A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Tecido Epitelial

Pré-visualização | Página 1 de 1

O tecido epitelial caracteriza-se por 
apresentar células unidas e com pouca 
matriz extracelular entre elas. 
Nesse tecido, são encontradas células 
responsáveis pelo revestimento de 
superfícies e pela secreção de substâncias. 
O tecido epitelial tem sua origem dos três 
folhetos embrionários 
Ectoderma (Pele e anexos) 
Endoderma (glândula tireoide, paratireoide, 
córtex da adrenal e revestimento de alguns 
órgãos) 
Mesoderma (córtex da adrenal, parte dos 
rins, mesotélio – células pavimentosas que 
revestem as cavidades corporais). 
 Revestimento e Proteção 
 Secreção 
 Absorção 
 Permeabilidade Seletiva 
 Percepção de Sensações 
 Justaposição das células e pela 
pouca matriz extracelular; 
 Avascular; 
 Células unidas e organizadas; 
 Alta capacidade de renovação e 
regeneração; 
 Localizado sobre a lâmina basal 
que forma uma barreira que limita e 
controla a troca de macromoléculas 
entre essas células e o tecido 
conjuntivo. 
Responsável pelo revestimento da superfície 
e cavidades do corpo, órgãos. 
 Número de camadas celulares 
Simples: Uma única camada celular; 
Estratificado: Mais de uma camada celular; 
Pseudoestratificado: Uma única camada 
celular, com células de diferentes alturas. 
 Forma das células 
Pavimentoso: Células achatadas; 
Cúbico: Células cúbicas; 
Prismático (colunar ou cilíndrico): Células 
prismáticas; 
Epitélio de Transição: Células de forma 
variável. 
Os epitélios glandulares são responsáveis 
pela produção de substâncias úteis ao 
organismo (secreções). De acordo com o 
destino das secreções, tem dois tipos 
fundamentais de tecidos glandulares: 
Exócrino e Endócrino. 
 São glândulas que 
possuem ductos e liberam sua secreção em 
cavidades ou na superfície do corpo. 
 Exemplo: glândulas sudoríparas, 
lacrimais, sebáceas, salivares, etc. 
 São glândulas 
sem ductos que produzem secreções 
lançadas diretamente no sangue. 
 Exemplo: glândula hipófise, tireoide, 
suprarrenal, etc. 
 Possui uma porção 
endócrina e uma porção exócrina. 
 Exemplo: Pâncreas