A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
TOCE - Terapia de Ondas de Choque Extracorpórea

Pré-visualização | Página 1 de 1

Laura dos Santos Sousa | Medicina veterinária | 6º período 
 
 
TOCE 
Terapia de Ondas de Choque Extracorpórea 
Efeitos adversos 
 Desconforto 
 Leve dormência 
 Leves alterações cutâneas 
 Lesões endoteliais 
 Hematomas 
 Edema 
 Petéquias 
Precauções 
 Quantidade de energia administrada 
correta 
 Delimitação exata da região para o efeito 
terapêutico 
 Observar quantidade de intervalos de 
pulsos por sessão 
 Pós tratamento é recomendado descanso 
 
Vantagens VS Desvantagens 
 
 
Contraindicações 
 Ondas de choque aplicadas em regiões 
torácicas ou pulmonares 
 Aplicação em nervos ou estruturas 
vasculares 
 Fêmeas prenhas 
 Tumores na área de foco 
 Mediante ao uso de medicações 
anticoagulantes 
 Em distúrbios coagulativos 
Indicações 
 Tratamentos de urolítíase 
 Problemas ortopédicos e traumatologia 
 Alterações ósseas 
 Traumas 
 Patologias cardíacas e dermatológicas 
 Lesões em coluna vertebral e pescoço 
 Terapia eficaz 
 Age evitando 
processos cirúrgicos 
 Baixos casos de 
complicação 
 Tratamento seguro 
 Age estimulando a 
cicatrização 
 Modula processos 
inflamatórios 
 
 As ondas podem 
causar stress ao 
animal 
 Por camuflar a 
dor poderá 
ocorrer processo 
de ruptura 
 
Curiosidades 
 Definida como forte onda de pressão 
acarretando variação de pressão 
 TOCE surgiu para uso em terapias que 
visam desintegrar cálculos renais 
 Utilizada na ortopedia e traumatologia 
 As ondas de choque alteram propriedades 
mecânicas, elétricas e térmicas dos sólidos