A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
TIPOS DE SUTURA - passo a passo

Pré-visualização|Página 1 de 1

HTML image 0

SUTURA SIMPLES

» Com a pinça, a borda da lesão é afastada e a agulha é introduzida, sendo retirada por dentro da ferida. Após, a agulha é inserida por dentro da lesão e retirada;

» Para fechar o nó, o fio de sutura será envolto por duas vezes no porta-agulha, fecha-se o porta-agulha na extremidade do fio, e tenciona-se este cruzando as mãos; repetir duas vezes sem cruzar.

» A distancia dos pontos de entrada e de saída devem ser equidistantes, e por fim, cortar o fio com tesoura.

HTML image 1


SUTURA CONTÍNUA SIMPLES (Kurschner)

» Inicia-se com um ponto simples, mas sem cortar o fio;

» Após, deve-se inserir a agulha com o ponto simples subsequente, sem cortar o fio;

» Então, o profissional realiza o processo repetidas vezes, de um extremo ao outro da incisão;

» Para dar o nó, deve-se deixar um espaço maior no fio, e dar o nó no próprio fio.

HTML image 2


SUTURA FESTONADA ou ANCORADA DE FORD

» O inicio do ponto é exatamente como na sutura contínua simples, onde é realizado um ponto simples, e segue-se para uma ova passagem da agulha;

» O detalhe técnico, é que entre cada nova incisão da agulha, está deve ser passada por debaixo do arco de fio formado pela passagem anterior;

» O fechamento se dá com a roseta (recurso utilizado para fechar o ponto onde o mecanismo para o nó, será realizado homo lateralmente à saída da agulha.

HTML image 3


SUTURA DE COLCHEIRO ou U CONTÍNUA

» Iniciada com um ponto simples, sem cortar o nó;

» Após, homo lateralmente ao nó do ponto simples, será respeitado um distância paralela a borda da lesão e reintroduzida a agulha, que deve ter seu ponto de saída do outro lado do corte;

» Respeita-se então, a mesma distancia paralela as bordas de maneira contra lateral, e o ponto procede suscetivelmente;

» O fechamento é feito com roseta.

HTML image 4


SUTURA EM X ou CRUZADO (Sultan)

» Procede-se igualmente ao ponto simples, porém, não se completa fechando o nó;

» O profissional deve inserir novamente a agulha no mesmo lado da incisão;

» E sair com a agulha, como se fazendo o segundo ponto simples;

» O processo de fechamento do nó, é o mesmo do ponto simples;

» As distancias longitudinais e latitudinais do ponto devem ser simétricas; 

HTML image 5


SUTURA VERTICAL EM U de DONATTI

» Insere-se a agulha em uma distancia maior do que no ponto simples, a 1 cm referente à borda da lesão;

» Saindo com esta, igualmente, mais longe que o convencional;

» Após, deve-se inverter agulha no porta-agulha, fazendo rotação de 180° no plano latitudinal;

» Será agora inserida a agulha perto da borda da lesão, a meio cm, no mesmo lado que a agulha saiu, respeitando o direcionamento do ponto e saindo igualmente perto;

» O procedimento para o nó é o mesmo do ponto simples;

HTML image 6


SUTURA HORIZONTAL EM U de WOLFF

» Inicia-se como um ponto simples, porém, sem completar o nó;

» Deve-se inverter a agulha no porta-agulha, tal como no Donaltti;

» Após, a agulha é inserida do mesmo lado que saiu, respeitando uma distancia equivalente no sentido paralelo a borda da lesão;

» A saída da agulha deverá seguir o mesmo padrão da segunda entrada;

» O processo de fechamento do nó é o mesmo do ponto simples;

HTML image 7

HTML image 8