A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
16 pág.
APOL 100 Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional

Pré-visualização | Página 2 de 6

tornou-se muito conhecida e atualmente é representada artisticamente, pois a biografia do capoeirista é integralmente contada sem a perspectiva do sofrimento e da resistência.
Assinale a alternativa correta:
Nota: 10.0
	
	A
	Apenas as afirmativas II e III são corretas.
	
	B
	Apenas a afirmativa I é correta.
	
	C
	Apenas as afirmativas I e II são corretas.
Você acertou!
A Afirmativa III é incorreta. “A trajetória de Besouro, suas experiências, desafios, luta por justiça, contradições e coragem vividas nos anos 20 do século passado são conhecidas não só dentro do universo da capoeira, mas também por aqueles que vivenciam com orgulho a cultura afro-brasileira. São vivências fortes da trajetória de um homem que remetem a situações específicas da população negra e, ao mesmo tempo, às lutas das camadas populares no Brasil. Nos dizeres de Milton Nascimento, ‘um povo que nunca perde a esperança de ter fé na vida [...]. Por meio da história daquele capoeirista, narrada de forma artística e ritualística, muito do Brasil pós-abolição, da vida dos negros na Bahia, da luta e resistência negras, dos encontros e desencontros afetivos’” (Relações étnico-raciais, educação e descolonização dos currículos, p. 101).
	
	D
	Apenas as afirmativas I e III são corretas.
	
	E
	Apenas a afirmativa III é correta.
Questão 5/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho a seguir:
“Percebe-se que não só a sociedade, mas os membros da escola, ainda não estão preparados para aceitarem essas demandas. O exemplo são os movimentos de luta pelos direitos das minorias. Os valores que as crianças e adolescentes têm são reprodução do que a sociedade e os pais passam para eles”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://www.uemg.br/openjournal/index.php/anaisbarbacena/article/download/810/517>. Acesso em: 29 mar. 2017.
A partir do trecho acima e da leitura do texto-base O bê-á-bá da intolerância e da discriminação, assinale a alternativa apresenta perspectiva da Unicef para tratar a violência escolar.
Nota: 10.0
	
	A
	O fortalecimento da segurança pública e inovação didático-pedagógica.
	
	B
	Salários mais dignos para os docentes e a maior produção de literatura.
	
	C
	A garantia de direitos e da qualidade da educação.
Você acertou!
“Embora os fatores externos tenham impacto e influência sobre a violência escolar, é preciso reconhecer que dentro da própria escola existem possibilidades de lidar com as diferentes modalidades de violência e de construir culturas alternativas pela paz, adotando estratégias e capital próprios. O Fundo das Nações Unidas para a Infância e Adolescência (UNICEF), por exemplo, entende que a questão da violência nas escolas deve ser tratada sob a perspectiva da garantia de direitos e da qualidade da educação” (O bê-á-bá da intolerância e da discriminação, p. 31).
	
	D
	O retorno da disciplina Educação Moral e Cívica para o currículo do ensino fundamental.
	
	E
	A extinção do princípio da meritocracia das práticas educativas.
Questão 6/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho abaixo:
“No entanto, é indispensável que nos demos conta de que as preocupações e a vigilância em relação à sexualidade não se restringem às alunas, nem mesmo apenas aos alunos, mas a todas as pessoas (inclusive aos adultos) que convivem na escola”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <https://bibliotecaonlinedahisfj.files.wordpress.com/2015/03/genero-sexualidade-e-educacao-guacira-lopes-louro.pdf>. Acesso em: 05 abr. 2017.
De acordo com o texto-base Gênero e sexualidade nas pedagogias culturais: implicações para a educação infantil, em relação à construção de identidades de gênero e identidades sexuais, leia as sentenças a seguir, assinalando V para as afirmativas verdadeiras e F para as afirmativas falsas.
I.  (  ) O Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil sugere um discurso naturalizante e universal em torno da sexualidade.
II. (  ) A sexualidade tem sido compreendida pela família e instituições sociais de tal forma que levou a um menor controle e vigilância desse tema em âmbito escolar.
III.(  ) A sexualidade, embora tenha como suporte um corpo biológico, deve ser vista como uma construção social.
Agora, marque a sequência correta:
Nota: 10.0
	
	A
	V – F – F
	
	B
	V – V – F
	
	C
	V – F – V
Você acertou!
A afirmativa II é falsa. Comentário: “Esse discurso naturalizante e universal em torno da sexualidade tem produzido poderosos efeitos de verdade. No entanto, Jeffrey Weeks (no prelo) observa que a sexualidade, embora tendo como suporte um corpo biológico, deve ser vista como uma construção social, uma invenção histórica, pois o sentido e o peso que lhe é atribuído são modelados em situações sociais concretas. A sexualidade é tida como “a verdade definitiva sobre nós mesmos e sobre nossos corpos: ao invés disso, ela nos diz algo mais sobre a verdade da nossa cultura” (grifo meu). A sexualidade tem sido alvo de constante controle por parte da família, da escola e dos diversos aparatos culturais, incluindo-se aqui os livros didáticos e paradidáticos” (Gênero e sexualidade nas pedagogias culturais: implicações para a educação infantil, p. 10).
	
	D
	F – V – F
	
	E
	F – V – V
Questão 7/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho abaixo:
“O crime mais marcante ocorreu em 7 de abril de 2011, quando doze adolescentes com idades entre 12 e 14 anos foram mortos a tiros na escola municipal Tasso da Silveira, localizada no bairro do Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro. O atirador, Wellington Menezes de Oliveira, era um ex-aluno que teria sido vítima de bullying”.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <https://vestibular.uol.com.br/resumo-das-disciplinas/atualidades/violencia-nas-escolas-das-ruas-para-a-sala-de-aula.htm>. Acesso em: 29 mar. 2017.
A partir do fragmento acima e do texto-base O bê-á-bá da intolerância e da discriminação, quanto à história da violência no cenário escolar brasileiro, leia as sentenças a seguir, assinalando V para as afirmativas verdadeiras e F para as afirmativas falsas.
I.  (  ) Na década de 1970, os pesquisadores procuravam explicações para as agressões interpessoais, principalmente entre alunos.
II. (  ) Na década de 1980, os pesquisadores enfatizavam as ações contra o patrimônio, como, por exemplo, as depredações.
III.(  ) Nos últimos anos do século XX e nos primeiros do século XXI, os pesquisadores preocupam-se com o aumento da violência, bem como com a relação dela com o problema do narcotráfico.
Agora, marque a sequência correta:
Nota: 10.0
	
	A
	V – F – V
	
	B
	F – V – F
	
	C
	V – V – V
	
	D
	F – V – V
Você acertou!
As afirmativas II, III estão corretas. A afirmação I é falsa: “Os primeiros estudos brasileiros datam da década de 1970, quando pedagogos e pesquisadores procuravam explicações para o crescimento das taxas de violência e crime. Na década de 1980, enfatizavam-se ações contra o patrimônio, como as depredações e as pichações. Já na maior parte da década de 1990, o foco passa a ser as agressões interpessoais, principalmente entre alunos” (O bê-á-bá da intolerância e da discriminação, p. 30).
	
	E
	V – F – F
Questão 8/10 - Temas Contemporâneos: da Diversidade de Gênero à Faixa Geracional
Leia o trecho a seguir:
“A escola tem um papel fundamental a desempenhar nesse processo. Em primeiro lugar, porque é um espaço em que pode se dar a convivência entre estudantes de diferentes origens, com costumes e dogmas religiosos diferentes daqueles que cada um conhece, com visões de mundo diversas daquela que compartilha em família. Nesse contexto, ao analisar os fatos e as relações entre eles, a presença do passado no presente, no que se refere às diversas fontes de que se alimenta a identidade — ou as identidades, seria melhor dizer — é imprescindível esse recurso ao Outro, a valorização da alteridade como

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.