A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
23 pág.
gabarito_praticas_anatomorfofisiologia

Pré-visualização | Página 1 de 2

Manual de práticas 
da Disciplina de 
Anatomorfofisiologia do 
Sistema Digestório, Endócrino, 
Urinário e Reprodutor 
Masculino e Feminino
2019
GABARITO DAS 
AUTOATIVIDADES
2
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 1 – RECONHECIMENTO E MANUSEIO DE MICROSCÓPIO
Sobre a prática utilizando a letra de papel, de que forma aparece a ima-
gem no microscópio? Porque isso acontece?
R.: A imagem da letra aparece de forma invertida e de ponta cabeça. Isso 
acontece porque a imagem é gerada através da associação da lente das ocula-
res e da objetiva. A lente da objetiva é convexa e acaba invertendo a imagem.
Descreva as estruturas do microscópio óptico, destacando a função das 
estruturas apresentadas na Figura 1.
R.:
1. Pé ou base – sustenta o microscópio.
2. Braço – peça fixa à base, em que estão inseridas todas as outras partes do 
microscópio. 
3. Platina ou mesa – peça paralela à base, onde se coloca a preparação a ob-
servar.
4. Charriot – através do auxílio de suas pinças, permite fixar a lâmina sobre a 
platina e sua movimentação. 
5. Tubo ou canhão – suporta os sistemas de lentes.
6. Revólver – nele estão inseridas as lentes objetivas.
7. Condensador ou diafragma do condensador – controla a entrada de luz que 
atinge o orifício da platina.
9. Filtro – serve para controlar a intensidade luminosa e pode ser aberto ou 
fechado por meio do anel de controle.
10. Controles de ajuste do foco: parafuso macrométrico (eleva a platina), para-
fuso micrométrico (ajuste fino do foco).
11. Controles de movimento da platina – movimentam a platina para frente 
ou para traz. 
12. Objetivas – são as lentes mais importantes do microscópio e geralmente 
se encontram em número de quatro. Possibilita a ampliação da imagem a ser 
observada
13. Oculares – parte externa: onde fixamos o olhar para observar no M.O. Par-
te interna: possui lentes que nos possibilitam ampliação da imagem.
3
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 2 – OBSERVAÇÃO DO SISTEMA DIGESTÓRIO - MACROSCOPIA
FIGURA 1 - SISTEMA DIGESTÓRIO
FONTE: Adaptado de Araguaia (2019)
4
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 2 - TRONCO MASCULINO EM CORTE SAGITAL
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
FIGURA 3 - FARINGE EM CORTE SAGITAL
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
5
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 4 - ESTÔMAGO IN SITU
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
FIGURA 5 - REGIÕES DO ESTÔMAGO, PORÇÃO INICIAL
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
6
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 6 - ESTÔMAGO - PORÇÃO FINAL
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
FIGURA 7 - LOBOS HEPÁTICOS
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
7
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 8 - DUCTOS HEPÁTICOS
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
FIGURA 9 - DUCTOS PANCREÁTICOS
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
8
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 10 - INTESTINO DELGADO
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
FIGURA 11 - INTESTINO GROSSO
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
9
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
a. Quais as estruturas do sistema digestório têm função tanto digesti-
va quanto absortiva? 
R.: Estômago (mesmo que em pequena quantidade absortiva), intestino del-
gado e intestino grosso.
b. Qual a importância de o trajeto do alimento seguir a sequência correta? 
R.: A importância consiste em garantir que o conteúdo alimentar tenha conta-
to com as enzimas digestivas e seja processado o suficiente para que quando 
chegue aos locais de absorção ele esteja apto para tal.
c. Preencha a tabela a seguir com as informações solicitadas com auxí-
lio do material teórico. 
R.:
10
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 3 - OBSERVAÇÃO DO SISTEMA DIGESTÓRIO – 
MICROSCOPIA
FIGURA 1 - LÂMINA DE ESÔFAGO
FONTE: Adaptado de Abrahamsohn e Freitas (2004)
FIGURA 2 - LÂMINA DE ESTÔMAGO
FONTE: Adaptado de Abrahamsohn e Freitas (2004)
11
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 4 - OBSERVAÇÃO DO SISTEMA URINÁRIO – 
MACROSCOPIA
FIGURA 3 - LÂMINA DE INTESTINO DELGADO
FONTE: Adaptado de Abrahamsohn e Freitas (2004)
FIGURA 1 - VISÃO GERAL DO SISTEMA URINÁRIO
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
12
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 2 - RIM DIREITO EM DOIS CORTES FRONTAIS
FONTE: Adaptado de Netter e Machado (2004)
FIGURA 3 - SISTEMA URINÁRIO FEMININO VESICO-TERMINAL EM CORTE FRONTAL
FONTE: Adaptado de Dangelo e Fattini (2007)
13
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 4 - SISTEMA URINÁRIO MASCULINO EM CORTE SAGITAL
FONTE: Adaptado de Netter e Machado (2004)
a. Descreva o caminho percorrido pela urina tendo como base a Figura 1. 
R.: A urina tem sua formação iniciada nos rins, após segue para os ureteres 
até chegar à bexiga, onde fica armazenada até que seja necessário seu esva-
ziamento devido à quantidade de urina. Após, a urina é eliminada para o meio 
externo através da uretra. 
b. Explique a importância das estruturas em destaque na Figura 2. 
R.: São cruciais para o processo de filtração do rim, reabsorção de substâncias 
úteis, equilíbrio hidroeletrolítico, controle da pressão arterial, coleta e excreta 
de substâncias tóxicas e em excesso ao organismo.
14
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 5 - OBSERVAÇÃO DO SISTEMA URINÁRIO – MICROSCOPIA
FIGURA 1 - LÂMINA DE BEXIGA
FONTE: Adaptado de Abrahamsohn e Freitas (2004)
FIGURA 2 - LÂMINA DE RIM
FONTE: Adaptado de Junqueira e Carneiro (2013)
15
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 3 - REGIÃO CORTICAL. TD – TÚBULO DISTAL; TP – TÚBULO PROXIMAL
FONTE: Adaptado de Junqueira e Carneiro (2013)
FIGURA 3 - REGIÃO CORTICAL. TD – TÚBULO DISTAL; TP – TÚBULO PROXIMAL
FONTE: Adaptado de Junqueira e Carneiro (2013)
16
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
PRÁTICA 6 - OBSERVAÇÃO DO SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO - 
MACROSCOPIA
FIGURA 2 - COMPONENTES ESTRUTURAIS DO PÊNIS
FONTE: Adaptado de Netter e Machado (2004)
FIGURA 1 - PELVE MASCULINA EM CORTE SAGITAL
FONTE: Adaptado de Netter e Machado (2004)
17
 Manual de Práticas da Disciplina de Anatomorfofisiologia do Sistema 
Digestório, Endócrino, Urinário e Reprodutor Masculino e Feminino
FIGURA 3 - PÊNIS EM SECÇÃO TRANSVERSAL
FONTE: Adaptado de Netter e Machado (2004)
a. Descreva a função da próstata.
R.: A próstata é responsável por secretar um líquido leitoso com pH em torno 
de 6,5. Esse líquido possui uma série de substâncias que, também, visa a ma-
nutenção da viabilidade e motilidade dos

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.