Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
10 pág.
RESPOSTAS

Pré-visualização | Página 1 de 3

Questionário- Monitoria TGE 
Estado moderno e Democracia
1) Explique os três grandes movimentos politicos-sociais que conduziram ao movimento democrático.
O primeiro deles foi a Revolução Inglesa também chamada de Revolução Gloriosa, nela o poder monárquico, severamente limitado, cedeu a maior parte de suas prerrogativas ao Parlamento e instaurou-se o regime parlamentarista. O segundo foi a Revolução Americana que originou documentos como o mais importante deles, “a Declaração de Independência norte-americana”, onde nesses documentos estão contidas as especificações dos direitos requeridos pelos cidadãos que promoveram a Revolução, ideais democráticos bastante influenciados pelos ideais iluministas, etc. Foi um movimento importante para a idéia de República, defesa da liberdade religiosa mais a luta contra as monarquias absolutistas. E por último a Revolução Francesa, considerada um marco para a história, esse movimento derrubou o absolutismo, a “Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão” concretizou finalmente a idéia de um Estado Democrático, formado por cidadãos livres e de regimes opressores e injustos, afinal foi inspirada pelo movimento iluminista. Após esse movimento o povo ganhou mais autonomia e seus direitos sociais passaram a ser respeitados. 
2) Quais os 3 pontos fundamentais que passaram a nortear os Estados como exigências da democracia?
Supremacia da vontade popular, Preservação da liberdade e igualdade de direitos.
3) Quais as classificações que Aristóteles faz dos governos?
Governo de um só (monarquia), Governo de um grupo (aristocracia) e Governo de todo o povo (democracia).
4) Como considera Aristóteles que essas formas de governo se degeneram?
Monarquia degenera em tirania, Aristocracia degenera em oligarquia e democracia degenera em demagogia.
5) O que é poder discricionário?
Poder de fazer o bem, sem se sujeitar a regras, desde que não contrários a constituição.
Democracia Direta, Semidireta e Representativa
6) Quais as principais características da democracia direta? 
A democracia direta é uma forma ideal de exercício de poder, pela qual todos os cidadãos participam ativamente de todos os processos decisórios da sociedade. É prática atualmente quase inexistente, nos dias de hoje.
7) Em que consiste a democracia semidireta?
A democracia semidireta (que costuma ser incluída, por alguns doutrinadores, no modelo de democracia indireta) consiste em um sistema basicamente representativo, sendo, porém, adotados mecanismos que permitem a participação popular na tomada de determinadas decisões, tais como o referendo, plebiscito e Iniciativa popular.
8) O que é plebiscito?
Plebiscito é quando o povo é convocado para emitir a sua opinião sobe à execução de determinada decisão governamental. Esse instrumento é utilizado numa fase anterior à elaboração de qualquer lei acerca da proposta do governo. Trata-se de uma consulta a priori, antes da lei.
9) O que é referendo?
Referendo (referendum) é uma manifestação da vontade do povo, destinada à aprovação ou desaprovação de um ato normativo, seja ele a própria Carta Constitucional, uma lei ordinária ou um ato jurídico. No referendo o povo é chamado para votar após a legislação sobre determinado tema que já foi elaborado e aprovado pelo Estado. Neste caso, o povo deverá aceitar ou não. Trata-se de uma consulta posteriori, depois da lei. 
10) O que é iniciativa popular?
Iniciativa popular é a manifestação direta de um número limitado de eleitores, destinada a apreciar revisão total ou parcial da Constituição, ou a propor novo texto, mediante a apresentação de projeto de lei ou de documento contendo a reivindicação. (Vide art. 61 § 2°)
11) O que é veto popular?
Veto popular é a rejeição, pelo eleitorado, de uma medida governamental.
12) O que é recall?
Recall, criação típica do sistema político norteamericano, é a manifestação popular direta que tem por finalidade: a) a revogação da eleição de um legislador ou funcionário que ocupa cargo eletivo; ou b) a reforma de decisão judicial sobre a constitucionalidade de determinada lei.
13) Como o povo participa do governo na democracia representativa?
O povo concede mandato a alguns cidadãos para que na condição de representantes externem a vontade popular e tomem decisões em seu nome como se o próprio povo estivesse governando.
14) Quais são as mais importantes características do mandato político?
O mandato político é Autonomo, independente, irresponsável e irrevogável (aiii).
Representação Política
15) Explique a representação política através dos partidos políticos.
Os partidos políticos são instrumentos eficazes da opinião pública, dando condições para que as tendências preponderantes no Estado influam sobre o governo, por meio da representação política, onde os partidos políticos ira influenciar naqueles que estão no poder.
16) O que é partido político?
Partido político é um corpo de homens que se unem para colocar seus esforços comuns a serviço do interesse nacional, sobre a base de um principio ao qual todos aderem.
17) Qual a natureza jurídica dos partidos políticos?
De acordo com a CF de 1988, art. 17, § 2°, os partidos políticos adquirem personalidade jurídica nos termos da lei civil, o que significa que sua natureza jurídica é de pessoa jurídica de direito privado
18) Quais os sistemas partidários existentes?
Existem hoje os seguintes sistemas partidários: a) unipartidário (ou monopartidário) em que um só partido domina o cenário político do país, sistema característico de governos ditatoriais; b) bipartidário, em que dois partidos disputam as eleições e elegem representantes; podem existir outros partidos, mas de expressão muito inferior, que não chegam a influir no sistema partidário; e c) pluripartidário (ou multipartidário), em que três ou mais partidos integram o sistema partidário.
19) Qual o posicionamento das correntes doutrinarias (favoráveis e contrários) para a existência dos partidos políticos?
1) Corrente Favorável: São favoráveis a existência do partido político pois apontam que é essencial a existência dos partidos por ser um meio de orientação aos governantes. 2) Corrente Contrária: Os contrários apontam não ser necessária a existência dos partidos por que o povo não gosta de debater idéias abstratas pois no momento de votar os interesses individuais que predominam.
O Sufrágio
20) O que é o sufrágio como um dos principais pontos fundamentais da democracia representativa?
Direito de exercer o voto.
21) Quais os tipos de sufrágio? Explique
Os tipos de sufrágio são o universal e restrito. O sufrágio restrito é a restrição ao direito de voto. O sufrágio é restrito quando o poder de participação se confere somente àqueles que preenchem certos requisitos econômicos, sociais e culturais. O sufrágio universal consiste na extensão do sufrágio, ou o direito de voto, a todos os indivíduos, ou seja, o mais abrangente possível.
22) Indique 5 restrições ao direito de sufrágio.
1)Por motivo de idade; 2)Por deficiência de instrução; 3)Por deficiência física ou mental; 4)Por condenação criminal; 5)Por engajamento no serviço militar;
Sistemas Eleitorais
23) Quais são os sistemas eleitorais? Como são eleitos os representantes em cada um dos sistemas?
Os Sistemas eleitorais são o de representação majoritária e de representação proporcional. O sistema eleitoral majoritário é usado para eleger o chefe do executivo de todas as esferas (presidente, governador e prefeito), e também para as eleições ao Senado Federal. São eleitos aqueles que obtiveram maioria dos votos, desconsiderados os brancos e nulos. O sistema eleitoral proporcional é usado nas eleições para a Câmara dos Deputados e para os órgãos legislativos estaduais e municipais, Nesse sistema, cada partido obtém um número de vagas proporcionais à soma dos votos de todos os seus candidatos, e estas vagas são distribuídas, pela ordem, aos candidatos mais votados daquele partido. 
24) O que é maioria absoluta?
Primeiro número inteiro depois da metade. Quorum (quociente eleitoral) mais qualificado.
25) O que é maioria relativa/simples?
Página123