A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
20 pág.
4 - METODOLOGIA-DO-TREINAMENTO-NEUROMUSCULAR-AULA-DE-1-A-10

Pré-visualização | Página 1 de 6

METODOLOGIA DO TREINAMENTO NEUROMUSCULAR 
AULA 1 
1. 
 
 
A década de 1950 foi marcante para que o esporte passasse a ser estudado como ciência. Desta 
forma, o treinamento físico desportivo assumiu uma nova condição, pois os achados que eram 
meramente empíricos passaram a ser discutidos a partir dos resultados obtidos nas competições e 
confrontados com os meios, sistemas e métodos de treinamento utilizados. Dainte desta 
afirmação, foram elaboradas diretrizes que posteriormente passaram a ser chamadas de princípios do 
treinamento esportivo e que até a presente data funcionam como orientadores dos conteúdos do 
planejamento e programas de treinamentos dos componentes da aptidão física. Esses 
princípios tentam contemplar todas as variáveis que podem intervir no alcance dos resultados 
almejados, principalmente inerente ao Treinamento Neuromuscular. Com base nesta introdução, 
assinale a opção correta que faz referência a este princípio do treinamento: "Uma vez alcançados 
os resultados desejados, a adaptação do organismo aos estímulos tende a não provocar 
mais nenhuma adaptação positiva; para que estas adaptações continuem ocorrendo, há 
uma necessidade de novos estímulos progressivos". 
 
 
Princípio da Adaptação. 
 
Princípio da Individualidade Biológica. 
 
Princípio da Interdependência de Volume x Intensidade. 
 
 
Princípio da sobrecarga progressiva. 
 
Princípio da Continuidade 
 
 
 
2. 
 
 
A organização dos sarcômeros dentro da miofibrila é 
importante no processo de geração de força a partir da 
amplitude de movimento, em função do estiramento muscular. 
Sobre a organização estrutural do sarcômero é possível afirmar 
que: 
I ¿ O sarcômero é a menor unidade funcional de contração 
muscular. 
II ¿ O sarcômero é constituído pelos miofilamentos actina e 
miosina. 
III ¿ A titina é importante para manutenção estrutural do 
sarcômero. 
IV ¿ A titina tem como função posicionar a miosina 
lateralmente dentro do sarcômero. 
V ¿ A titina promove o desarranjo da estrutura miofibrilar 
durante o repouso. 
São corretas as seguintes alternativas: 
 
 
 
 
I, II, III 
 
 
I, II, IV 
 
 
I, IV, V 
 
 
III, IV, V 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
 
II, III, V 
 
 
 
3. 
 
 
A musculação ou treinamento resistido passou por uma série 
de diferentes manifestações ao longo das últimas décadas. 
Durante muito tempo o foco foi somente o fisioculturismo, 
mas nos dias atuais o treinamento de força transcende o 
aspecto esportivo, sendo também proposto para manutenção 
da saúde, qualidade de vida e/ou recuperação 
musculoesquelética. São benefícios obtidos através da 
musculação: 
I ¿ Aumento da força máxima e da coordenação. 
II ¿ Diminuição da taxa metabólica em repouso e aumento 
da massa corporal magra. 
III ¿ Melhora do sistema cardiovascular e aumento da 
densidade óssea. 
IV ¿ Aumento da massa de gordura e diminuição da 
tolerância ao lactato. 
São corretas as seguintes alternativas: 
 
 
II e IV 
 
 
I e II 
 
 
III e IV 
 
 
I e III 
 
 
II e III 
 
 
 
4. 
 
 
A quantidade final de força gerada por um músculo está 
diretamente relacionada a componente neural e morfológica, 
sendo a manifestação dessas componentes são estudadas de 
forma independente, mas na prática atuam de forma 
integrada. Sobre o sistema neuromuscular é correta a 
seguinte afirmativa. 
 
 
 
Na componente morfológica quanto maior for o grau de atrofia muscular maior será a 
quantidade de força gerada. 
 
As adaptações das componentes neural e morfológica ocorrem na mesma velocidade. 
 
 
A intensidade deve sobrepujar a técnica qualquer que seja a fase do treinamento. 
 
 
A componente neural está relacionada ao recrutamento aleatório das unidades motoras. 
 
 
 
Existe relação direta entre a ótima ativação da componente neural e a técnica de execução do 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
movimento. 
 
AULA 2 
1. 
 
 
A força final gerada por um músculo depende da qualidade e quantidade dos mecanismos de 
adaptação neural e estrutural (morfológica). Um dos mecanismos reguladores da força é o Numero de 
Unidades Motoras. Isto posto, defina Unidade Motora (UM). 
 
 
Uma Unidade Motora (UM) é constituída por vários neurônios motores gama e por todas as fibras 
inervadas por ele. 
 
Unidade Motora - Caracterizada por fibras musculares oxidativas, inervadas por sinapses, que 
tem por objetivo retardar o processo de fadiga muscular. 
 
Fibra msucular responsável pela excitabilidade dos Músculos Esqueléticos. 
 
Neurotransmissor responsável pela ativação das Fibras Musculares, com a mesma característica 
funcional. 
 
 
Uma Unidade Motora (UM) é constituída por um neurônio motor alfa e por todas as fibras 
inervadas por ele, sendo essas fibras todas do mesmo tipo. 
 
 
 
2. 
 
 
A seleção correta das unidades motoras é fundamental para 
uma ótima realização do movimento e para o controle do gasto 
de energia. Seus conhecimentos sobre unidade motora(UM) e 
recrutamento, permite afirmar que: 
 
 
 As UM grandes apresentam um baixo limiar de excitabilidade. 
 
 
Tamanho do neurônio motor influencia na capacidade de produção de força. 
 
 As UM grandes possuem poucas fibras musculares por neurônio motor. 
 
 As UM pequenas são compostas por fibras do tipo IIa e IIx. 
 
As unidades motoras são recrutadas em uma ordem variável, das 
grandes para pequenas ou vice-versa. 
 
 
 
3. 
 
 
O ato de sentar e levantar de uma cadeira envolve uma série de 
ações e funções musculares, para que possa ser bem realizado. 
Considere as seguintes situações: 
Situação 1 (S1) - Sujeito passa da posição em pé para posição 
sentado. 
Situação 2 (S2) - Sujeito passa da posição sentado para em pé. 
Situação 3 (S3) - Sujeito permanece parado na posição semi 
agachado por 10segundos. 
Com base nas situações acima é correto afirmar que: 
 
 
 
 
 
A ação do quadríceps na S1 é classificada como excêntrica. 
 
A ação do quadríceps na S2 é classificada como excêntrica. 
 
 
A ação do bíceps femoral na S2 é classificada como excêntrica. 
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
https://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp
 
A ação do bíceps femoral na S1 é classificada como concêntrica. 
 
A ação do quadríceps na S3 é classificada como isométrica concêntrica. 
 
 
 
4. 
 
 
 
¿Um fator estrutural muito importante que afeta a produção de 
força muscular é a relação entre o comprimento do sarcômero e a 
tensão que é gerada pelo mesmo.¿ Assinale a alternativa correta: 
 
 
 
 
 O comprimento ¿ideal¿ para a produção de força de alunos iniciantes é teoricamente o 
ligeiramente alongado. 
 
 
 
 
No comprimento de repouso a base para geração de tensão é o posicionamento dos 
componentes contráteis do sarcômero. 
 
 
 Quando o comprimento é maior do que o ideal ocorre uma aproximação das proteínas 
contráteis. 
 
O tecido conjuntivo tem característica plástica e ao ser estirado 
ocorre o acúmulo de energia elástica para ser adicionado ao 
sarcômero ativo. 
 
 Com um encurtamento excessivo há um afastamento dos filamentos de actina interferindo na 
produção de força. 
 
AULA 3 
1. 
 
 
O processo de adaptação aos estímulos de treinamento é fundamental para que os objetivos 
previamente estabelecidos sejam alcançados. Comumente é apontado que existem dois tipos de 
adaptações decorrentes aos diferentes tipos de treinamento. Sabendo disso, marque a opão que 
define adaptação aguda e crônica. 
 
 
 
Adaptação aguda - Também conhecida como adaptação Actomiosínica, decorrentes aos 
estímulos duradouros do exercício. 
Adaptação Crônica - Deriva de uma estímulo muscular, também conhecida como 
sarcoplasmática.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.