A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
ETICA E SAUDE EXERCICIOS

Pré-visualização | Página 1 de 1

1- Qual destes pesadores contribuíram com seus ideias para a Ética Moderna?
	
	
	Immanuel Kant
	
	
	
	
	
	Santo Agostino
	
	
	São Thomás de Aquino
	
	
	Sócrates
	
	
	Aristóteles
Explicação: Dentre as opções o único que fez parte da ètica Moderna foi Emmanuel Kant, os outros pertenceram a Ètica Grega e Cristã.
2- No período medieval, a nova ética baseia-se em:
	
	
	Na vida em sociedade
	
	
	No homem
	
	
	Na verdade
	
	
	Nos pensadores cristãos
	
	
	Em Deus
Explicação: No período medieval os pensadores cristãos conceberam uma nova ética, que encontra em Deus os princípios da vida moral.
3- A perspectiva da Ecologia Social, genericamente:
	
	
	
	privilegia os bens materiais alavancados pelo sistema capitalista de produção.
	
	
	busca na correspondência alma-corpo os fundamentos de uma ética voltada para o exercício da liberdade.
	
	
	sublinha a importância do pensamento religioso nas relações humanas.
	
	
	integra os estudos do homem e de seus ecossistemas através da compreensão da direta correlação entre natureza e cultura.
	
	
	não entende que as relações saudáveis do homem dependam das relações com o ambiente.
Explicação: Diversos autores, nos mais variados campos do conhecimento, têm ressaltado a importância de estabelecer-se uma relação ética com os recursos sociais, humanos e naturais que reponha uma hierarquia de valores morais e filosóficos como parâmetros do desenvolvimento. Não há desenvolvimento social sem antes a formação de uma ética que baseie os pressupostos fundamentais de uma sociedade. A Ecologia Social integra os estudos do homem e de seus ecossistemas através da compreensão da direta correlação entre natureza e cultura entendendo que as relações do homem com a sociedade passam também pelo modo como ele estabelece relação consigo próprio e com seu ambiente.
4- Pode-se afirmar que uma pessoa com ética e moral é aquela que:
	
	
	
	Não precisa controlar interiormente seus impulsos, suas inclinações e suas paixões, deixando-as fluir livremente
	
	
	É responsável, mas não precisa reconhecer-se como autor da sua própria ação nem avaliar os efeitos e as consequências dela sobre si e sobre os outros
	
	
	É consciente de si, mas não precisa reconhecer a existência dos outros como sujeitos éticos iguais a si
	
	
	Sabe o que faz, conhece as causas e os fins de sua ação, o significado de suas intenções e de suas atitudes e a essência dos valores morais
	
	
	Diz o que as coisas são, como são e por que são. E nunca enunciar os juízos
	
5- No século XIX, o alemão Friedrich Hegel propõe uma nova perspectiva homem, cultura e história, não abordada pelos filósofos da modernidade, esta dissemina que a ética deve ser determinada pelas relações sociais. Como indivíduos históricos culturais, nossa subjetiva vontade deve ser submetida à vontade social, das instituições da sociedade. Qual etapa da ética o texto se refere?
	
	
	- ética cristã
	
	
	- ética contemporânea
	
	
	- ética grega
	
	
	- ética moderna
	
	
	ética romana
	
6- Está correto afirmar sobre ética:
	
	
	
	esta se faz a partir do coletivo e não do individual;
	
	
	esta não é influenciada pelo período histórico.
	
	
	esta é universal, idêntica em todas as culturas;
	
	
	esta não se relaciona com o social;
	
	
	esta se faz individualmente;
Explicação: Só podemos definir ética em se considerando a cultura vigente e, portanto, os hábitos sociais, o coletivo.
	
7- O estudo da ética é uma preocupação filosófica desde a Antiguidade Clássica, passando por mudanças significativas em sua construção de conhecimento e durante a história. Assinale um dos principais representantes da chamada Ética Cristã:
	
	
	
	São Tomás de Aquino.
	
	
	Sócrates.
	
	
	Kant.
	
	
	Hegel.
	
	
	Aristóteles.
8- Podemos atribuir à expressão maiêutica:
	
	
	
	descoberta de suas próprias inverdades e na conceituação geral de um Deus.
	
	
	descoberta de suas próprias inverdades e na conceituação geral de um objeto.
	
	
	descoberta de suas próprias mentiras e na conceituação geral de um objeto.
	
	
	descoberta de suas próprias verdades e na conceituação geral de um Deus.
	
	
	descoberta de suas próprias verdades e na conceituação geral de um objeto.
Explicação: Método socrático que consiste na multiplicação de perguntas, induzindo o interlocutor na descoberta de suas próprias verdades e na conceituação geral de um objeto.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.