A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
44 pág.
Direito-Administrativo-Diferencas-praticas-entre-cargos-empregos-e-funcoes-publicas

Pré-visualização | Página 1 de 14

2 www.grancursosonline.com.br
Diferenças Práticas entre Cargos, Empregos e Funções Públicas
DIREITO ADMINISTRATIVO
INTRODUÇÃO ....................................................................................................................3
1. NORMAS CONSTITUCIONAIS RELATIVAS AOS SERVIDORES PÚBLICOS ............3
2. A ORGANIZAÇÃO LEGAL DO SERVIÇO PÚBLICO ....................................................5
3. O DIREITO DE ACESSO AOS CARGOS, EMPREGOS E FUNÇÕES PÚBLICAS ......8
3.1. Requisitos de Acesso ................................................................................................9
4. CONCURSO PÚBLICO ................................................................................................10
4.1. Exceções à Regra do Concurso Público................................................................12
5. ACUMULAÇÃO DE CARGOS, EMPREGOS E FUNÇÕES ........................................13
5.1. Exceção à Regra da Acumulação ...........................................................................14
6. RESUMO .......................................................................................................................16
7. QUESTÕES COMENTADAS ........................................................................................17
GABARITO .......................................................................................................................43
Sumário
3 www.grancursosonline.com.br
Diferenças Práticas entre Cargos, Empregos e Funções Públicas
DIREITO ADMINISTRATIVO
Renato Borelli
Juiz Federal do TRF1. Foi Juiz Federal do TRF5. Exerceu a advocacia privada e pública. Foi servidor 
público e assessorou Desembargador Federal (TRF1) e Ministro (STJ). Atuou no CARF/Ministério da 
Fazenda como Conselheiro (antigo Conselho de Contribuintes). É formado em Direito e Economia, com 
especialização em Direito Público, Direito Tributário e Sociologia Jurídica.
INTRODUÇÃO
Olá!
Você sabe quais são as diferenças existentes entre cargos, empregos e funções públicas?
No estudo de hoje, iremos abordar as diferenças mencionadas não apenas sob a ótica 
legal, mas também doutrinária e jurisprudencial! Ao final, temos uma bateria de 30 (trinta) 
questões de concursos públicos, todas comentadas, para melhor fixação do conteúdo.
Vamos lá?
1. NORMAS CONSTITUCIONAIS RELATIVAS AOS SERVIDORES PÚBLICOS
Nossa Carta Constitucional trouxe diversas regras de organização do Estado brasileiro, 
dentre as quais aquelas concernentes à Administração Pública e seus agentes.
A expressão agente público tem sentido amplo, servindo para designar qualquer pessoa 
física que exerça uma função pública, de forma remunerada ou gratuita, de natureza 
política ou administrativa, com investidura definitiva ou transitória.
Os agentes políticos são aqueles que exercem típicas atividades de governo, cabendo-
-lhes propor ou decidir as diretrizes políticas dos entes públicos. Nessa categoria estão inclu-
ídos os chefes do Poder Executivo federal, estadual e municipal, bem como seus auxiliares 
diretos (Ministros e Secretários de Governo) e os membros do Poder Legislativo (Senadores, 
Deputados e Vereadores).
Os agentes políticos, em geral, exercem mandato eletivo. A exceção fica por conta dos 
Ministros e Secretários, que ocupam cargos comissionados, de livre nomeação e exoneração.
Alguns autores, a exemplo do saudoso mestre Hely Lopes Meirelles, dão sentido mais 
amplo à categoria de agentes políticos, de forma a compreender os demais agentes que 
exercem, com alto grau de autonomia, parcelas da soberania do Estado em virtude de pre-
visão constitucional. Tal é o caso dos membros da Magistratura, do Ministério Público e dos 
Tribunais de Contas.
A doutrina moderna constitucionalista confere ao Poder Judiciário um papel muito mais 
atuante e politizado do que houvera em outros tempos, já que os juízes exercem também 
uma parcela da soberania do Estado (Hely Lopes Meirelles, 2003, e Maria Sylvia Zanella Di 
Pietro, 2006). No entanto, nos manuais de alguns doutrinadores do Direito Administrativo, a 
exemplo de José dos Santos Carvalho Filho, Diogenes Gasparini, Celso Antônio Bandeira 
4 www.grancursosonline.com.br
Diferenças Práticas entre Cargos, Empregos e Funções Públicas
DIREITO ADMINISTRATIVO
de Mello, entre outros, essa visão mais moderna não é compartilhada, dado que entendem 
que os juízes não seriam agentes políticos em razão de não terem a atribuição de definir as 
políticas públicas ou a possibilidade de serem eleitos.
Outra categoria de agentes públicos é a dos particulares em colaboração com o Poder 
Público. Nessa classe encontram-se as pessoas físicas que prestam serviços ao Estado, 
sem vínculo de trabalho, com ou sem remuneração. Exemplos: 
a) titulares de serviços notariais e de registro público não oficializados; 
b) jurados;
c) convocados para prestar serviço eleitoral etc. 
A terceira categoria de agentes públicos é composta pelos militares, que, anteriormente 
ao advento da EC nº19/1998, eram tratados como “servidores militares”. São militares aque-
les que prestam serviços às Forças Armadas (Marinha, Exército e Aeronáutica), às Polícias 
Militares ou aos Corpos de Bombeiros Militares dos Estados, Distrito Federal e territórios, 
sob vínculo jurídico estatutário e com remuneração paga pelos cofres públicos. Em que pese 
se submeterem a um regime jurídico indiscutivelmente estatutário (disciplinado em lei), os 
militares se submetem a regras jurídicas diversas daquelas aplicadas aos servidores civis 
estatutários, o que justifica o enquadramento numa categoria própria de agentes públicos.
Sem prejuízo da legislação específica a que estão submetidos, a Constituição Federal 
assegurou aos militares alguns direitos sociais conferidos aos trabalhadores em geral, quais 
sejam: 13º salário, salário-família, férias anuais remuneradas com acréscimo de pelo menos 
um terço da remuneração normal; licença à gestante com a duração de 120 dias; licença-
-paternidade e assistência gratuita aos filhos e dependentes desde o nascimento até cinco 
anos de idade em creches e pré-escolas. 
Além disso, submetem-se por força constitucional a algumas regras próprias dos servi-
dores públicos civis: teto remuneratório, irredutibilidade de vencimentos, proibição de vincu-
lação ou equiparação de quaisquer espécies remuneratórias para efeito de remuneração e 
proibição de que acréscimos pecuniários já auferidos repercutam no cálculo de novos acrés-
cimos pecuniários. 
Não obstante tais semelhanças, aos militares são aplicadas vedações que constituem, 
em regra, direito dos demais agentes públicos, como são os casos da sindicalização, da 
greve e, quando em serviço ativo, da filiação a partido político.
Por fim, temos os servidores públicos (servidores civis). Em sentido amplo, servidor 
público são todas as pessoas físicas que prestam serviços às entidades federativas ou as 
pessoas jurídicas da Administração Indireta em decorrência de relação de trabalho e com 
remuneração paga pelos cofres públicos, integrando o quadro funcional dessas pessoas 
jurídicas.
5 www.grancursosonline.com.br
Diferenças Práticas entre Cargos, Empregos e Funções Públicas
DIREITO ADMINISTRATIVO
Alguns autores administrativistas dividem os servidores públicos em civis e militares. Em 
razão de termos adotado a classificação proposta por Maria Sylvia Z. Di Pietro, optamos por 
tratar os servidores militares como uma categoria à parte, chamando-os apenas de militares, 
utilizando a expressão servidores públicos para designar apenas os servidores públicos civis.
Os servidores estatutários são aqueles que ocupam cargo público, sendo regidos pelo 
regime estatutário, enquanto os empregados públicos são aqueles contratados sob o regime 
da CLT e que ocupam empregos públicos. Por fim, têm-se os servidores temporários, que 
são os contratados por tempo determinado para atender à necessidade temporária de excep-
cional interesse público. Estes últimos exercem funções públicas, mas sem ocupar cargo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.