A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Testes de força dos músculos do antebraço

Pré-visualização | Página 1 de 1

Testes de força
músculos do 
Antebraço
PRONADOR REDONDO
FLEXOR RADIAL DO CARPO 
FLEXOR PROFUNDO DOS DEDOS
FLEXOR SUPERFICIAL DOS DEDOS
FLEOXR LONGO DO POLEGAR
FLEXOR ULNAR DO CARPO
PALMAR LONGO 
REGIÃO POSTERIOR
Paciente sentado ou em DD, o examinador
estabiliza a mão. flexão da junta
metacarpofalângica do polegar sem flexão da
junta interfalângica, contra a superfície
palmar da falange proximal na direção da
extensão. 
Deformidade em flexão da junta
metacarpofalângica. 
Paciente sentado ou em DD, o examinador estabiliza a mão.
flexão e produz uma contrapressão contra a superfície
palmar do metacarpal I e da falange proximal. Extensão da
junta interfalângica do polegar, na direção de flexão.
Diminui a capacidade de estender a junta interfalângica do
polegar, na direção da flexão. 
Paciente sentado ou em DD, o antebraço
repousa sobre a mesa para suporte, em posição
de supinação. O teste tensão da fáscia palmar
pelo fechamento forte da palma da mão e
flexão do punho. Pressão contra as eminências
tênar e hipotênar, na direção do achatamento
da palma da mão, e contra a mão, na direção
da extensão do punho. Diminui a capacidade de
fechar a palma da mão e a força da flexão do
punho. 
Paciente sentado ou em DD, o examinador
estabiliza as juntas metacarpofalângicas, com o
punho em posição neutra ou em discreta
extensão. Flexão da junta interfalângica
proximal, com a junta interfalângica distal
estendida, do segundo, terceiro, quarto e quinto
dedos da mão. Contra a superfície palmar da
falange média, na direção de extensão. 
Paciente sentado ou em DD, com o punho em discreta extensão,
o examinador estabiliza as falanges proximal e média. Flexão
da junta interfalângica distal do segundo, terceiro, quarto e
quinto dedos da mão, Contra uma superfície palmar da falange
distal, na direção da extensão. 
Paciente sentado ou em DD,
o antebraço é colocado em
supinação completa e pode
repousar sobre a mesa para
suporte ou ser segurado pelo
examinador, flexão do punho
em direção ao lado ulnar. 
Paciente sentado ou em DD, o antrebraço é
colocado em posição um pouco abaixo da
supinação completa e pode repousar sobre a
mesa para suporte ou é segurado pelo
examinador, flexõ do punho em direção ao lado
radial. 
Luana S Nascimento