A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
TRABALHO RESUMO

Pré-visualização | Página 2 de 2

o Reino Unido da Luftwaffe, insistindo para que seu amigo Danny ficasse nos Estados Unidos, cuidando de sua amada Evelyn.
Tanto Evelyn como Danny são transferidos para o Havaí. Evelyn recebe a notícia de que o avião de Rafe havia sido abatido, e por não haver mais notícias, ele foi considerado morto em combate.
Após algum tempo, Evelyn e Danny iniciam um romance, e surpreendentemente Rafe reaparece. Ele sobrevivera à queda, sendo resgatado por um barco francês e não pode enviar notícias.
Rafe e Danny brigam em um bar, e acordam no dia seguinte com o início do ataque a Pearl Harbor. Com muita dificuldade, conseguem subir em seus aviões, e abatem sete aviões japoneses.
Os três voltam para os Estados Unidos, e tanto Rafe como Danny são convocados para um treino secreto, no que seria o Ataque Doolittle.
   Antes de partirem para o ataque secreto, Evelyn confidencia à Rafe que está grávida de Danny. Com dificuldades, a incursão completa seus objetivos, e os aviões têm um pouso forçado na China ocupada, com falta de combustível e sem pista de aterrissagem. Danny é preso e morto pelas tropas japonesas, e apenas Rafe volta com vida. Evelyn e Rafe casam, e dão o nome de Danny para o filho que ela estava esperando.
A CAÇADA AO OUTUBRO VERMELHO
Caçada ao Outubro Vermelho tem sua história situada em 1984, em plena Guerra Fria. O capitão soviético Markus Ramius (Connery) comanda o Outubro Vermelho, um submarino com um sistema de propulsão que o torna imperceptível para sonares. Ramius coloca o submarino em direção aos Estados Unidos, desobedecendo as ordens que recebeu de seus superiores e fazendo todos pensar num provável ataque. No entanto, Jack Ryan tem quase certeza de que o capitão planeja desertar, e precisa provar isso a seus superiores e à tripulação do submarino americano USS Dallas, antes que tentem afundar o possível inimigo.
HOMENS DE CORAGEM
Filme histórico sobre o navio US Indianapolis, que em 1945 rumou com mais de 1000 homens em uma missão secreta para a Asia, carregando uma carga não revelada. Pela natureza da missão, a ordem partiu do presidente dos Estados Unidos e o capitão interpretado por Nicolas Cage, embora tenha pedido uma escolta, considerando que seu navio era deficiente em lutas contra submarinos japoneses que patrulhavam a região, não foi atendido. Para piorar, os japoneses desenvolveram torpedos tripulados suicidas que podiam alterar o curso da arma. O navio é atingido e o capitão e 317 tripulantes sobrevivem durante 4 dias no mar, quando muitos morrem afogados, ou devido aos ferimentos, ou ainda devorados pelos ferozes tubarões brancos, que vivem na área do naufrágio. Como a marinha americana não prestou socorro, mesmo sabendo do acidente e apenas um avião americano descumpriu ordens e avistando os botes esparramados no mar, decidiu aterrizar na água e recolher sobreviventes nas suas asas e cabine. Finalmente, vários navios foram para o resgate. Era necessário culpar alguém e o capitão americano foi julgado e o capitão japonês, capturado após a guerra ter terminado também testemunhou. O trauma das famílias que sofreram perdas foi devastador e vários ligaram por muitos anos para o capitão, com ódio e culpando-o pelo ocorrido. No final, ele se suicida, com o peso de tantas mortes e o horror de confirmar, que ele havia carregado secretamente as bombas nucleares que foram lançadas em Nagasaki e Hiroshima. Um filme impactante sobre a guerra, as perdas, a honra e a fragilidade humana.
GREYHOUND
"Durante a Segunda Guerra Mundial, os países aliados transportavam suprimentos para as tropas que estavam em combate por meio de comboios de navios que atravessavam o Oceano Atlântico até chegar na Europa. Em um determinado momento da viagem, esses navios ficavam numa posição cega, sem a possibilidade de serem escoltados por aviões; ficando, assim, suscetíveis aos ataques de submarinos alemães. A trama de "Greyhound: Na Mira do Inimigo", filme dirigido por Aaron Schneider, se passa no intervalo de 50h em que um comboio liderado pelo navio que dá nome ao longa fica justamente nesta posição cega. Não bastasse a situação dos navios ser extremamente delicada, o Capitão Krause (Tom Hanks, autor também do roteiro do filme), Comandante do Greyhound, apesar de ser um Oficial experiente, está no seu primeiro comando de um navio militar. Para poder ser um bom líder e cumprir a sua missão de levar o comboio em segurança até a chegada da nova escolta de aviões, Krause se apega à sua fé e à sua intuição, de forma a poder afastar de si qualquer receio e provar para si mesmo que ele merece estar ali. "Greyhound: Na Mira do Inimigo" consegue capturar bem a atenção da plateia com uma trama enxuta e, ao mesmo tempo, muito dinâmica. Os obstáculos vão surgindo, Krause vai sendo testado e, a cada novo progresso, você percebe a segurança do Capitão e da tripulação ficar mais forte. Porém, o que eu mais acho interessante em filmes desse tipo é a gente perceber o quanto um evento histórico como a Segunda Guerra Mundial nos proporciona um leque de histórias, sem nunca parecer repetitivo. "Greyhound: Na Mira do Inimigo" nos apresenta a uma faceta diferente do conflito de uma forma muito satisfatória. O filme está indicado ao Oscar 2021 na categoria de Melhor Som, mas bem que poderia ter conseguido mais indicações. A trilha composta por Blake Neely é excelente e cai muito bem para um filme que tem o propósito de massagear o ego patriótico e heroico dos norte-americanos."
MESTRE DOS MARES (RESUMO)
Jack Aubrey (Russell Crowe) é o capitão do H.M.S. Surprise, um dos principais navios de guerra da marinha britânica. Com seu país em guerra contra a França de Napoleão Bonaparte, Aubrey é atacado por um navio inimigo mais poderoso, que fere boa parte de sua tripulação e ainda danifica o navio. Aubrey então se sente dividido entre cumprir seu dever e tentar derrotar o inimigo ou retornar para cuidar dos feridos.
Oficial da Marinha Britânica durante as Guerras Napoleônicas, no século XIX, Aubrey conseguiu, ao lado de seus comandados, atravessar o Oceano Atlântico, passando pela costa do Brasil até a Terra do Fogo, adentrando o Oceano Pacífico e parando, finalmente, nas Ilhas Galápagos. Isso se deu na tentativa de destruírem um navio francês inimigo, maior e mais potente.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.