A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Homeostase - fisiologia

Pré-visualização | Página 1 de 1

→ HOMEOSTASE: é um estado de equilíbrio 
dinâmico 
→ - Dois sistemas que coordenam o estado 
de homeostase do corpo: sistema 
endócrino e sistema nervoso; 
→ O MEIO INTERNO: 
→ - A maioria das células do corpo não é 
→ - Muito tolerante a mudanças em seus 
arredores 
→ - O meio interno é o ambiente aquoso 
interno que circunda as células=líquido 
extracelular (LEC) 
→ - O LEC funciona como um meio de 
transição entre o ambiente externo de um 
organismo e o líquido intracelular (LIC) 
→ - O que separa o LIC do LEC é a 
membrana celular 
→ - LEC: meio interno da célula, líquido 
intersticial (que banha as células) + plasma 
 
→ - Maior concentração de potássio: no LIC 
que é dentro da célula 
→ - Maior concentração de sódio (chama 
água): no LEC que é fora da célula 
→ - A bomba de sódio e potássio atua contra 
o gradiente de concentração, deixa o 
sódio do lado de fora e potássio para 
dentro e funciona com gasto de energia 
(ATP) 
→ Transporte ativo: contra o gradiente de 
concentração e gasta energia 
→ Transporte passivo: a favor do gradiente 
de concentração e sem gasto de ATP 
→ Gradiente de concentração: saída de 
maior concentração para onde tem menor 
concentração 
→ A concentração maior de potássio do lado 
de dentro da célula e sódio fora garante a 
execução de determinadas funções 
→ Essas concentrações internas e externas 
permitem que a célula fique 
POLARIZADA 
→ CÉLULA POLARIZADA: internamente 
negativa e externamente positiva 
 
→ ELETRÔGENESE 3Na+/2k+ 
REPOUSO -> POTENCIAL DE AÇÃO 
 
 
 
1- POLARIZADA 
 + 
 
 
 
 
 Na + 
 
 
▪ Em equilíbrio 
 
2- DESPOLARIZADA 
 
 
 
 
 - N Na+ 
 
 
 
▪ Entrada ou influxo de sódio (Na+) 
▪ Período refratário absoluto 
 
3- REPOLARIZADA 
 
 
 
 K+ 
 
 + Na + 
 
 
 
▪ Saída ou efluxo do potássio (K+) 
▪ Bomba de sódio e potássio (canais de 
vazamento) 
 
4- HIPERPOLARIZADA 
 
 
 
 K+ 
 
 
 + 
 
▪ Período refratário relativo (caso seja 
controlada a saída de potássio) 
▪ Não tem como despolarizar, pois não está 
polarizada 
▪ Contínua saída de potássio 
 
▪ Dificuldade de polarização 
▪ Muito negativa internamente 
 
 - 
 O 
K+ 
 K+ Na+ 
 O 
+ 
 
 
 O 
 K+ 
 
 O 
- K+ 
 
 
 O 
 K+ 
 - - 
- O - 
 --- - 
 
 
 O 
 K+ 
→ Período refratário: período em que a 
célula não pode receber estímulos, não 
pode despolarizar (trocar os polos) 
 
→ REPRESENTAÇÃO GRÁFICA: 
 
 
 
 
 
 2 3 
 
 
 
 1 
 4 
1- Repouso polarizada 
2- Despolarizada (entrada de Na+) 
3- Repolarizada (efluxo de K+) 
4- Hiperpolarizada ( contínua saída de K+) 
 
→ CONDUTÂNCIA: facilidade da corrente 
fluir entre dois pontos à diferentes 
potenciais elétricos; 
→ RESISTÊNCIA: é uma medida de 
dificuldade da corrente fluir 
→ O potássio entre e sai da célula com 
grande facilidade (devido aos canais de 
vazamento) e o sódio não. 
→ BARREIRA HEMATOENCEFÁLICA: 
estrutura física formada por astrócitos que 
envolve os capilares (possuem bombas 
de k+ em suas membranas que 
concentram esse íon no citosol) e impede 
que substâncias penetrem no sistema 
nervoso central