A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Processo Penal - Efeito dos recursos

Pré-visualização | Página 1 de 1

EFEITOS DOS RECURSOS 
 Efeito devolutivo: devolve-se ao tribunal a matéria alegada no recurso. Todo recurso 
tem. 
 Efeito regressivo: o juiz deve reanalisar a decisão à luz do recurso interposto 
1. Juízo de retratação penal: Rese, agravo de execução e carta testemunhável 
 Efeito suspensivo: Enquanto não julgado o recurso, a decisão não produz efeitos 
1. Se o réu for condenado a pena maior ou igual a 15 anos, haverá prisão 
automática 
 Efeito extensivo dos recursos: se o recurso interposto por um dos corréus for 
favorável a ele e se fundar em questões que não sejam de caráter exclusivamente 
pessoal, haverá extensão para aquele que não recorreu – art. 580, CPP 
- 
 
RECURSO EM SENTIDO ESTRITO 
 Arts. 581 e ss, CPP 
 O rol de cabimento do art. 581 é taxativo 
1. Admite interpretação extensiva 
 Está previsto em leis especiais, como o CTB, que prevê o RESE em seu art. 294 
 O RESE tem 24 hipóteses 
 Contra decisão judicial que não receber a denúncia ou queixa, cabe RESE (Art. 581, I, 
CPP) 
o Fluxograma do Procedimento Comum Ordinário 
 
 
Hipóteses de rejeição da denúncia – art. 395, CPP 
1. Denuncia ou queixa manifestamente inepta (denúncia ou queixa inepta é 
aquela que não permite o correto exercício do direito de defesa – quando 
não descreve quando, de que forma, como foi praticada a conduta) 
2. Falta de condições da ação ou pressupostos processuais 
3. Faltar justa causa – suporte probatório mínimo para o oferecimento da 
denúncia 
 Súmula 707, STJ 
 
 
 
Art. 581, II e IV 
 II – Decisão que concluir pela incompetência de juízo 
 IV – Decisão que pronunciar o réu 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Fluxograma da 1º fase do júri 
 
 
 Vão para júri os crimes dolosos contra a vida, consumados ou tentados, e os 
crimes conexos (se houve homicídio e ocultação de cadáver, a ocultação de 
cadáver também vai a júri) 
 Não há previsão expressa de conversão dos debates orais em memoriais 
escritos, mas pode haver caso seja aplicado subsidiariamente o rito ordinário 
1. No rito ordinário é obrigatória a apresentação de memoriais da defesa, 
diferentemente da primeira fase do júri 
 
 
DESCLASSIFICAÇÃO – ART. 419 
 O juiz entende que não se trata de crime doloso contra a vida e remete os autos para 
o juízo competente 
 
 
DESCLASSIFICAÇÃO – ART. 419 
 Cautelares pessoais – art. 581, V e VII 
1. Cabe RESE sobre o art. 319 por interpretação extensiva 
 Art. 581, VIII e IX – da decisão que declarar extinta a punibilidade ou indeferir seu 
pedido, cabe RESE 
 Art. 581, X – Da sentença que conceder ou negar o HC cabe RESE para o TJ, mas se o 
TJ ou TRF nega HC, não cabe RESE, mas sim ROC – art. 105, II, CF 
 Processamento do RESE 
1. 
 
Após as contrarrazões ao RESE, o juiz pode reconsiderar ou não reconsiderar a 
decisão – se ele reconsidera, incide no art. 589, parágrafo único, se ele não 
reconsidera, o recurso vai para o tribunal 
2. Art. 589, parágrafo único 
 
 
 Apelação – art. 593 e ss 
 
 
 Da sentença que julga crime político cabe ROC para o STF – Art. 102, II, CF