A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
QUESTOES TERAPIA INTENSIVA

Pré-visualização | Página 1 de 1

Questão 1: 
Uma paciente de 36 anos de idade apresenta queixas de palpitação, 
tremores nas mãos e insônia. Relata que perdeu cerca de 16 kg em três 
meses, mesmo tendo percebido aumento da fome. Ao exame físico, a 
paciente encontra-se lúcida, com tremor, FC = 116 bpm; FR = 14 irpm, 
SatO2 = 98% com aumento do volume cervical e temperatura axilar = 
36,3 o C. Ela nega comorbidades ou uso de medicações e suplementos. 
De antecedentes pessoais, refere apenas ser tabagista, fazendo uso 
de meio maço de cigarros ao dia. Em razão da queixa de palpitação da 
paciente, é feito um eletrocardiograma que revela uma taquicardia 
sinusal, sem outras alterações. 
 
Considerando a principal hipótese diagnóstica desse caso clínico e os 
conhecimentos médicos correlatos, julgue os itens a seguir 
A paciente apresenta um quadro de crise tireotóxica, devendo ser 
imediatamente encaminhada para a unidade de terapia intensiva e 
iniciada terapia com glicocorticoides em altas doses. 
 
( )Certo 
( )Errado 
 
Questão 2: A respeito da Unidade de Terapia Intensiva, 
é incorreto afirmar que: 
A) Pacientes com tubo endotraqueal ou ventilação mecânica perdem 
o controle da comunicação, têm medo da morte, estão com 
privação de sono, vulneráveis e solitários. 
B) A agitação psicomotora não pode ser considerada uma das 
manifestações da presença de ansiedade. 
C) Os fatores de personalidade do paciente colaboram 
diferentemente para a presença de determinados 
comportamentos na unidade. 
D) Um papel fundamental do psicólogo é intermediar a relação 
entre familiares dos pacientes atendidos e profissionais de 
saúde. 
 
Questão 3: 
Em relação ao paciente oncológico na unidade de terapia intensiva, 
assinale a correta: 
 
a) Hiperleucocitose é uma condição presente quando há um grande 
número de blastos circulantes (maior que 100.000 células/μL), 
interfere na viscosidade sanguínea e acomete principalmente a 
vasculatura renal e hepática com disfunção grave desses órgãos. 
b) Hipercalcemia é uma alteração metabólica pouco frequente 
nesta população e é caracterizada por sintomas inespecíficos 
como letargia, confusão mental, náusea e anorexia. 
c) A manifestação clínica da secreção inapropriada de hormônio 
antidiurético relacionada aos tumores carcinóides e ao mieloma 
é predominantemente neurológica e apresenta correlação bem 
definida com o nível sérico de sódio. 
d) Feocromocitoma possui relação com síndrome da neoplasia 
endócrina múltipla, seu diagnóstico é baseado em dosagem 
urinária de catecolaminas e o tratamento inicial inclui bloqueio 
beta adrenérgico seguido de bloqueio alfa adrenérgico. 
e) A síndrome da veia cava superior possui relação com tumores de 
mediastino, permite o surgimento de circulação colateral no 
abdome e tórax, e apresenta relação com alterações 
respiratórias e da pressão intracraniana. 
 
Questão 4: 
Qual é a droga amplamente utilizada em Terapia Intensiva com 
ação sedativa e analgésica? 
 
a) Nimodipina. 
b) Fentanil 
c) Manitol. 
d) Dexametasona. 
e) Fenitoína. 
 
Questão 5: 
Um paciente de 50 anos de idade procura uma unidade de emergência 
informando manifestar, há oito meses, dispneia progressiva associada 
a tosse que elimina secreção mucoide. Há um dia, percebeu 
apresentar hemoptise. O exame físico mostra peso = 50 kg, altura = 
1,70 m, PA = 100 mmHg x 60 mmHg, FC = 120 bpm, FR = 28 irpm, 
SatO2 = 89%, temperatura axilar = 36 °C e cianose de extremidades. 
Notam-se crepitações inspiratórias em ambos os pulmões. A 
radiografia de tórax evidencia infiltrado reticulonodular difuso em 
ambos os pulmões, assimétrico, predominando nos dois terços 
superiores do pulmão e com área de hipertransparência nos lobos 
inferiores. O lavado broncoscópico revela a presença de estruturas 
com brotamentos com paredes birrefringentes e roda de leme. 
( ) CERTO 
( ) ERRADO 
 
Questão 6: 
Assinale a alternativa correta em relação à atuação do fisioterapeuta 
em unidades de terapia intensiva. 
 
a) É uma responsabilidade fundamental do fisioterapeuta 
monitorar os pacientes de forma contínua quanto às variáveis 
clínicas e hemodinâmicas e às alterações na troca gasosa, ou 
seja, realizar gasometria arterial a cada duas horas. 
b) A insuficiência respiratória se caracteriza pela incapacidade de 
manutenção da liberação normal de oxigênio ou de remoção do 
gás carbônico nos tecidos. Na gasometria arterial, a PaO2 < 40 
mmHg e a PaCO2 > 80 mmHg. 
c) Deve-se evitar FR > 20 irpm, que pode causar hipersinsuflação 
dinâmica e fluxo > 60 Lpm, o que pode elevar a resistência. 
d) Cabe exclusivamente ao fisioterapeuta a aspiração das vias 
aéreas pré-extubação, com o objetivo de retirar as secreções 
que se acumulam acima do balonete, evitando a aspiração para 
os pulmões. 
e) A pressão positiva, nas vias aéreas, durante a expiração, 
provoca uma pressão alveolar negativa, evitando o colabamento 
e as síndromes obstrutivas. Portanto, deve-se ventilar o 
paciente sempre com volumes altos de PEEP. 
 
Questão 7: 
A escala Medical Research Council (MRC) é muito utilizada em terapia 
intensiva e tem por finalidade avaliar a: 
 
a) força muscular. 
b) mobilidade no leito. 
c) capacidade de se alimentar 
d) independência ao tomar banho. 
e) locomoção. 
 
 
 
Gabarito 
1 2 3 4 5 6 7 
ERRADO B E B CERTO C A