A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
20 pág.
Processamento de Leite em pó

Pré-visualização | Página 1 de 1

PROCESSAMENTO 
DE LEITE EM PÓ
PROF. RAMON RAMOS
LEITE EM PÓ
Entende-se por leite em pó o produto que se obtém
por desidratação do leite de vaca, integral, desnatado
ou parcialmente desnatado e apto para a alimentação
humana, mediante processos tecnologicamente
adequados.
INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 53, DE 1° DE OUTUBRO DE 2018
LEITE EM PÓ
Para ajustar o teor de proteína (MÍNIMO 34%) 
poderão ser utilizados os seguintes produtos 
lácteos:
•Retentado de leite
•Permeado de leite
•Lactose
MÁXIMO 5% 
DE UMIDADE
PROPORÇÃO ENTRE 
CASEÍNA E PROTEÍNAS DO 
SORO DEVE SER MANTIDA A 
MESMA QUE O LEITE 
LÍQUIDO
CLASSIFICAÇÕES
Integral
Maior ou igual a 26%
Parcialmente desnatado
Entre 1,5 a 26%
Desnatado
Menor que 1,5%
Semidesnatado
Entre 14 e 16%
CLASSIFICAÇÕES
UMECTABILIDADE
(máx. 60 s)
DISPERSIBILIDADE
(mín. 85% para o leite 
integral e mín. 90% para 
os demais)
DRUM/ROLLER DRYING FREEZE DRYING
SPRAY DRYING
MULTI STAGE DRYING
LEITO FLUIDIZADO
AGLOMERAÇÃO
Atomizador de Alta Pressão Atomizador de Disco Rotativo
LACTOSE AMORFA
POSSÍVEIS DEFEITOS
POSSÍVEIS DEFEITOS
SORO DE LEITE EM PÓ
LACTOSE
TEMPERATURA 
DE TRANSIÇÃO 
VÍTREA
CRISTALIZAÇÃO DA LACTOSE NO 
SORO CONCENTRADO
ELETRODIÁLISE 
OU TROCA 
IÔNICA
SORO DE LEITE 
DESMINERALIZADO