A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
Gabarito Técnicas de Medição UNIASSELVI

Pré-visualização | Página 1 de 2

das
A
Gabarito
utoatividades
TÉCNICAS DE MEDIÇÃO
Centro Universitário Leonardo da Vinci
Rodovia , nº .BR 470 Km 71, 1 040
Bairro Benedito - CEP 89130-000
I daialn - Santa Catarina - 47 3281-9000
Elaboração:
Revisão, Diagramação e Produção:
Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI
2018
Fernanda Caroline Jaques
3UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES DE
TÉCNICAS DE MEDIÇÃO
Centro Universitário Leonardo da Vinci
Rodovia , nº .BR 470 Km 71, 1 040
Bairro Benedito - CEP 89130-000
I daialn - Santa Catarina - 47 3281-9000
Elaboração:
Revisão, Diagramação e Produção:
Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI
2018
UNIDADE 1
TÓPICO 1
1 Ligue as unidades de medidas ao evento correto:
2 Para que são feitas as medições em segurança do trabalho?
R.: Para obter-se resultados, assim como em qualquer outra área, a fim de 
compará-los para saber se há algum ponto a ser melhorado.
3 O que você entendeu por unidade de medida?
R.: Unidade de medida é uma qualificação de uma menor parte de determinada 
condição, dado, ou algo que se deseja mensurar, é o padrão que será usado 
para comparações.
TÓPICO 2
4 GABARITO DAS AUTOATIVIDADES UNIASSELVI
NEAD
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
1 Diferencie medir de avaliar.
R.: Medir é mensurar, através de instrumentos adequados, um dado 
(informação) que se deseja conhecer.
Avaliar engloba o ato de medir, é a interpretação dos dados mensurados, 
exige conhecimento técnico e foco no objetivo que se deseja alcançar.
2 A Higiene Ocupacional estuda quais tipos de risco?
R.: A Higiene Ocupacional estuda os riscos físicos, químicos e biológicos, 
apenas.
3 Coloque em ordem as etapas da higiene ocupacional.
Avaliar; Controlar; Reconhecer; Antecipar.
R.: Antecipar, Reconhecer, Avaliar e Controlar.
4 O que é ergonomia?
R.: Ergonomia é a ciência que estuda a interação do homem com a máquina, 
ferramentas, mobiliário e infraestrutura necessária à execução de determinada 
tarefa.
5 Assinale quais opções abaixo são riscos ergonômicos:
a) (x) Baixa luminosidade.
b) ( ) Manuseio de herbicida.
c) ( ) Queda de nível.
d) (x) Postura inadequada.
e) ( ) Exposição a organismos patogênicos.
f) (x) Movimento repetitivo.
TÓPICO 3
1 Imagine uma padaria, onde você será o profissional que irá realizar 
o reconhecimento de riscos ambientais. Nela temos dois padeiros e 
um assistente, no balcão de vendas temos três atendentes e, muito 
próximo à porta do estabelecimento, tem-se o caixa.
a) Como você dividiria os grupos homogêneos de exposição? Explique 
os critérios utilizados para estes agrupamentos.
5UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
R.: A princípio, considerando apenas as informações passadas, pode-se dizer 
que temos três grupos homogêneos, o GHE 1: Padeiros e seu assistente, 
o GHE 2: Atendentes e GHE 3: Caixa. Porém, é necessário certificar-se de 
que a exposição aos riscos no grupo são as mesmas e em intensidades 
semelhantes. 
b) É possível eleger um exposto de maior risco com base nestas 
informações passadas? Explique por quê.
R.: Não é possível, pois é necessário saber quem do grupo se expõe mais 
ao risco levantado, a não ser o grupo do caixa, cujo EMR é ele mesmo, pois 
o grupo só apresenta um único funcionário.
3 Qual o principal benefício de se utilizar técnicas de amostragem?
R.: O principal benefício é o da viabilidade técnica-financeira, pois sem a 
utilização de estratégia de amostragem, os gastos de tempo e dinheiro de 
se avaliar todos os trabalhadores impossibilitariam e desacreditariam as 
medições em segurança do trabalho. 
TÓPICO 4
1 Considere que em determinado grupo de exposição, após avaliação 
da concentração de exposição à substância química dióxido de cloro, 
obteve-se como resultado da avaliação para jornada de 48 horas 
semanais a concentração de 0,06ppm. Na NR-15 - Anexo 11, o limite 
de tolerância para o dióxido de cloro é de 0,08ppm para 48 horas por 
semana.
a) Por que a adoção de medidas de ação se faz necessária neste caso?
R.: Porque mesmo o resultado tendo dado abaixo do limite de tolerância, 
este apresentou-se dentro do nível de ação, acima de 50% da dose, ou seja, 
é necessária a tomada de ações, como a proteção do trabalhador para que 
esta concentração não atinja o limite de tolerância.
 
b) Algum nível foi ultrapassado?
R.: Sim, o nível de ação foi ultrapassado.
6 GABARITO DAS AUTOATIVIDADES UNIASSELVI
NEAD
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
c) Caso a empresa resolva mexer no modo de procedimento de trabalho, 
retirando os trabalhadores da área de exposição por pelo menos três 
horas da sua jornada total e colocando-os para fazer outras tarefas 
em local livre de agentes químicos, essa medida pode ser eficiente? 
Por quê?
R.: Esta medida pode ser suficiente, pois reduz o tempo de exposição do 
trabalhador ao agente, diminuíndo a concentração absorvida (diluindo a 
concentração ao longo da jornada). Porém, vale lembrar que esta pode não 
ser a medida mais eficaz, há outras medidas que podem contribuir com a 
redução da concentração do agente, além de que após aplicação de quaisquer 
medidas para redução da exposição faz-se necessária a realização de nova 
avaliação quantitativa para a comprovação da eficácia desta medida adotada.
UNIDADE 2
TÓPICO 1
1 Posicione os tipos de radiação nas faixas corretas no espectro de 
radiações.
7UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
a) Em que faixa de frequência se encontra a luz visível?
8 GABARITO DAS AUTOATIVIDADES UNIASSELVI
NEAD
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
R.: banda situada entre 400 THz e 790 THz.
b) De qual lado se encontram as radiações ionizantes e de qual lado as 
não ionizantes?
R.: As radiações ionizantes são as radiações que apresentam frequências 
menores, no caso estão do lado direito da divisão em vermelho (à direita). 
As não ionizantes apresentam frequências maiores e estão do lado esquerdo 
da linha vermelha.
c) Diferencie radiações ionizantes das não ionizantes.
R.: Ionizantes são as radiações que roubam íons da célula, alterando sua 
carga e danificando-a, já as não ionizantes não possuem essa capacidade 
de troca iônica.
2 Tanto o agente frio quanto o calor são determinados através da leitura 
de temperatura. Porém, o calor necessita do cálculo de um índice. 
Que índice é esse e a partir de que dado ele é obtido?
R.: É o índice de bulbo úmido termômetro de globo – IBUTG, é obtido tendo-
se as leituras dos termômetros de bulbo úmido e o de globo, dependendo de 
o ambiente ter influência na leitura do bulbo seco.
3 Imagine uma fábrica onde as fontes ruidosas de determinado 
ambiente são o exaustor, prensa, máquina de corte e compressor 
de ar. Um trabalhador fica exposto a esta fonte de forma contínua 
durante toda sua jornada de trabalho de oito horas. 
a) Qual tipo de medidor de pressão sonora é indicado para avaliar a 
exposição a este agente? 
R.: O tipo indicado é o dosímetro de ruído, pois há o envolvimento de diferentes 
fontes ruidosas, que podem ultrapassar o limite de tolerância.
b) Explique o conceito de dose.
R.: Dose é a relação de uma concentração de determinado agente pelo tempo 
de exposição, dada em percentual.
c) Qual curva e qual tempo de resposta devem ser adotados nessa 
avaliação?
9UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
T
É
C
N
I
C
A
S
 
D
E
 
M
E
D
I
Ç
Ã
O
R.: A avaliação de ruído ocupacional deve ser realizada em curva A e com 
tempo de resposta lento (em modo slow).
TÓPICO 2
1 Indique um exemplo de situação de avaliação de vibração VCI e um 
exemplo de situação de avaliação VMB.
R.: Em um operador de empilhadeira, ou de uma retroescavadeira, realiza-
se uma VCI, pois o mesmo tem influência da vibração de corpo inteiro por 
trabalhar sentado.
Em um trabalhador que opera martelo pneumático, realizase uma VMB, pois 
o mesmo expõe os braços, onde a energia tende a

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.