A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Resumo de Vírus

Pré-visualização | Página 1 de 1

• Parasitas intracelulares obrigatórios – não possuem 
metabolismo próprio; 
• Acelulares [formados por proteínas (capsídeo) + ácido 
nucleico (material genético)] – destituídos de membrana 
e orgânulo citoplasmáticos 
• Os vírus podem ou não ser envelopados; 
• Seu material genético pode ser DNA, RNA ou ambos; 
• É inerte no ambiente extracelular (vírion); 
• Não sofrem ação de antibióticos; 
• Podem sofrer mutações; *os vírus de RNA são altamente mutagênicos por isso possuem 
vacinas anuais; 
• Origem dos vírus: segmentos de ácidos nucleico que se livraram de organismos celulares; 
• Retrovírus: vírus que se replicam produzindo DNA viral com o auxilio da enzima 
transcriptase reversa; 
• Arbovírus: vírus transmitidos por artrópodes 
 
Bacteriófago 
 
Vírus que atacam especificamente bactérias; 
Os bacteriófagos com DNA apresentam geralmente os seguintes 
componentes: cabeça, cauda e fibras da cauda. A cabeça é o local onde está 
o material genético, e a cauda e as fibras da cauda estão relacionadas com a 
penetração do material genético na célula hospedeira. 
O DNA é injetado na bactéria através da base do vírus; 
 
 
Reprodução viral 
Para que ocorra a reprodução viral, estes invadem as células, que possuem especificidade (tropismo 
tecidual); 
 
A. Ciclo lítico 
Caracterizado pelo rompimento da membrana; o vírus adere 
a membrana, injeta o seu material genético, realiza a 
biossíntese de proteínas e materiais genéticos, formas os 
virions, e rompe a membrana; 
B. Ciclo lisogênico 
O DNA se incorpora ao DNA da célula hospedeira se 
multiplicando junto com este. 
 
 
Partículas subvirais: 
• Viróides: segmentos de RNA 
• Virusoides: sua ação está relacionada a de outro vírus; 
• Príons: moléculas protéicas infectantes que alteram proteínas;