Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
ROTEIRO DE ESTUDO DE PARASITOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 1

ROTEIRO DE ESTUDO 
 
PARASITOLOGIA 
 
 
 
 
PROTOZOÁRIOS 
 
 
 
 
ENTAMOEBA HYSTOLYSTICA 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Entamoeba histolytica Protozoário 
Ciclo -> monoxeno 
 
Cisto e trofozóito Cisto: contém até 4 
núcleos, 
arredondados, 
menos o trofozóito. 
Trofozóito: contém 
apenas 1 núcleo, 
redondo e 
alongado. 
 
Fecal- oral 
 
 
 
ENTAMOEBA HARTMANNI 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Entamoeba 
hartmanni 
Protozoário 
Ciclo -> monoxeno 
 
Cisto e 
Trofozóito 
Cisto: contém até 4 
núcleos, com formas 
esféricas, não visíveis 
nas preparações não 
coradas; 
Trofozóito: contém 
apenas 1 núcleo 
compacto, central ou 
excêntrico. 
Fecal- oral 
 
 
 
 
ENTAMOEBA COLI 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Entamoeba coli Protozoário 
Ciclo -> monoxeno 
 
Cisto e Trofozóito Cisto: esférico, parede 
espessa, não possui 
vacúolos, contém de 1 a 8 
núcleos. 
Trofozoito: núcleo visível, 
possui um anel de grânulos 
periféricos, cheio e 
vacúolos. 
Fecal- oral 
ENDOLIMAX NANA 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Endolimax nana Protozoário -> rhizopuda 
Ciclo -> monoxeno 
 
Trofozóito, larva e cisto Trofozóito: citoplasma 
claro e cheio de 
vacúolos digestivo. 
Núcleo pequeno, 
vesicular e sem 
grânulos. 
Cisto: elípticos ou 
ovoides, cintem 4 
núcleos pequenos e 
pobres em cromatina. 
Fecal- oral 
 
 
 
IODAMOEBA BUSTSCHILI 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Iodamoeba bustschili 
 
Protozoário 
Ciclo -> monoxeno 
 
Cisto e 
trofozoito 
Cisto: esférico, não 
apresente cromatina 
periférica, cariossoma 
grande e central, 1 só 
núcleo e um grande 
vacúolo de glicogênio. 
Trofozóito: Quando 
corado mostra núcleo 
grande e central, com 
um grande cariossoma 
no centro do núcleo ou 
levemente excêntrico. 
Fecal- oral 
GIARDIA LAMBLIA 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Giardia lamblia Protozoário 
Ciclo -> Monoxeno 
 
Cisto e trofozoito Cisto: ovalado, com 2 ou 
4 núcleos, corpo 
parabasais em seu 
interior. 
Trofozoito: piriforme, 
simétrico bilateralmente, 
dois núcleos do tipo 
vesiculosos e 8 flagelados 
nem sempre visíveis; 
Fecal- oral 
 
 
 
BLASTOCYSTIS HOMINIS 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Blastocystis hominis 
 
Protozoário 
Ciclo -> Monoxeno 
 
Cisto Possui três formas 
mofológicas: vacuolar, 
granular e ameboide 
Vacuolar: esférica, 
sendo caracterizada 
por um grande vacúolo 
central, fina borda de 
citoplasma com muitos 
grânulos. 
Granular: presença de 
grânulos na área 
vacuolar. 
Amebóide: Forma 
irregular, um ou dois 
pseudópodes e um ou 
dois núcleos, não 
contém vacúolo 
central. 
 
Fecal- oral 
 
HELMINTOS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ASCARIS LUMBRICOIDES 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Ascaris lumbricoides Helminto -> nematódeo 
Ciclo -> pulmonar 
 
Ovos e larvas Ovo: apresenta três 
camadas, sendo a mais 
externa grossa, 
irregular e de coloração 
amarronzada. 
Larvas: femeas -> cauda 
reta. 
macho -> cauda 
enrolada. 
Fecal- oral 
 
 
 
ENTEROBIUS VERMICULARES 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Enterobius vermiculares Helminto -> nematódeo 
Ciclo -> monoxeno 
 
Ovos e larvas Ovos: são assimétricos, 
pois possuem um lado 
maia arredondado que 
o outro, possuem casca 
dupla transparente. 
Quando fértil dá para se 
observar o embrião em 
seu interior. 
Larvas: fêmea -> maior 
que o macho e cauda 
reta 
macho -> cauda 
enrolada. 
 
Fecal- oral 
 
Ancylostoma duodenalis 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Ancylostoma 
duodenalis 
Helminto -> nelmatódeo 
Ciclo -> monoxeno 
 
Ovos e larvas Ovo: ovóide ou elíptico, de 
casca fina e transparente, 
entre a casca e a célula 
ovo sempre há um espaço 
claro. 
Larvas: femeas -> cauda 
reta, maior que o macho. 
macho -> cauda enrolada. 
Ambos possuem na boca 
placas ou espinhos duros. 
Fecal- oral 
STRONGYLOIDES STERCORALIS 
 
 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Strongyloides 
stercolaris 
Helminto -> nematódeo 
Ciclo -> pulmonar 
 
Larva rabditoide e 
larva filarióide 
Larva rabditoide: possui 
esôfago rabditoide, 
vestíbulo bucal curto e 
primórdio genital 
visível. 
Larva filarióide: contém 
esôfago cilíndrico que 
se estende quase até a 
metade do corpo d 
larva. Possui vestíbulo 
bucal e cauda termina 
como uma pequena 
bifurcação. 
Penetração das larvas 
filarióides na pele 
(geralmente nas áreas 
da pele mais fina dos 
pés), ingestão de 
alimentos 
contaminados por 
larvas, auto infestação 
interna (mudança da 
larvas rabditóides para 
filaripóides na região 
perianal infestando o 
hospedeiro). 
TRISCHURIS TRICHIURA 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Trichuris trichiura Helminto -> nematódeo 
Ciclo -> monoxeno 
 
Ovos e larvas Ovos: coloração 
marrom, apresentam 
forma de barril por 
possuírem dois tampões 
lipídicos, casca com 3 
camadas. 
Larvas: fêmea -> cauda 
reta, maior que o 
macho. 
macho -> cauda 
enrolada. 
Fecal- oral 
 
 
 
TAENIA 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Taenia sp Helminto -> cestódeo 
Ciclo -> heteroxeno 
 
Ovos, cisticercos 
e proglotes 
Ovos: arredondados, de 
coloração acastanhada e 
possui casca espessa e 
radiada. 
Cisticercos: formato elíptico, 
possui membrana externa e 
contem larva única. 
Proglotes: corpo achatado em 
forma de fita, corpo dividido 
em escólex, corpo e estróbilo. 
 
Taenia solium: ingestão 
de carne de porco crua 
ou mal passada, 
contendo cisticercos. 
Taenia saginata: 
ingestão de carne 
bovina crua ou mal 
passada contendo 
cisticercos. 
Cisticercose: ingestão 
de ovos em água ou 
alimentos 
contaminados. 
SCHISTOSOMA MANSONI 
 
 
Parasita Filo e tipo de ciclo Formas de vida Características Transmissão 
Schistosoma 
mansoni 
 
Nematelminto -> 
Trematódeos 
Ciclo -> heteróxeno 
(caramujo de ambiente 
aquático) 
 
Ovo e Verme 
adulto 
Ovo elipsoidal, com um 
espículo lateral bem 
visível perto da 
extremidade posterior. 
Casca transparente, 
permitindo observar 
miracídio já formado. 
Fecal- oral