A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Equilíbrio ácido base

Pré-visualização | Página 1 de 1

51 
Elany Portela 
Equilíbrio Ácido-Base 
Mecanismo de Regulação da 
Concentração de H+ 
 
O sistema primário da regulação da 
concentração de H+ é representado 
pelos tampões fisiológicos ácido-básicos 
dos líquidos orgânicos .. O exercício deste 
mecanismo é regulado por dois órgãos: 
 
1. Centro respiratório (formação 
reticular do bulbo): regula a 
remoção de CO2 e de H2CO3 do 
LEC 
 
2. Rins: promovem a excreção de 
urina ácida, ou alcalina, ajustando a 
concentração de íons H+ do LEC 
 
Os pulmões são os primeiros órgãos da 
escala hereditária fisiológica responsáveis 
pela excreção de ácidos, de modo que a 
acidose metabólica leva a um quadro de 
hiperventilação pulmonar, uma vez que 
as altas concentrações de CO2, estimulam 
os centros respiratórios superiores e estes 
são responsáveis por desencadear uma 
resposta somática que culmina em um 
maior processo de expiração, no intuito de 
eliminar mais CO2. 
 
A reação acima, catalisada pela anidrase 
carbônica, demonstra o equilíbrio 
determinado pelo tampão de 
Bicarbonato/CO2, em que o bicarbonato 
representa o componente básico e o 
CO2, componente ácido do tampão. 
Equação de 
Henderson-Hasselbach 
 
Quanto maior a concentração de HCO3 
 elevação do pH  alcalose. A 
concentração de HCO3- é regulada pelos 
rins. 
 
Quanto maior a concentração de CO2  
redução do pH  acidose. A 
concentração de CO2 (PCO2) é 
controlada pela frequência respiratória. 
 
Distúrbios do Equilíbrio 
Acidobásico 
 
Alteração primária da concentração de 
HCO3- do LEC leva a distúrbios 
acidobásicos metabólicos. As acidoses e 
alcaloses são definidas como sendo 
metabólicas (quando há alterações nas 
concentrações do HCO3-) ou respiratórias 
 
52 
Elany Portela 
(primárias, quando relacionadas há 
alterações nas concentrações de CO2). 
 
Aumento HCO3- - alcalose metabólica 
Diminuição HCO3- - acidose metabólica 
Aumento PCO2 - acidose respiratória (ex: 
pacientes com enfisema pulmonar) 
Diminuição PCO2 - alcalose respiratória 
(ex: pacientes histéricos 
 
 
 
 
Papel do Pulmão na 
Regulação do Equilíbro 
Acidobásico 
A expiração pulmonar de CO2 é 
equilibrada pela própria produção de CO2 
do organismo. Este gás é produzido 
continuamente pelas células e difunde-se 
livremente para o sangue, para ser 
eliminado pelos pulmões. 
 O aumento do CO2 (ou do próprio 
Pco2) estimula a ventilação pulmonar. 
Este aumento faz com que haja uma 
maior eliminação de CO2, o qual, 
consequentemente, diminui no CO2 
no LEC ( Pco2). 
 
 Diz-se que o aumento de CO2 
desencadeia em um aumento de 
H2CO3 e de H+, o que ocasiona em 
uma diminuição do pH do sangue 
(acidemia) 
 
 Diz-se que o aumento da ventilação 
diminui o Pco2, com a consequente 
queda dos níveis de H2CO3 e 
aumento dos níveis de HCO3-, o que 
desencadeia um aumento do pH do 
sangue (alcalemia). 
 
 Um aumento das [H+] (acidose) 
desencadeia um aumento da 
ventilação alveolar, o que diminui o 
Pco2 e as concentrações de H+. 
Porém, essa capacidade do pulmão de 
realizar um mecanismo respiratório de 
controle do pH tem eficiência de 50 a 
75%. Portanto, o equilíbrio ácido-base 
não depende só do pulmão, mas tanto 
do pulmão quanto dos rins. 
 
Regulação Renal do Equilíbrio 
ÁcidoBásico 
 
Os rins, por meio de um aumento da 
excreção urinária de ácidos ou de bases, 
tornando a urina ácida ou básica, são 
capazes de regular as concentrações de 
ácidos e bases no plasma. 
 
 Os néfrons filtram grande quantidade 
de íons HCO3- que é destinado à 
excreção urinária e, se não houver 
reabsorção, haverá uma redução das 
bases do sangue. Ou seja: 
 
 
53 
Elany Portela 
Filtração (excreção) de HCO3-  
Secreção de H+  perda renal de 
bases. 
 
 A secreção de H+ pelos rins, do 
mesmo modo como pré-citado, gera 
uma diminuição de ácidos do sangue. 
Ou seja: 
Secreção de H+  filtração 
(reabsorção) de HCO3-  perda renal 
de ácidos 
 
Ácidos não-voláteis, produzidos pelo 
organismo (metabolismo das proteínas) 
são excretados pelos rins. 
 
Conclui-se, então: 
 
1. Na acidose, deve haver uma maior 
excreção de ácidos e de NH4+ + 
ácido titulável (NaH2PO4), sendo 
trocado por HCO3- , o qual será 
adicionado para o sangue. A alcalose 
ocorre devido a um aumento da 
secreção tubular de H+ e uma 
diminuição da excreção de HCO3-. 
A excreção de NH4+ + ácido 
titulável (NaH2PO4) é muito baixa.