A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Ação dos hormonios tireoidianos

Pré-visualização | Página 1 de 1

Ação dos hormônios 
tireoidianos 
 
Referências: 
 
Eixo Hipotálamo  Hipófise  Tireoide 
 
 
 
Transporte plasmático da fração ligada do HT 
 
 
 
 
 
Somente a forma livre do hormônio entrará na 
célula para exercer sua função fisiológica! 
 
 
 
T4 não é inativo, ele tem ação, mas é o t3 que 
desempenha as funções na célula 
 
Quando eu tenho a ação de D1 eu tenho a 
formação de T3 e esse T3 formado pode voltar 
para o interstício de novo, ele retorna pro plasma. 
 
D2 ele tem um sentido de uso interno porque 
quando entra T3 ele será usado pela célula. 
 
D3 há em locais que necessitamos uma proteção 
contra o excesso de hormônio tireoidiano. 
Conforme vai aumentando T3 a uma resposta para 
o aumento da desiodases do tipo 3 (D3). 
 
 
O receptor que está no núcleo ele faz parte de um 
complexo proteico (TR RXR) ele só vai ativar ou 
inativar o gene quando o hormônio se liga. 
 
 
T3 vai pro núcleo, o receptor faz parte de um 
complexo proteico (fator de transcrição). Quando 
temos a ligação do T3 com o receptor ai teremos 
uma ação nuclear que pode ativar ou inativar 
genes. 
 
Resposta 
 
 
 
Mecanismos de Ação do HT 
1. Ação gênica (nuclear) 
2. Ação não-gênica 
 
 
 
A ação não genica ela contribui indiretamente para 
a ação nuclear. Necessário saber que além daquele 
efeito nuclear ele vai ativar vias de sinalização 
intracelulares que contribuem indiretamente para 
o efeito gênico, elas coexistem, acontecem ao 
mesmo tempo. 
 
Ações fisiológicas 
 
Musculo esquelético 
Tecido adiposo marrom (muita mitocôndria) 
 
 
 
Proteína desacopladora (UCP)  pegam o próton 
do espaço e jogam pra mitocôndria, quando ela faz 
isso ela está atrapalhando o processo de formação 
de ATP, e como a célula precisa de ATP ela acelera 
as ETC. 
 
 
 
 
Em ambientes muito frios nós aumentamos a 
expressão de UCPs produzindo mais calor. A UCP 
3 é a principal em adultos em órgãos específicos, 
justamente onde temos MUITA mitocôndria. 
 
 
 
O hormônio tireoidiano regula a expressão de 
miosina e transportadores de cálcio. Lembre-se 
que sem cálcio não há a contração. Desse modo, 
infere-se que os hormonios tireoidianos facilitam 
os processos de contração muscular. 
 
 
 
 
 
 
 
Ou seja, possui efeito na anemia