A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Tetraciclinas

Pré-visualização | Página 1 de 1

1	
Tetraciclinas 
 
® Mecanismo de ação: inibe a síntese proteica se 
ligando ao ribossomo (30s), mas se liga à um 
sítio deferente dos aminoglicosídeos, sendo esse 
o encaixe do RNA transportador. 
à Entram nas gram- por difusão, mas na gram+ 
há gasto energético. 
® Resistência: 
à Queda do influxo ou aumento do efluxo. 
à Proteção do ribossomo (produção de proteínas 
que interferem na ligação da tetraciclina com 
o ribossomo). 
à Inativação enzimática. 
® Fármacos: 
à Tetraciclina (via oral, absorção 60-80%) 
à Doxiciclina (via oral, absorção 95%) 
à Minociclina (via oral, absorção 100%) 
® A absorção pode ser comprometida se a 
ingestão for acompanhada de cátions 
bi/trivalentes (ex.: Ca2+). 
® Atravessa a barreira hematoencefálica. 
® Espectro de ação: gram+, gram-, riquétsias, 
clamídias, micoplasma. 
® Doxiciclina e minociclina são mais resistentes 
aos mecanismos de efluxo. 
® Doxiciclina é um tratamento alternativo para 
sífilis. 
® O acúmulo desse fármaco em diferentes 
tecidoa é o que limita sua utilização. 
® Contra-indicações: gestantes (pode causar 
acúmulo e má formação dos ossos do feto) e 
crianças até 8 anos (os dentes por sair também 
podem sofrer depósito e nascerem manchados).