A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
52 pág.
Recomendação de adubação para as culturas da soja e mangueira

Pré-visualização | Página 1 de 2

Universidade Federal do Ceará
Centro de Ciências Agrárias
Departamento de Solos
AK0018 – Interpretação de análises de solo:
 Recomendação de adubos e corretivos
Prof. Ismail Soares
Laura Cunha Rebouças Lessa
373496
Recomendação de adubação para as culturas de Soja e Mangueira
Fortaleza, CE
Junho/2019
SOJA
Descrição
Origem chinesa;
Família: Fabaceae;
Gênero: Glycine;
Espécie: Glycine max (L) Merrill.
Botânica
Raiz pivotante, com raízes laterais em abundância;
Caule herbáceo, ereto, revestido com pelos;
Folhas cotiledonares, simples e compostas; 
Fruto do tipo vagem.
Importância econômica
Fonte: Conab (2018)
Absorção e exportação de nutrientes
Fonte: TECNOLOGIAS de produção de soja - região central do Brasil 2009 e 2010. Londrina: Embrapa Soja, 2008. 261 p. (Embrapa Soja. Sistemas de Produção, 13). 
Marcha 
de 
absorção
Concentração de nutrientes nas folhas 
Adubação de macronutrientes
Adubação nitrogenada
Fixação biológica por meio de simbiose com bactérias do gênero Bradyrhizobium;
Dois métodos de utilização: 
Inoculação na semente;
Inoculação no sulco: aplicar a dose de Bradyrhizobium equivalente a, no mínimo, 3,6 milhões de células/semente.
Fonte: Boletim do Paraná (2017)
Adubação fosfatada
Fonte: Boletim do Paraná (2017)
Adubação potássica
Fonte: Boletim do Paraná (2017)
Estudo de caso
Artigo: Resposta de cultivares de soja à adubação fosfatada;
W. F. Araujo et al. - Revista Ciência Agronômica, Vol. 36, No 2, maio - ago., 2005: 129 – 134;
Conduzido nos meses de junho a setembro de 1997, em área de cerrado, pertencente à Universidade Federal de Roraima, no município de Boa Vista-RR;
Tratamentos dispostos em esquema fatorial 4 x 4;
Cultivares Paiaguases, FT 106, Mirador e FT 107;
Doses de fósforo: 0, 90, 180 e 270 kg.ha-1 de P2 O5;
Delineamento em blocos casualizados, com três repetições.
Um mês antes da semeadura: 1.300 kg.ha-1 de calcário dolomítico, PRNT 100%;
Semeio: aplicou-se, no sulco, 90 kg.ha-1 de cloreto de potássio e 50 kg.ha-1, na forma de FTE-BR 12;
Adubos fosfatados: Superfosfato simples.
Sementes inoculadas com Bradyrhizobium japonicum, na proporção de 1 kg de inoculante, misturado com 1 litro de água, para 50 kg de sementes.
Espaçamento: 0,5 m entre fileiras, com 20 sementes.m-¹, 
400.000 plantas.ha-1.
Resultados e discussão
Não houve interação entre cultivares e doses de fósforo;
Doses de máxima eficiência técnica para Altp e Altv: 192,0 e 193,8 kg.ha-1 de P2 O5 , respectivamente
*MET para o rendimento foi de 270 kg.ha-1 de P2O5.
Conclusão
As cultivares de soja Paiaguases, FT 106, Mirador e FT 107 apresentam alturas de inserção da primeira vagem adequadas à colheita mecanizada; 
A dose de fósforo ideal para se obter maior altura de inserção da primeira vagem é de 193,8 kg.ha-1 de P2 O5 ; 
Doses de fósforo de 180 a 270 kg.ha-1 de P2 O5 promovem maior estímulo à nodulação; 
As cultivares Paiaguases e FT 107 apresentam rendimento médio de 2.996 e 2.807 kg.ha-1, respectivamente, em área de cerrados em Roraima, com dose de 270 kg.ha-1 de P2 O5 .
Recomendação de adubação com base na análise de solo
Calagem
	Método	Quantidade (t.ha-1) 
	Neutralização da acidez trocável e da elevação dos teores de Ca e Mg trocáveis	0,44
	Saturação por bases	0,65
	Balanço de Cálcio e Magnésio	2,68(Selecionado)
Gessagem
	Método	Quantidade (t.ha-1)
	Minas Gerais	0,745 (selecionado)* 
	Cerrado	1,55
*Aplica-se, no máximo, 25% da quantidade de calcário
Matéria orgânica
Indica-se a adição de 201,6 t.ha-1 de esterco bovino. Economicamente inviável.
Fosfatagem corretiva
Indica-se a adição de 4,9 t.ha-1 de fosfato de gafsa. Economicamente inviável. 
Potassagem corretiva
Desnecessária.
Adubação com macronutrientes 
Plantio: 
	Adubo	Quantidade (kg/ha)
	Superfosfato simples	500
	KCl	25
Cobertura
	Adubo	Quantidade (kg/ha)
	KCl	25
MANGUEIRA
Descrição
Origem asiática;
Família: Anacardiaceae;
Gênero: Mangifera;
Espécie: Mangifera indica L.
Botânica
Planta perene de porte médio a grande;
Raiz pivotante, com raízes finas e fibrosas;
Folhas de formato ovóide-lanceoladas com textura coriácea;
O fruto é uma drupa de polpa amarela.
Principais variedades
Haden;
Keitt;
Kent;
Palmer;
Tommy Atkins.
Importância econômica
Fonte: FAO - FAOSTAT
Fonte: FAO - FAOSTAT
Exportação de nutrientes
Marcha de absorção
Fonte: Souza (2007)
Concentração de nutrientes nas folhas
Adubação com macronutrientes
Fonte: Embrapa
Fonte: Embrapa
Fonte: Fernandes e Nascimento ([200-])
Estudo de caso
Artigo: Caracterização nutricional da mangueira “tommy atkins” em função da adubação nitrogenada;
Costa et al. - ACSA - Agropecuária Científica no Semi-Árido, v.7, n 01 janeiro/março 2011 p. 16 – 22;
Realizado no município de Ipanguaçu-RN, no período de junho/2008 a março/2009;
Delineamento experimental de blocos ao acaso com cinco tratamentos;
Doses de N: 0, 100, 200, 300 e 400 g/planta de N.
 Parceladas em 2 vezes: 50% aplicado após a colheita e 50% no início da floração;
Fonte de N: Ureia.
 
Resultados e discussão
Conclusão
Diante dos resultados apresentados conclui-se que: Ocorreu um decréscimo nos teores de N, P e K nas folhas da mangueira no período de floração e frutificação com o incremento da adubação nitrogenada;
A ordem decrescente de exportação de nutrientes para as folhas da mangueira foi: N>K>P;
A ordem decrescente de exportação de nutrientes para os frutos da mangueira foi: K>N>P;
A dose recomendada, para as condições de estudo é de 200 g planta-1 de N. 
Recomendação de adubação com base na análise de solo
Calagem
	Método	Quantidade (t.ha-1) 
	Neutralização da acidez trocável e da elevação dos teores de Ca e Mg trocáveis	2,9 (selecionado)
	Saturação por bases	2,02 
	Balanço de Cálcio e Magnésio	3,8
Gessagem
	Método	Quantidade (t.ha-1)
	Minas Gerais	0,405
	Cerrado	0,75(selecionado)
*Aplica-se, no máximo, 25% da quantidade de calcário
	Correção	Matéria orgânica (esterco bovino)	Fosfatagem corretiva 
(fosfato de gafsa)	Potassagem corretiva (KCl)
	t/ha	252	4,9	0,416
	g/cova	27,2 (kg/cova)	520	44,9
	t/área	27,2	0,52	44,9 (kg/área)
Volume da cova = 0,6 X 0,6 X 0,6 = 0,216m³
Espaçamento = 5 X 2 m
Quantidade de plantas/ha = 1000 plantas
Adubação com NPK
Plantio
Formação
666,67 kg Superfosfato simples/ha
	----	Ureia (kg/ha)	SS
(kg/ha)	KCl
(kg/ha)
	1° ano	333,3	-	100
	2° ano	466,5	444,5	166,5
	3° ano	333,3	-	100
Produção
	Ureia (kg/ha)	SS(kg/ha)	KCl(kg/ha)
		55,5	50
N nas folhas???
Referências bibliográficas
	ARAðJO, Wellington Farias; SAMPAIO, Regynaldo Arruda; MEDEIROS, Roberto Dantas de. Resposta de cultivares de soja à adubação fosfatada. 2005. Disponível em: <http://www.ccarevista.ufc.br/seer/index.php/ccarevista/article/view/258/253>. Acesso em: 03 jun. 2019.	
	CARMELLO, Quirino Augusto de Camargo; OLIVEIRA, Fábio Alvares de. Nutrição de lavouras de soja: situação atual e perspectivas. 2006. Disponível em: <TECNOLOGIAS de produção de soja - região central do Brasil 2009 e 2010. Londrina: Embrapa Soja, 2008. 261 p. (Embrapa Soja. Sistemas de Produção, 13).>. Acesso em: 01 jun. 2019.
	COSTA, João Gomes da; SANTOS, Carlos Antônio Fernandes. Cultivo da Mangueira. 2004. Disponível em: <http://www.cpatsa.embrapa.br:8080/sistema_producao/spmanga/cultivares.htm>. Acesso em: 04 jun. 2019. 	
		
	
	COSTA, Maria Eugênia da et al. CARACTERIZAÇÃO NUTRICIONAL DA MANGUEIRA “TOMMY ATKINS” EM FUNÇÃO DA ADUBAÇÃO NITROGENADA. 2011. Disponível em: <http://revistas.ufcg.edu.br/acsa/index.php/ACSA/article/view/109/pdf>. Acesso em: 04 jun. 2019
	FERNANDES, Francisco Maximino; NASCIMENTO, Vinício Martins do. FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DA MANGUEIRA. [200-]. Disponível em:<http://www.nutricaodeplantas.agr.br/site/ensino/pos/Palestras_William/Livromanga_pdf/06_fertilidadedosoloenutricaodamangueira.pdf>.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.