A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
DISTÚRBIOS RESPIRATÓRIOS NO RN

Pré-visualização | Página 2 de 2

por volta de 35 semanas de gestação, são 
orientadas a fazer swab anal, para avaliar se são colonizadas 
ou não pelo estreptococo, para fazer a profilaxia). 
Outras bactérias: Escherichia coli, Klebsiella, Listeria, Ureaplasma e pneumococos 
Infecções tardias (> de 7 dias): considerar Staphylococcus, Pseudomonas e fungos. 
• As manifestações clínicas e radiológicas são inespecíficas 
• Suspeita: hemocultura positiva ou de dois ou mais critérios expostos. 
OBS: todo trabalho de parto prematuro sem causa aparente, sempre pensar no risco infeccioso do RN. 
 
Sinais clínicos sugestivos de sepse: 
• Intolerância alimentar 
• Letargia 
• Hipotonia 
• Hipo ou hipertermina 
• Distensão abdominal 
Triagem laboratorial positiva para sepse: 
• Escore hematológico de Rodwell maior ou igual a 3 elevado a 18 
• Proteína C reativa positiva. 
Tratamento: 
• Nos casos de início precoce (primeiras 72 horas de vida) 
• Ampicilina + gentamicina 
• Suporte hídrico e nutricional 
• Suporte ventilatório 
MARIA GABRIELA CALAÇA DE ARAÚJO – AISCA I – PROF. LAURA MELO 
5