade, confecção de jogos com sucatas e dentre outros.
Consumimos um grande número de produtos que vem em embalagens descartáveis. O homem passou a viver então a era dos descartáveis, onde a maior parte dos produtos são inutilizados e jogados fora. Costuma-se chamar de sucata esse material descartável, cujo destino é o lixo. Na realidade sucata é matéria-prima que pode e deve ser reaproveitada com criatividade na construção de brinquedos, jogos e materiais pedagógicos para serem trabalhados em aula. Deve-se fazer uma reflexão junto aos alunos, sobre a redução dos resíduos e a proteção dos recursos naturais, contribuindo, de forma lúdica, para uma aprendizagem significativa e para a adoção de práticas mais cidadãs.
O referencial teórico será desenvolvido mediante pesquisas bibliográficas em documentos que tratam esta temática, e também fundamentada em alguns teóricos, que são eles: Benjamim, Weiss e outros.
16
TEMA 
O projeto tem como tema “A importância da educação ambiental na educação infantil”. O estudo do meio ambiente na escola tem como objetivos básicos despertar a curiosidade do aluno e o espírito de investigação. No entanto, o que normalmente se observa é que esse ensino acontece de forma didática, com resultados prontos, um reflexo claro da falta de preparo do professor das séries iniciais do Ensino Fundamental, como pesquisador. 
É claro que outros fatores também influenciam, como as condições de infraestrutura da escola e a própria formação do professor. Nesse sentido, a formação docente deve voltar-se para uma escola real e não ideal, preparando o futuro professor para enfrentar realidades diversas.
A busca pela integração da Educação Ambiental em sua amplitude não como parte, mas como um todo que permita alcançar a proteção ambiental, tentando ser uma forma não ecologista nem econômica, contudo com uma análise mais profunda das relações existentes entre a ordem social, econômica, política e cultural e a ordem natural.
A ideia tem importância para o ensino, pois a educação ambiental e reciclagem devem ser ensinados em casa e nas escolas, dessa forma, torna-se necessário que os professores desenvolvam atividades e projetos envolvendo esse tema.
O tema educação ambiente e reciclagem está direcionada para o ensino e a aprendizagem na educação básica de pedagogia, contempla a docência e a pesquisa na educação infantil, sendo este tema relacionado às temáticas abordadas no curso.
A temática desenvolvida contribui para o crescimento profissional e acadêmico, tendo viabilidade da ideia, onde é possível de ser executada na educação de acordo com o segmento de atuação da pedagogia.
O problema de pesquisa está bem definido, de acordo com o tema desenvolvido neste projeto. A metodologia utilizada para a elaboração deste projeto será pesquisa bibliográfica e outros materiais de fácil acesso para a escrita do projeto.
JUSTIFICATIVA
A criança realiza suas atividades individual ou coletivamente sob a observação dos adultos, sendo o professor figura fundamental nesse processo de construção do conhecimento. Afirma Mukhina que:
O que importa, porém, não são os grandes resultados, mas fazer as crianças compreenderem o caráter de trabalho de seus atos. Essa conscientização orienta o desenvolvimento psíquico da criança para a vida futura como membro consciente da sociedade. (MUKHINA, 1995, p 185).
Mediante esta citação que acabamos de ver, podemos refletir que ensinar ciências na educação infantil, não visa apenas resultados que o professor almeja alcançar, mas sim fazer com que as crianças compreendam o caráter de trabalho de seus atos. 
A educação ambiental deverá ter um enfoque global e integrado, não podendo ser reduzida a uma disciplina escolar. Deverá ser responsabilidade de toda a escola e permear todo o currículo escolar, visando em última estância, que a comunidade se estruture e se organize para o desenvolvimento de pesquisas permitindo que, com recursos próprios e tecnologia adequada, sejam resolvidos os problemas prioritários. KRASILCHIK (2005: 192)
Nesse sentido podem ser utilizadas várias estratégias como: oficinas com materiais recicláveis, produção de cartazes, painéis, palestras, compostagem, ornamentação das salas e do pátio interno das escolas com plantas, arborização do bairro, passeio ecológico às Reservas Florestais, peças teatrais, feira ambiental, distribuição de mudas de plantas para plantio, construção de um canteiro de hortaliças medicinais, mutirão com pais e educandos, cultivo de uma agrofloresta, e aulas de campo. Para Marodin e Morais: 
Através da reciclagem, o lixo passa a ser visto de outra maneira, não como não como um final, mais como o início de um ciclo em que podemos preservar o meio ambiente, a participação consciente e a transformação de hábitos (MARODIN E MORAIS, 2004, p.3). 
A escolha por esse tema se justifica por constatar que os Parâmetros Curriculares Nacionais trazem o tema transversal Meio Ambiente como parte das Ciências Naturais enfocando problemas ambientais e históricos sendo trabalhado a reciclagem. 
PARTICIPANTES
Os participantes deste projeto de ensino serão crianças da educação infantil e professores que serão responsáveis por intermediar a aprendizagem das crianças quanto a educação ambiental e reciclagem.
Crianças – Realizarão as atividades destinadas a reciclagem e educação ambiental, onde as atividades serão de forma lúdica envolvendo toda a escola.
Professores – Responsáveis por proporcionar as crianças o ensino quanto a reciclagem e educação ambiental, mostrando a importância das crianças quanto ao meio ambiente.
Comunidade – Irá participar do projeto de reciclagem junto com a escola, família e alunos.
OBJETIVOS
Objetivo geral: Conscientizar as crianças desde bem cedo a mudarem seus hábitos de reciclagem para a promoção de um ambiente conservado, pois estas crianças serão os adultos de amanhã.
Objetivos específicos:
- Analisar a importância da educação ambiental e reciclagem nas escolas; 
- Fazer com que as crianças compreendam, por meio de um processo integrador

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.