A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Teorias atuais sobre a motivação

Pré-visualização | Página 1 de 1

A MOTIVAÇÃO CONTEMPORÂNEA
 
Clayton Alderfer (1960): formulou a teoria ERC
(existence, relatedness and growth), que é uma
redifinição da teoria de necessidades de
Maslow. 
 
O autor reagrupou as cinco necessidades da
teoria de Maslow em três, existência,
relacionamento e crescimento). 
 
Aqui a existência incluiria as necessidades
inferiores de Maslow. Já relacionamento
englobaria as necessidades sociais e de estima.
Por fim, crescimento equivaleria à necessidade
de autorrealização de Maslow.
 
 
Para mais materiais
e conteúdos em psicologia, 
acesse:
 
@psicodidata
@psicodidata
 
 
David McClelland (1953): descreve de modo
geral três necessidades também, que são
agrupadas em poder, afiliação e realização. As
três se inter-relacionam conforme
particularidades individuais, podendo haver
dominância de qualquer uma delas sobre as
outras.
 
Nesse sentido, a motivação no trabalho
depende da configuração que essas
necessidades assumem em cada indivíduo.
 
Deci (1985): formulou a teoria da avaliação
cognitiva, considerando que as pessoas avaliam
suas ações com base no que acreditam ser suas
percepções sobre causas ou razões, sendo que
essa avaliação afetaria diretamente seu estado
motivacional.
Psicologia Organizacional
@PSICODIDATA
1
TEORIAS ATUAIS SOBRE MOTIVAÇÃO