A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Enterobacteriaceae

Pré-visualização | Página 1 de 1

• Forma: Bastonete
• Arranjo: Sem arranjo
• Cor: Gram –
• Anaeróbios facultativos:
crescem em aerobiose e
anaerobiose.
Doenças em animais de
produção e companhia:
- Diarreias
- Sepses
- Meningites
- Abortamento
- Mastites
- Infecções urogenitais
- LSP: antigeno O
- Fimbrias: antígeno F
- Flagelo: antígeno H
- Capsula: antígeno K
Enterobacteriaceae
É a maior e mais heterogênea
família de bactérias Gram
negativas de importância
médica. Na família
Enterobacteriaceae está
incluída algumas espécies do
trato gastrintestinal e,
portanto, às vezes são
referidas como entéricas. No
entanto, esses termos não
podem ser generalizados, pois
algumas delas não vivem no
trato gastrointestinal e muitas
espécies no trato gastrin
testinal não pertencem à
família Enterobacteriaceae
Não patogênicos: Escherichia
coli, Edwardisiella, Klebsiella,
Enterobacter, Citrobacter,
Proteus
Patogenicos: Salmonella,
Shigella, Yersinia
- Escherichia coli*
- Cepas*
Introdução
Gêneros
Importância medica
Antígenos
Características
Antígeno H (flagelo)- 50
variações
Composto pela proteína
flagelina
- Antígeno K - 90 variações.
- Não são todas as
Enterobactérias que apresentam
a cápsula.
- Bactérias que apresentam
cápsula tem uma maior
resistência.
- Escape imune
Enterobacteriaceae
O lipopolissacarideo (LPS) é
uma molécula grande e
complexa que contém lipídeos
e carboidratos. Consiste em:
Lipídeo A: Possui a ção
tóxica (endotoxina), sendo
liberada apenas quando a
bactéria morre.
Polissacarídeo O: funciona
como antígeno, sendo útil
para diferenciar espécies de
bactérias gram -negativas.
Antígeno O- polissacarídeos
180 variações
Antígeno F - 50 variações
Adesão
LPS
Fimbrias - pili
Flagelo
Capsula
• Cultivo e Isolamento –
Ágar McConkey
• Identificação bioquímica
• Identificação imunológica
Antígenos de superfície
auxiliam no diagnóstico, pois
tem u m anticorpo específico
Enterobacteriaceae
• O (Somático) = 180
• K (Capsular) = 90
• H (Flagelar) = 50
• F (Fímbrias) = 50
Combinações: 180 x 90 x 50 x
50 = 40.500.000 Variações =
Cepas ou sorotipos
Exemplo: Escherichia coli
O157:H7 – Cepa patogênica
• Exame direto
.
Síntese
Diagnostico