A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Carboidratos

Pré-visualização | Página 1 de 1

Informações gerais
Grande fonte de energia
Carboidratos são as biomoléculas mais a-
bundantes na terra
Ex: Fotossíntese
Sacarídeos, açúcares, glicídios, oses
(glicose, frutose, sacarose…)
Cn On; onde n 3𝐻
2𝑛
≥
Os maiores sintetizadores de carboidra-
to são os vegetais
Animais: neoglicogênese, glicogenólise,
mas dependemos dos vegetais
Funções: Energética, reserva energéti-
ca, estrutural (glicoconjugado)
Definição
Poli-hidroxialdeídos ou Poli-hidroxiceto-
nas ou substâncias que geram esses
compostos quando são hidrolisadas
Classificação
Quanto ao grupo funcional:
> Gliceraldeído Aldose
> Dihidroxicetona Cetose
Quanto ao número de carbonos:
>Trioses, tetroses, pentoses, hexoses
>Monossacarídeos: glicose, frutose,
galactose
Quanto ao número de monossacarideos
> Dissacarídeos(2), oligossacarídeos(3 a
12) e polissacarídeos (+12)
Absorção de carboidratos nos
monogástricos
1) Ingestão de carboidratos
Mastigação, produção de saliva, amilase
salivar, engole e vai para o estômago →
desnaturação de enzima (acidez do
estômago), esvaziamento gástrico →
intestino delgado finaliza digestão e
começa absorção → amilase pancreática
e enzimas que estão na parede da célula
do epitélio intestinal (maltase→maltose)
Só absorvemos monossacarídeos
Os ruminantes
Possuem uma es-
trutura gastroin-
testinal diferente
Conseguem digerir
celulose
A vaca como exemplo:
> Todos os ruminantes: pré-estômagos
(afloramentos esofágicos)
> Boca → Rúmen (início da digestão de
celulose e hemicelulose) → Retículo →
Volta pra boca → Omaso→ Abomaso →
Intestino
> Armazenamento e fermentação
Fermentação
Bactérias celulolíticas: anaeróbias
estritas: quebra de celulose
Rompimento das ligações (1→ 4): celu-β
lose e hemicelulose
Resultado: pentoses (xilose e arabinose)
e hexoses (glicose); Ácidos Graxos Volá-
teis (AGV) - Acetato, butirato e propi-
nato
pH saudável do líquido luminal 5,7≈
> Forragem: aumenta o pH (6,5 - 7)
> Grãos: diminuem o pH (maior produção
de AGV)
Amido e monossacarídeos
Fonte de energia para as bactérias do
rúmen
Bactérias amilolíticas: fermentação com
produção de ácido láctico e AGV
Dieta rica em grãos: problemas…
> Queda do pH: menor que 5,7 (alta pro-
dução de lactato)
> Morte de bactérias celulolíticas
> Endotoxinas → choque
> Acidose ruminal
Troca brusca de forragem para frãos
> Sem tempo para desenvolvimento das
bactérias utilizadoras de lactato
> A troca deve ser feita a longo prazo
Energeticamente falando
Monogástricos: 4 kcal/g de amidos glico-
se
Ruminantes: 2,2 kcal/g de amidos glico-
se (como AGV) + 2,2 kcal/g de celulose e
hemicelulose.
Diabetes Melito
Problema no metabolismo da glicose
A glicemia
Concentração de glicose no sangue
Regulada pelos hormônios insulina e
glucagon
Transporte mediado pela insulina
Atua em todas as células do corpo e faz
com que todas expressem o GLUT 4 que
fica na membrana da célula quando
possui insulina faz com que a célula
absorva glicose
Insulina
Diabetes tipo 1
Não produz insulina
> Doença autoimune: Passa a produzir
anticorpos que matam as células tipo β
Diabetes tipo 2
Receptor de insulina não funcional
> Não reconhece a insulina
> Resistência insulínica