A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
QUESTÕES RESPONDIDAS-LABORATÓRIO DE PRÁTICAS FUNCIONAIS

Pré-visualização | Página 2 de 3

imunológica do HIV é de 2 a 3 semanas, 
do vírus da hepatite C (HCV) é de 72 dias e do 
vírus da hepatite B (HBV) é em torno de 54 a 
56 dias. Este período varia conforme a 
sensibilidade dos testes diagnósticos, que têm 
sido continuamente melhorados. 
Logicamente, se a doação de sangue ocorrer 
nestes intervalos 
citados, poder haver contaminação dos 
receptores, pois os testes serão negativos, 
mesmo se o doador estiver infectado pelo vírus. 
O doador não deve omitir nenhum fato 
questionado durante a entrevista, pois do 
contrário ele será considerado apto e seu 
sangue transfundido. 
 
 
4) Explique as formas de transmissão 
e tempo 
de incubação do vírus da Hepatite B. 
 
 FORMAS DE TRANSMISSÃO DA HEPATITE B 
 O vírus da hepatite B 
é transmitido pelo sangue e 
outros líquidos/ secreções corporais 
contaminados. 
A transmissão pode também ocorrer em 
situações rotineiras no dia-a-dia, como, 
por exemplo, 
no compartilhamento de alicates de unha. 
Foram identificadas quatro formas de 
transmissão: 
 
•de uma mãe portadora do vírus da hepatite B 
para seu bebê no nascimento; 
• por contato sexual 
com uma pessoa infectada; 
• por injeções ou feridas provocadas por 
material contaminado; 
•por tratamento com derivados de sangue 
contaminados. 
 
TEMPO DE INCUBAÇÃO 
 
 
Cerca de 45 a 180 dias. 
5) 
Cite os sintomas da infeção pelo vírus
 da Hepatite B. 
 
 
 Sintomas 
 Embora a maioria dos adultos desenvolva 
sintomas de infecção aguda pelo vírus da 
hepatite B, muitas crianças não o fazem. 
Adultos e crianças com idade superior a 5 anos 
são mais propensos a ter sintomas. Setenta por 
cento dos adultos desenvolvem sintomas da 
infecção. Os sintomas da hepatite B aguda, se 
eles aparecem, podem incluir: 
 
• Febre 
• Fadiga 
• Perda de apetite 
• Náuseas 
• Vômitos 
• Dor abdominal 
• Urina escura 
• Dor nas articulações 
• Icterícia (cor amarela na pele ou dos olhos) 
 
 
6) Qual o objetivo dos 
testes rápidos para 
o vírus da Hepatite B? 
 
 Os testes rápidos utilizados para triagem 
da infecção pelo vírus da hepatite B (HBV) 
baseiam-
se na técnica de imunocromatografia de fluxo 
lateral, 
que permite a detecção do antígeno de 
superfície do HBV (HBsAg) no soro, 
plasma ou sangue total. 
7) O perfil sorológico de 
um indivíduo que recebeu a vacina 
 
recombinante contra hepatite B inclui 
 resultados positivos para qual 
dos marcadores imunológicos? 
 Anti-HBs: a presença do Anti-HBs é 
geralmente interpretada como recuperação e 
imunidade ao vírus B. O Anti-HBS também é 
detectado em pessoas imunizadas contra o 
vírus B por meio da vacina. 
8) Sabemos que 
no nosso sangue existem diversos tip
os de leucócitos, cada um atuando na
 proteção do nosso corpo contra 
 organismos estranhos. 
Eles podem ser classificados em dois 
grandes grupos: os granulócitos e os 
agranulócitos. Diferencie os leucócito
s granulócitos dos agranulócitos. 
>Os leucócitos podem ser classificados em dois 
tipos básicos: granulócitos e agranulócitos. 
>Os granulócitos são aqueles que apresentam 
grânulos no seu citoplasma; 
 >Os agranulócitos, 
por sua vez, não apresentam essas estruturas. 
9)Quais são os aspectos Infecções virais agudas estão associadas a 
 
hematológicos que melhor 
representam uma infeção viral? 
anormalidades hematológicas transitórias, mais 
 frequentemente linfocitose com alterações 
reacionais dos linfócitos. 
Com alguns vírus, essas alterações podem ser 
suficientemente severas para simular 
mononucleose infecciosa. Outras infecções 
virais agudas estão associadas à neutrofilia. 
A contagem de eosinófilos está reduzida 
durante a infecção aguda, elevando-
se na convalescência. Durante 
a infecção viral ativa pode haver 
trombocitopenia, devido ao consumo de 
plaquetas. 
10) Qual 
o período que deve ser administrada 
a primeira dose 
da vacina da hepatite B 
(recomendada pelo Ministério da 
Saúde)? 
 Administrar 1 (uma) dose ao nascer, 
o mais precocemente possível, nas primeiras 24 
horas, preferencialmente nas primeiras 12 
horas após o nascimento. Esta dose pode ser 
administrada até 30 dias após o nascimento. 
11) Os testes rápidos (TR) constituem 
imunoensaios de execução simples, 
que podem ser realizados em até 30 
minutos e não necessitam de estrutur
a laboratorial, embora, 
a depender da amostra trabalhada, s
ejam necessários cuidados de biosseg
urança. Os TR utilizados para 
o diagnóstico da hepatite B são realiz
ados com sangue total colhido por pu
nção da polpa digital ou por punção 
venosa, com soro ou com plasma. 
Esses 
testes permitem a detecção do? 
 HBsAg: Antígeno de superfície da Hepatite B. 
 
Referências: 
 
 
REFERÊNCIAS 
SILVERTHORN, D. Fisiologia Humana: Uma 
Abordagem Integrada, pg, 775,7ª Edição, 
Artmed, 2017 
https://www.fcav.unesp.br/Home/departamentos/p
atologia/HELIOJOSEMONTASSIER/ed-12-vacinas-e-
imunoterapia.pdf 
 
http://www.dbbm.fiocruz.br/hec/epidem/3doenca.
html 
 
http://www.ibex.eb.mil.br/en/banco-de-
sangue/perguntas-frequentes/2- uncategorised/288-
o-que-%C3%A9%E2%80%9Cjanela-
 imunol%C3%B3gica%E2%80%9D.html 
https://portal.fiocruz.br/pergunta/qual-e-o-tempo-
de- 
 
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-
b-sintomas-transmissao-e-
prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20he
patite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%2
0de%20unha. 
 
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext
&pid=S0037-86822000000400010&lang=pt 
 
https://telelab.aids.gov.br/moodle/pluginfile.php/22
182/mod_resource/content/5/Hepatites%20-
%20Manual%20Aula%203_CORRIGIDO%202017.pdf
#:~:text=Os%20testes%20r%C3%A1pidos%20utilizad
os%20para,soro%2C%20plasma%20ou%20sangue%2
0total. 
 
https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/20
19/marco/22/Instrucao-Normativa-Calendario-
Vacinacao-Site.pdf 
 
https://crfrn.org.br/2020/AULAS/Aula-
Diagn%C3%B3stico-das-Hepatites.pdf 
 
 
 
https://www.fcav.unesp.br/Home/departamentos/patologia/HELIOJOSEMONTASSIER/ed-12-vacinas-e-imunoterapia.pdf
https://www.fcav.unesp.br/Home/departamentos/patologia/HELIOJOSEMONTASSIER/ed-12-vacinas-e-imunoterapia.pdf
https://www.fcav.unesp.br/Home/departamentos/patologia/HELIOJOSEMONTASSIER/ed-12-vacinas-e-imunoterapia.pdf
http://www.dbbm.fiocruz.br/hec/epidem/3doenca.html
http://www.dbbm.fiocruz.br/hec/epidem/3doenca.html
http://www.ibex.eb.mil.br/en/banco-de-sangue/perguntas-frequentes/2-
http://www.ibex.eb.mil.br/en/banco-de-sangue/perguntas-frequentes/2-
https://portal.fiocruz.br/pergunta/qual-e-o-tempo-de-
https://portal.fiocruz.br/pergunta/qual-e-o-tempo-de-
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-b-sintomas-transmissao-e-prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20hepatite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%20de%20unha
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-b-sintomas-transmissao-e-prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20hepatite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%20de%20unha
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-b-sintomas-transmissao-e-prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20hepatite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%20de%20unha
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-b-sintomas-transmissao-e-prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20hepatite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%20de%20unha
https://www.bio.fiocruz.br/index.php/br/hepatite-b-sintomas-transmissao-e-prevencao#:~:text=O%20v%C3%ADrus%20da%20hepatite%20B,compartilhamento%20de%20alicates%20de%20unha
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0037-86822000000400010&lang=pt
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0037-86822000000400010&lang=pt
https://telelab.aids.gov.br/moodle/pluginfile.php/22182/mod_resource/content/5/Hepatites%20-%20Manual%20Aula%203_CORRIGIDO%202017.pdf#:~:text=Os%20testes%20r%C3%A1pidos%20utilizados%20para,soro%2C%20plasma%20ou%20sangue%20total