A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Odontometria

Pré-visualização | Página 1 de 1

Odontometria
Preparo
Escolha dos instrumentos
-Limas (sempre maior que o CAD)
Métodos
Sinestésico
-Baseado nas sensações (tátil e dolorosa)
-(AI (sensação dolorosa) -1mm)
-Taxa de sucesso 10-20%
Radiográfico
Ingle
-Taxa de sucesso 50-60%
-1o Etapa: Radiografia > Cálculo do CAD (medir a radiografia) 
-2o Etapa: Calculo do CRI= CAD-3mm 
-3o Etapa: Inserir a lima no CRI > Radiografia
-4o Etapa: Calcular o X (distância entre a ponta do instrumento e o vértice da raiz)
-5o Etapa: Calcular CRT= CRI+X-1 (se o x for maior que 2 mm deve ser realizado outra radiografia para confirmar o CRT) 
Bregman
Baseada entre as proporções entre as medidas reais e aparentes dos dentes, com base no teorema de Tales
-1o Etapa: Radiografia > Cálculo do CAD (medir a radiografia)
-2o Etapa: Calculo do CRI= CAD-3mm 
-3o Etapa: Inserir a lima no CRI > Radiografia
-4o Etapa: Lei das proporções
 >>> >>> 
Eletrônico
-Taxa de sucesso 90-100%
-Vantagens: higiene radiográfica; rapidez e praticidade; confiabilidade; odontometria dinâmica
-Desvantagens: custo do equipamento; necessita de tratamento 
-Indicações: Sobreposições; Pacientes que não colaboram na radiografia; Sobreposição do processo zigomático da maxila; Pacientes gestantes.
-Contra-indicações: Ápices abertos; Portadores de marcapasso.
-Utilização clínica (autoclavar clip e alça labial; filme de PVC no aparelho)
-Regras: Dente isolado; Ausência de saliva e restaurações metálicas; Câmara seca; Determinar CRI)