A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
HIDROXIDO DE CÁLCIO E VERNIZ CAVITÁRIO

Pré-visualização | Página 2 de 2

Propriedades: 
Usado em casos de Exposição pulpar 
Atividade microbiana diretamente ligada a doação 
de íons hidroxila elevando o pH= ambiente 
desfavorável bactérias 
Baixa solubilidade comparado ao hidróxido de 
cálcio 
 
 
Verniz cavitário 
É um agente para selamento 
Composição: 
Composto por uma resina natural (copal) ou 
sintética dissolvida num solvente orgânico 
Solventes: Acetona, clorofórmio ou éter 
Natureza resinosa lhe confere propriedade 
isolante térmica e elétrica 
Convencionais: resina natural (copal) 
Modificados: resina sintética + hidróxido de cálcio 
e oxido de zn 
 diodo-timol e flúor: função terapêutica ao 
dente, resistência da película, 
bacteriostática e remineralização: 
 Polimetacrilato de metila ou sulfato de 
baro: proporcionam resistência 
Aplicação diretamente relacionada a restaurações 
de amalgama 
Propriedades: 
Minimiza a difusão de íons metálicos da 
restauração para a estrutura dentária 
 Evita o escurecimento do dente 
Excelente vedamento marginal em restaurações 
de amalgama 
 Indicado como agente protetor único de 
cavidades rasas 
 Ou em associação com outros materiais 
em cavidades profundas 
Diminuem a infiltração de bactérias ou toxinas 
bacterianas na dentina e na polpa 
Pequena contração de presa 
Alta solubilidade quando comparados aos 
sistemas adesivos 
Inertes aos fluidos orais – baixa solubilidade 
Proteção parcial contra choques termoelétricos e 
galvanismo (particularmente das restaurações 
metálicas) 
Essa película pode sofrer rachaduras, sendo 
removida total ou parcialmente da superfície 
dentaria durante a condensação do amalgama 
Contraindicado: com resinas compostas 
 Não adere ao dente e inibem a 
polimerização das RCs 
Aplicação: 
 Pincel ou microbrush 
 2 camadas em um único sentido + jato de 
ar 30 s entre uma camada e outra 
 Uniformidade na película