A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Estudo dirigido - dermatite atópica

Pré-visualização | Página 1 de 1

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA 
CENTRO DE CIÊNCIAS MÉDICAS 
DEPARTAMENTO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE 
MIV 30 – DOENÇAS PREVALENTES DO SISTEMA TEGUMENTAR 
 
Nome: Louyse Jerônimo de Morais 
Matrícula: 20180058390 
Data: 03/03/2020 
Turma: 1B 
ESTUDO DIRIGIDO 
DERMATITE ATÓPICA 
 
1) No lactente com dermatite atópica, o agente bacteriano de colonização e de 
infecção cutânea mais frequente é: 
a) Staphylococcus aureus. 
b) Streptococcus pyogenes. 
c) Herpes simples. 
d) Pseudomonas aeruginosa. 
e) Tunga penetrans. 
2) Paciente masculino, 8 anos, durante consulta em unidade básica de saúde recebe 
o diagnóstico de dermatite atópica. Dentre as alternativas abaixo, marque a que 
contém a conduta inicial mais adequada: 
a) Prescrever permanganato de potássio tópico; controlar o prurido e a inflamação com 
corticoide oral por período prolongado. 
b) Prescrever sabonete antisséptico e antibiótico oral; controlar inflamação com uso 
prolongado de corticoide tópico de alta potência. 
c) Prescrever corticoide tópico de alta potência para controle das crises; controlar prurido 
com anti-histamínicos; controlar infecção por fungos com corticoide oral. 
d) Hidratar a pele com frequência, prescrever corticoide tópico para controle das 
crises, anti-histamínico pode ser empregado para controle do prurido. (o tratamento 
básico e principal da dermatite atópica é a hidratação) 
3) Paciente feminina, com dois anos de idade, apresenta lesões em pele desde os oito 
meses de vida. Ao exame, observa-se presença de lesões eritematosas localizadas em 
pregas de flexão, rosto, pescoço, parte superior dos braços e das costas, dorso de 
mãos, pés, dedos das mãos e dos pés. Estas melhoram com uso de anti-histamínicos 
e de corticoide tópico. A paciente possui diagnóstico prévio de Dermatite Atópica 
(DA). A respeito da patologia descrita, é INCORRETO afirmar que: 
a) A Dermatite Atópica é uma doença crônica da pele que ocorre muitas vezes em 
associação com rinite alérgica e asma (conhecida como a tríade atópica). 
b) A alteração da função de barreira da pele do atópico leva ao aumento da perda de água 
transepidérmica e ao aumento da exposição a agentes irritantes, alérgenos e agentes 
microbianos. 
c) A maioria dos pacientes com DA estão colonizados com Staphylococcus aureus, em 
contraste com a prevalência de um estado de portador em 10% dos indivíduos não 
atópicos. 
d) Pacientes com DA infantil geralmente apresentam pápulas eritematosas e lesões 
papulovesiculares em face, principalmente em região malar, fronte e couro 
cabeludo, que são não pruriginosas. (as lesões são pruriginosas) 
e) Os antagonistas de leucotrienos (zafirlukast e montelukast) são úteis para o tratamento 
da asma e da rinite alérgica, mas para a maior parte dos pacientes com DA grave parecem 
ter pouco sucesso. 
4) Paciente masculino, 09 anos de idade, é atendido no pronto-socorro com lesões 
eritematoescamosas, vesiculosas, exsudativas, pruriginosas e recidivantes, 
localizadas em regiões antecubitais e poplíteas, conforme representado na figura 
abaixo. Relata apresentar rinite alérgica. 
 
Qual das alternativas abaixo contém a principal hipótese diagnóstica: 
a) Dermatite de contato. 
b) Dermatite atópica. 
c) Escabiose. 
d) Urticária.