A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
INFLAMAÇÃO AGUDA

Pré-visualização | Página 1 de 1

patologia – inflamação AGUDA
conceito
- Resposta protetora do organismo que envolve:
· Células do organismo
· Vasos sanguíneos 
· Proteínas
· Outros mediadores químicos
- Tem como função:
· Eliminar: 
A causa inicial da lesão celular (invasores, toxinas).
Consequências da lesão (células e tecidos necróticos).
· Iniciar o processo de reparo.
	OBS:
- A inflamação, apesar de ser uma resposta protetora, pode causar danos se for:
· Muito forte.
· Prolongada
· Inadequada (doenças autoimunes e alergias).
Inflamação aguda x crônica
Aguda:
· Início rápido.
· Principal célula env890kjolvida: neutrófilos.
· Lesão tecidual e fibrose: leve e autolimitada.
· Sinais locais e sistêmicos proeminentes.
Crônica:
· Início lento.
· Principal célula envolvida: macrófagos e linfócitos.
· Lesão tecidual e fibrose: acentuada e progressiva.
· Sinais locais e sistêmicos menos proeminentes.
Etapas da reação inflamatória (5r´s)
1. Reconhecimento do agente causador da lesão.
2. Recrutamento dos leucócitos.
3. Remoção do agente.
4. Regulação da resposta.
5. Reparo do tecido lesado.
inflamação aguda
- Possui 2 componentes principais:
1. Alterações vasculares:
- Vasodilatação -> possibilita um aumento do fluxo sanguíneo para o local lesado. É induzida por mediadores, principalmente a histamina.
- Aumento da permeabilidade dos vasos -> possibilita a migração das proteínas plasmáticas e dos leucócitos para o local lesado através das paredes dos vasos. Ocorre através da contração da célula endotelial, formando lacunas intercelulares e de lesão endotelial resultando em necrose.
2. Migração dos leucócitos (principalmente neutrófilos) para o local lesado.
OBS: O aumento da permeabilidade vascular contribui para o extravasamento de líquido com proteínas plasmáticas no espaço extravascular (exsudato), ocorrendo um aumento da concentração de hemácias e da viscosidade do sangue, diminuindo a velocidade de circulação (estase).
	obs: exsudato x transudato x edema
- Exsudato é o acúmulo de líquido com proteínas plasmáticas e resíduos celulares no espaço extravascular. Típico da inflamação. Pode conter pus (exsudato purulento).
- Transudatos são acúmulos de líquido intersticial com baixas concentrações de proteínas e células. Ocorre em situações não inflamatórias.
- O edema é o acúmulo de líquido no espaço extravascular, que pode ser do tipo exsudato ou transudato.
recrutamento dos leucócitos
Quando há estase, os leucócitos se acumulam e rolam ao longo da superfície endotelial, aderindo as selectinas e soltando (rolamento). Até que os leucócitos aderem aos ligantes de integrina presentes no endotélio (2. Adesão). Então os leucócitos migram através da parede do vaso, pelas junções intercelulares (3. Diapedese). Após a migração através do vaso, os leucócitos se direcionam ao local de infecção nos tecidos devido a um gradiente químico e a ação de agentes quimiotáticos (4. Quimiotaxia).
padrões morfológicos da inflamação aguda
- Histologicamente caracterizada pela presença de edema, proteína e infiltrado neutrofílico. 
inflamação aguda serosa
- Caracterizada pelo extravasamento de um fluido aquoso, pobre em proteína. 
- EX: Bolha cutânea resultante de uma queimadura ou infecção viral -> acúmulo de líquido seroso dentro ou embaixo da epiderme.
inflamação aguda fibrinosa
- É consequência de lesões mais graves, resultando em maior permeabilidade vascular, o que possibilita que moléculas grandes como o fibrinogênio migrem para o tecido lesionado.
- A fibrina acumulada aparece como uma rede de filamentos eosinofílicos.
- É característico de inflamação no revestimento de cavidades, como meninges, pericárdio e pleura.
- Caso a fibrina não seja removida, ocorre o crescimento de fibroblastos e vasos, formando um tecido cicatricial fibroso.
	Pericardite fibrinosa, com rede eosinofílica.
inflamação aguda purulenta
- Caracterizada pela presença de grande quantidade de exsudato purulento, que consiste em muitos neutrófilos, células necróticas e líquido de edema.
- Pode haver formação de abscesso, que é uma coleção de exsudato purulento (pus) numa cavidade recém-formada. Possuem uma região central de células necróticas, circundadas por infiltrados neutrofílicos e vasos dilatados (congestão).
	obs: abscesso x empiema
- Um empiema é uma coleção de pus dentro de uma cavidade natural – que já existe (EX: pus na cavidade pleural – empiema pleural).
 
	Abscessos bacterianos no pulmão indicados pelas setas, que são formados por focos de células necróticas circundados por neutrófilos e vasos dilatados.
	questões para exercitar o que você aprendeu:
1. Quais as funções da resposta inflamatória?
2. Diferencie a inflamação aguda da crônica.
3. Cite as 5 etapas da reação inflamatória.
4. Quais as alterações vasculares que ocorrem na inflamação aguda?
5. Diferencie exsudato de transudato.
6. Cite as etapas envolvidas no recrutamento dos leucócitos.
7. Como a inflamação aguda é caracterizada histologicamente?
8. Diferencie as diferentes formas de manifestação da inflamação aguda.
9. Diferencie abscesso de empiema.

Acesse esse e outros materiais grátis

Ao se conectar, você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade.

Já tem cadastro?