A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Sistema Cardiovascular

Pré-visualização | Página 1 de 1

Sistema Cardiovascular 
 Definição 
O coração, os vasos sanguíneos e o sangue formam o 
sistema circulatório ou cardiovascular. A circulação do sangue 
permite o transporte e a distribuição de substâncias 
essenciais para as células de vários órgãos. 
 
 Funções 
- Transporte de substâncias essenciais: oxigênio e nutrientes; 
- Remoção de resíduos metabólicos; 
- Defesa contra agentes invasores; 
- Regulação da temperatura corporal. 
 Anatomia básica do coração 
- Localizado no mediastino médio (espaço entre as pleuras 
pulmonares); 
- Órgão muscular oco; 
- Formado por 4 cavidades (câmaras cardíacas): 2 
superiores (átrios direito e esquerdo) e 2 inferiores: 
(ventrículos direito e esquerdo); 
- À saída de cada uma das câmaras cardíacas, encontra-se 
uma valva cardíaca (formada por tecido conjuntivo), que 
permite o fluxo sanguíneo: 
 Valva tricúspide (entre o átrio e ventrículo direito); 
 Valva bicúspide ou mitral (entre o átrio e ventrículo 
esquerdo); 
 Valva pulmonar (entre o ventrículo direito e artéria 
pulmonar); 
 Valva aórtica (entre o ventrículo esquerdo e aorta). 
- O coração possui vasos sanguíneos, que são as artérias 
(levam o sangue para as mais diversas partes do corpo), as 
veias (levam o sangue de volta ao coração) e os capilares 
(menores vasos, que se encontram nas extremidades): 
 
- Externamente: 
 Vista anterior: veem-se as artérias maiores; quase 
não se vê os átrios; 
 Vista posterior: veem-se melhor os átrios e sulcos 
que separam os átrios e ventrículos; 
- Internamente: 
Corte coronal: 
 Vista anterior: veem-se mais as artérias e menos os 
átrios; 
 Vista posterior: veem-se mais os átrios; 
Septos (paredes que separam as câmaras cardíacas): 
 Septo Interatrial: entre átrios; 
 Septo Interventricular: entre ventrículos; 
 Septo Atrioventricular: separa o átrio e o ventrículo; 
- Envoltórios: 
 Pericárdio: camada mais externa; formado por 
tecido conjuntivo; 
 Miocárdio: camada média; formado por músculo 
estriado cardíaco involuntário que faz a contração 
para movimentar o sangue que vai sair com 
pressão; 
 Endocárdio: camada interna; formado por tecido 
epitelial simples pavimentoso, endotélio. 
- Tipos de sangue: venoso (rico em CO2) e arterial (rico em 
O2). 
- Vasos da base: 
 Artéria Aorta: leva o sangue oxigenado bombeado 
pelo coração a todo o corpo; 
 Veia Cava Superior: vêm do organismo e desagua 
no átrio direito do coração. Ela drena o sangue que 
vem da cabeça e dos membros superiores; 
 Veia Cava Inferior: transporta o sangue venoso do 
abdómen e dos membros inf. para o coração; 
 Artéria Pulmonar (esquerda e direita): se origina do 
ventrículo direito do coração, de quem recebe o 
sangue venoso, que deve ser dirigido aos pulmões 
para oxigenação; 
 Veias Pulmonares: carregam sangue rico em 
oxigênio dos pulmões até o átrio esquerdo do 
coração. 
 
 Potencial de ação 
Todo o músculo tem potencial de ação, contração química 
e contração controlada por íons (sódio, potássio e cálcio). O 
potencial de ação é disparado no nó sino atrial; ele percorre 
vias intermodais e interarteriais, chegando ao nó 
atrioventricular, passando pelo feixe de higgs e por último 
chegando às fibras de purkinje. O marca passo natural da 
contração do coração vem das células do Nó Sinoatrial, 
mandando a informação para o batimento cardíaco. Possui 
sensores (para átrios e ventrículos não contrair ao mesmo 
tempo) 
 Átrio Sinusal: estimula a contração dos átrios (direito 
e esquerdo) 
 Ventricular: estimula a contração dos ventrículos 
(direito e esquerdo) 
Sístole e Diástole são processos que acontecem em frações 
de segundo 
 Sístole: contração 
 Diástole: relaxamento 
Proteínas componentes da contração muscular: miosina, 
actina, tropomiosina e troponina. 
 Pequena Circulação ou Circulação Pulmonar 
Nesse tipo de circulação, o sangue é transportado do 
coração para o pulmão (caminho próximo). A pequena 
circulação (pulmonar) inicia-se na artéria pulmonar (que sai 
do ventrículo direito), seguindo pelas arteríolas pulmonares, 
capilares pulmonares (até os alvéolos, onde ocorrem as 
trocas gasosas). Até os alvéolos, o sangue é rico em gás 
carbônico; após a hematose, passa a ser rico em oxigênio. O 
sangue continua seu trajeto pelas vênulas pulmonares, veias 
pulmonares, até desembocar no átrio esquerdo do coração. 
 Grande Circulação ou Circulação Sistêmica 
Nesse tipo de circulação, o sangue é transportado do 
coração para todo o corpo (caminho extenso). A grande 
circulação (sistêmica) inicia-se no ventrículo esquerdo, onde 
o sangue é bombeado para a artéria aorta, cujas 
ramificações que reduzem seu calibre em artérias, arteríolas 
e capilares chegam a todos os tecidos. O sangue, rico em 
oxigênio e em nutrientes, é distribuído às células, que liberam 
suas excretas e gás carbônico, tornando o sangue rico 
nessas substâncias. Nesse momento, o sangue é capturado 
pelos capilares, pelas vênulas e pelas veias que desembocam 
no átrio direito. 
 
 Pressão Arterial 
Pressão exercida pelo sangue dentro dos vasos sanguíneos, 
com a força proveniente dos batimentos cardíacos. Quanto 
mais sangue for bombeado do coração por minuto, maior 
será esse valor: 
 Pressão Sistólica: pulso que passa pela artéria 
gerando uma pressão máxima 
 Pressão Diastólica: após a passagem de pressão 
sistólica, resta dentro do vaso outra quantidade 
considerável de sangue que gera uma pressão, 
porém é menor (pressão mínima).