A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
24 pág.
Reflexos sociais da pandemia por covid-19: um estudo no aumento da violência doméstica no Brasil.

Pré-visualização | Página 7 de 7

Juizados de Violência 
Doméstica e Familiar contra a Mulher; altera o Código de Processo Penal, o Código Penal 
e a Lei de Execução Penal; e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 
de 07 de agosto de 2006 Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-
2006/2006/lei/l11340.htm>. Acesso em: 18 de set. 2020. 
 
BRASIL. Lei nº 13.827, de 13 de maio de 2019. Altera a Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 
2006 (Lei Maria da Penha), para autorizar, nas hipóteses que especifica, a aplicação de 
medida protetiva de urgência, pela autoridade judicial ou policial, à mulher em situação 
de violência doméstica e familiar, ou a seus dependentes, e para determinar o registro 
da medida protetiva de urgência em banco de dados mantido pelo Conselho Nacional de 
Justiça. Diário Oficial da União, Brasília, de 13 de maio de 2019. Disponível em: 
<http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/lei/L13827.htm>. Acesso em: 
18 de set. 2020. 
 
______. Lei nº 14.022, de 07 de julho de 2020. Altera a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro 
de 2020, e dispõe sobre medidas de enfrentamento à violência doméstica e familiar 
contra a mulher e de enfrentamento à violência contra crianças, adolescentes, pessoas 
idosas e pessoas com deficiência durante a emergência de saúde pública de importância 
internacional decorrente do corona vírus responsável pelo surto de 2019. Diário Oficial 
da União, Brasília, de 07 de julho de 2020. Disponível em: 
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/lei/L14022.htm. Acesso em: 15 
de set. de 2020. 
CONFERÊNCIA INTERNACIONAL AMERICANA. Convenção Interamericana sobre a 
Concessão dos Direitos Civis à Mulher. Assinada na Nona Conferência Internacional 
Americana, Bogotá, Colômbia, em 2 de maio de 1948. IX Conferência Internacional 
 
Americana. Aprovada pelo Decreto Legislativo nº 74, de 18.12.1951. Entrou em vigor no 
Brasil em 15 de fevereiro de 1950. Promulgada pelo Dec. nº 31.643, de 23 de outubro de 
1952. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/atividade-
legislativa/comissoes/comissoes-permanentes/cdhm/comite-brasileiro-de-direitos-
humanos-e-politica-externa/ConvIntConcDirCivMul.html. Acesso em 15 de set. de 2020. 
 
INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICAS (IBGE). Programa 
Nacional de Desenvolvimento - PNDA 2019. Acesso em: 
https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pb/panorama. Acesso em15 de set. de 2020. 
 
INSTITUTO DE PESQUISA ECONOMICAMENTE APLICADA (IPEA). Índice de 
violência doméstica é maior para mulheres economicamente ativas. Disponível em: 
https://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=34977. 
Acesso em: 15 de set. de 2020. 
 
FERNANDES, Valéria Diez Scarance. Lei Maria da Penha: O Processo Penal no 
Caminho da Efetividade. São Paulo: Atlas, 2015. 
 
HABIB, G. Leis penais especiais. 10. ed. Salvador: Juspodivm, 2018. 
 
PORTO, Pedro Rui da Fontoura. Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher: 
Lei nº 11.340/06, análise crítica e sistêmica. 3. ed. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 
2014. 
 
PRIORE, M. Histórias das mulheres no Brasil. 10. ed. São Paulo: Contexto, 2011a. 
 
______. Histórias e conversas de mulher. São Paulo: Planeta do Brasil, 2013 
 
______. Histórias intimas. São Paulo: Contexto, 2011b. 
 
 
MARINGÁ, Secretária de Saúde. Protocolo de proteção à mulher, à criança e ao 
adolescente vítima de violência sexual, doméstica e intrafamiliar cujo objetivo. 
(2012) Disponível em: 
http://www2.maringa.pr.gov.br/sistema/arquivos/c329667b0913.pdf. Acesso em: 16 de 
set. de 2020. 
 
______. Dia de Combate ao Feminicídio. Disponível em: 
https://gmconline.com.br/noticias/cidade/maringa-veja-bairros-com-mais-registros-de-
violencia-domestica/. Acesso em: 21 de set. de 2020. 
 
MINISTÉRIO PÚBLICO DO PARANÁ – MPPR. MPPR alerta sobre importância de 
denunciar a violência doméstica. Disponível em: 
https://mppr.mp.br/2020/05/22551,10/MPPR-alerta-sobre-importancia-de-denunciar-a-
violencia-domestica.html. Acesso em: 15 de set. de 2020. 
 
PARANÁ, Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR). Coordenadoria estadual da 
mulher em situação de violência doméstica e familiar (CEVID). Disponível em: 
https://www.tjpr.jus.br/cevid. Acesso em: 15 de set. de 2020. 
 
ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Direitos das Mulheres e da Igualdade de 
Gênero de 1948. Disponível em: 
https://www.un.org/en/documents/charter/chapter1.shtml. Acesso em 15 de set. de 2020. 
 
_____. Direitos das mulheres. Disponível em: https://www.un.org/en. Acesso em 15 de 
set. de 2020. 
 
______, Organização Mundial da Saúde. Covid-19. Disponível em: 
https://www.paho.org/pt/covid19. Acesso em: 15 de set. de 2020. 
 
 
 
https://gmconline.com.br/noticias/cidade/maringa-veja-bairros-com-mais-registros-de-violencia-domestica/
https://gmconline.com.br/noticias/cidade/maringa-veja-bairros-com-mais-registros-de-violencia-domestica/
https://www.tjpr.jus.br/cevid