A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
304 pág.
(Curta / Salve / Siga) Citologia - Teoria e exercícios

Pré-visualização | Página 50 de 50

da célula sejam iguais.
b. as concentrações de soluto dentro e fora 
da célula sejam diferentes.
c. haja ATP disponível na célula para forne-
cer energia ao transporte de água.
d. haja um vacúolo no interior da célula no 
qual o excesso de água é acumulado.
e. haja uma parede celulósica envolvendo 
a célula, o que evita sua ruptura.
223. 
Quando se faz o salgamento de carnes, sabe-
-se que os micro-organismos que “tentarem” 
se instalar morrerão por desidratação. Con-
clui-se, assim, que essas carnes constituem 
um meio:
a. isotônico.
b. hipotônico.
c. hipertônico.
d. lipídico.
e. plasmolisado.
PV
-1
4-
14
Citologia
187
Biologia
224. UFSM-RS
Hemácias humanas foram colocadas em um 
meio com concentrações diferentes. Pelo for-
mato das células I, II e III, sabe-se que os meios 
se classificam, respectivamente, como:
I II III
I II III
a. hipertônico, isotônico, hipotônico.
b. hipotônico, hipertônico, isotônico.
c. hipotônico, isotônico, hipertônico.
d. isotônico, hipotônico, hipertônico.
e. isotônico, hipertônico, hipotônico.
225. PUC-MG
As trocas entre as células e o meio podem 
ocorrer sob diversas modalidades, como, por 
exemplo, por difusão simples e difusão facili-
tada. O que distingue a difusão facilitada da 
simples?
226. UFRGS-RS
Quando o feijão é cozido em água com sal, 
observa-se que ele murcha, pois:
a. o grão perde água por osmose.
b. os sais do grão passam para a água por 
difusão.
c. o calor estimula o transporte das proteí- 
nas da água para o grão.
d. o transporte passivo das proteínas 
ocorre do grão para a água.
e. o grão perde proteínas por osmose.
227. 
Descascou-se uma mexerica, retirando-lhe, 
em seguida, um gomo e a película que o re-
cobre, deixando expostos os favos. A seguir, 
colocou-se uma pitada de sal sobre os favos. 
Após 5 minutos, observou-se o surgimento de 
um líquido nesta região.
A partir desse resultado, assinale a alternativa 
correta.
a. Houve a passagem do líquido do meio 
hipotônico para o meio hipertônico.
b. O líquido foi ativamente transportado 
do meio hipertônico para o meio hipo-
tônico.
c. As células vegetais da mexerica apre-
sentam membranas permeáveis, que 
permitem o livre trânsito de substân-
cias dissolvidas, como proteínas e lipí-
dios.
d. Por diferenças de concentração do 
meio, ocorreu a deplasmólise da célula 
vegetal, fazendo surgir o líquido.
228. Mackenzie-SP 
Hemácias humanas foram colocadas em um 
tubo de ensaio que continha um meio líquido. 
Após algum tempo, o líquido tornou-se aver-
melhado. Um estudante chegou às seguintes 
conclusões:
I. O meio em que as células estavam era 
hipotônico.
II. O fenômeno observado é causado pela 
entrada de água nas células, provocan-
do sua ruptura.
III. A hemoglobina, presente no citoplas-
ma das hemácias, misturou-se ao meio, 
tornando-o vermelho.
IV. O fenômeno é conhecido como osmose 
e envolve gasto de ATP.
O estudante está correto:
a. em todas as suas conclusões.
b. somente nas conclusões I e II.
c. somente nas conclusões II e IV.
d. somente nas conclusões II e III.
e. somente nas conclusões I, II e III.
229. UFRGS-RS
Num experimento, uma ameba de água doce 
e uma hemácia de um ser humano foram co-
locadas em um meio hipotônico. Depois de 
algum tempo, verificou-se que a ameba sobre-
viveu, enquanto a hemácia foi destruída por 
hemólise.
Assinale a alternativa que apresenta uma adap-
tação que possibilitou a sobrevivência da ameba.
a. Permeases que impedem a entrada de 
água na célula.
b. Pseudópodes que realizam a expulsão 
da água excedente que penetra na cé-
lula.
Citologia
PV
-1
4-
14
188
Biologia
c. Um citoplasma hipotônico em relação 
ao seu hábitat.
d. Uma parede celular praticamente im-
permeável à passagem de água.
e. Um vacúolo pulsátil para expelir o ex-
cesso de água que entra na célula por 
osmose.
230. 
A membrana plasmática, através de sua perme-
abilidade seletiva, controla a entrada e a saída 
de substância na célula. Em relação aos meca-
nismos de transporte, julgue os itens a seguir, 
assinalando V ou F.
( ) A difusão é um processo de transporte 
através da membrana plasmática, em 
que o soluto se desloca do meio mais 
concentrado para o meio menos con-
centrado, sem gasto de energia e a favor 
do gradiente de concentração.
( ) A osmose é um processo de transporte 
através da membrana plasmática, em 
que o solvente se desloca do meio mais 
concentrado para o meio menos con-
centrado, sem gasto de energia e a favor 
do gradiente de concentração.
( ) A difusão facilitada é um processo em 
que há a participação de proteínas trans-
portadoras que auxiliam o processo de 
transporte. É um transporte a favor do 
gradiente de concentração, porém com 
gasto de energia.
( ) Osmose, difusão simples e facilitada são 
tipos de transporte passivo, em que o 
solvente e o soluto, respectivamente, são 
transportados a favor do gradiente de 
concentração, e sem gasto de energia.
231. UFPR
Dois tipos de transporte que podem acontecer 
nas membranas plasmáticas são o transporte 
passivo e o transporte ativo. O primeiro pode 
acontecer por simples difusão do elemento a 
ser transportado através da bicamada lipídica 
da membrana. Já o transporte ativo sempre 
depende de proteínas que atravessam a mem-
brana, às quais o elemento a ser transportado 
se liga, desligando-se posteriormente do outro 
lado da membrana. Ambos os tipos de trans-
porte estão esquematizados na figura a seguir.
Com base nessas informações e nos conheci-
mentos de biologia celular, assinale a alterna-
tiva que apresenta corretamente os gráficos 
de cada tipo de transporte.
Difusão
simples
Transporte
ativo
a. Difusão simples
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Transporte ativo
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
b. 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Difusão simples
Concentração do elemento transportado
Transporte ativo
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
PV
-1
4-
14
Citologia
189
Biologia
c. 
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Difusão simples
Transporte ativo
d. 
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Difusão simples
Transporte ativo
e. 
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Concentração do elemento transportado
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
20
15
10
5
0
0 10 20 30 40 50
Difusão simples
Transporte ativo
232. Unicamp-SP
Hemácias de um animal foram colocadas em 
meio de cultura em vários frascos com diferen-
tes concentrações das substâncias A e B, mar-
cadas com isótopo de hidrogênio. Dessa for-
ma, os pesquisadores puderam acompanhar 
a entrada dessas substâncias nas hemácias, 
como mostra o gráfico apresentado a seguir.
Ve
lo
ci
da
de
 d
e 
tr
an
sp
or
te
Concentração no meio extracelular(mg/ml)
0
0
0,5
0,5
1
1
1,5
1,5
2
2
2,5
2,5
3
3
3,5
3,5
B
A
4
Assinale a alternativa correta.
a. A substância A difunde-se livremente atra-
vés da membrana; já a substância B entra 
na célula por um transportador que, ao se 
saturar, mantém constante a velocidade 
de transporte através da membrana.
b. As substâncias A e B atravessam a mem-
brana da mesma forma, porém a substân-
cia B deixa de entrar na célula a partir da 
concentração de 2 mg/mL.
c. A quantidade da substância A que entra 
na célula é diretamente proporcional à 
sua concentração no meio extracelular, e 
a