A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
ufpr questoes

Pré-visualização | Página 7 de 7

1, 3 e 4 são verdadeiras 
d) Somente as afirmativas 2, 3 e 5 são verdadeiras 
e) As afirmativas 1, 2, 3, 4 e 5 são verdadeiras. 
 
52. (UDESC) 
 “O nome de Emir quase nunca era mencionado nas horas das refeições ou nas conversas animadas por baforadas de narguilé, goles de áraque e lances de gamão. Os filhos de Emilie éramos proibidos de participar dessas reuniões que varavam a noite e terminavam no pátio da fonte, aclarado por uma luz azulada. Era um momento em que os assuntos, já peneirados, esgotados e fartos de serem repetidos, davam lugar a confidências e lamúrias, abafadas às vezes pela linguagem dos pássaros, e entremeadas por exclamações e vozes que pronunciavam o nome de Deus. Era como se a manhã – como uma intrusa que silencia as vozes calorosas da noite – dispersasse o ambiente festivo, arrefecendo os gestos dos mais exaltados, chamando-os ao ofício que se inicia com a aurora. Mas, em algumas reuniões de sextas-feiras, o prenúncio da manhã não os dispersava. Eu acordava com berros dilacerantes, gemidos terríveis, ruídos de trote e uma algazarra de alimárias que assistiam à agonia dos carneiros que possuíam nomes e eram alimentados pelas mãos de Emilie.” (HATOUM, Milton. Relato de um certo Oriente. São 
Paulo: Companhia das Letras, 2008, pp. 50 e 51.) 
Assinale a alternativa incorreta em relação à obra Relato de um certo Oriente, Milton Hatoum. 
a) Em relação ao tempo, tem-se a predominância do tempo psicológico, pois a obra é narrada por meio das lembranças de uma narradora que busca se encontrar. 
b) Na narrativa, um dos momentos de tensão e uma das lembranças mais dolorosas é o relato da morte prematura de Soraya Ângela, filha de Samara Délia. 
c) Em “dispersasse o ambiente festivo, arrefecendo os gestos dos mais exaltados, chamando-os ao ofício que se inicia com a aurora” os vocábulos destacados são, na morfologia, sequencialmente: artigo definido, artigo definido, pronome oblíquo e artigo definido. 
d) O romance é uma narrativa que traz à tona as lembranças familiares da época em que Emilie e seus filhos viveram em Trípoli, no Oriente. 
e) Em “como uma intrusa que silencia as vozes calorosas da noite” as palavras destacadas podem ser substituídas por assim como e a qual, respectivamente, sem alteração de sentido do texto. 
 
53. (UFSC 2015) “[...] Outras vezes, como naquela manhã, ela brincava com a boneca de pano confeccionada por Emilie. Lembro-me perfeitamente do rosto da boneca; tinha os olhos negros e salientes, umas bochechas de anjo, e se prestasses atenção aos detalhes, verias que apenas as orelhas e a boca estavam sem relevo, pespontadas por uma linha vermelha: artimanha das mãos de Emilie. Soraya nunca largava a boneca; enfeitava-lhe a cabeça com as papoulas que colhia, oferecia-lhe pedaços de frutas, dirigia-lhe os mesmos gestos com a mão, com o rosto, passava-lhe água-de-colônia no corpo, acariciava-lhe os cabelos de palha ou arrancava-os num momento de fúria, montava com ela no dorso das ovelhas e deitavam juntas, abraçadas. Foram dias de exaltação, de descobertas. Soraya, que parecia uma sonâmbula assustada, começou a abstrair; desenhava formas estranhas, geralmente sinuosas, na superfície de pano que cobria a mesa da sala; reproduzia formas idênticas nas paredes, nos mosaicos rugosos que circundavam a fonte, e na carapaça de Sálua onde o nome de Emilie ainda não se apagara.” HATOUM, Milton. Relato de um certo Oriente. São Paulo: Companhia das Letras, 2008. p. 13. 
Com base no romance Relato de um certo Oriente, lançado em 1989, e no contexto de publicação desta obra, é CORRETO afirmar que: 01) o excerto evidencia a relação íntima e afetuosa estabelecida entre Soraya e sua boneca: renegada pela família materna desde a gestação, a menina só verbaliza seus segredos diante do brinquedo. 02) o texto diz respeito a fatos que aconteceram repetidamente na vida da menina, o que pode ser observado pelo uso de formas verbais como “brincava”, “largava”, “enfeitava”, “dirigia”, “desenhava”, “cobria” e “reproduzia”, entre outras. 
04) Relato de um certo Oriente é um texto híbrido, soma de vozes dispersas reproduzidas com rigor, como afirma a narradora, a filha adotiva de Emilie, responsável pela metódica transcrição de depoimentos e relatos coletados em entrevistas com parentes e amigos da família. 08) a obra evoca a problemática da imigração no processo de formação cultural brasileiro, destacando a presença de árabes no Norte do Brasil. A Parisiense, loja do marido de Emilie, evidencia a maneira como se fixaram, prosperaram, enriqueceram e conseguiram superar o sentimento de deriva e deslocamento. 
 
	GABARITO 
01 – D 02 – A 
03 – C 
04 – E 
05 – B 
06 – E 
07 – 01+02+04+08+16 
08 – B 
09 – E 
10 – D 
11 – D 
12 – A 
13 – A 
14 – B 
15 – A 
16 – D 
17 – D 
	18 – E 
19 – D 
20 – D 21 – A 22 – D 
23 – B 
24 – E 
25 – A 
26 – E 
27 – A 
28 – E 
29 – B 
30 – D 
31 – C 
32 – E 
33 – E 
34 – E 
35 – B 
	36 – C 
37 – D 
38 – B 
39 – A 
40 – B 
41 – D 
42 – C 
43 – D 
44 – B 
45 – C 46 – B 
47 – D 
48 – D 
49 – C 50 – B 
51 – C 
52 – D 
53 – 02+04 
 
ANOTAÇÕES