A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Questões Cruzadas e Renascimento Comercial e Urbano

Pré-visualização | Página 3 de 3

Jobson de A. Arruda, História Antiga e Medieval, editora Ática, 
São Paulo, 1977, p. 393) 
 
A Baixa Idade Média (séc. XII – séc. XV) foi marcada pela crise do sistema feudal. Com base na leitura do texto, 
é possível identificar 
a) a preocupação da nobreza feudal em fortificar seus castelos. 
b) o fortalecimento das relações entre senhores feudais e servos. 
c) o renascimento das cidades associado a atividade comercial. 
d) a ação dos burgueses para evitar a crise do sistema feudal. 
e) o abandono dos castelos feudais pela nobreza. 
 
Questão 15 - (UFU MG) 
A partir do século XI, observa-se em várias localidades da Europa Ocidental uma intensificação das atividades 
comerciais. Dentre os fatores que explicariam esse “renascimento comercial”, analise as informações abaixo. 
I. Uma forte diminuição demográfica, causada pela chamada peste negra e pelas chamadas invasões 
bárbaras. 
II. O aumento do número de cidades e da intensificação da divisão social do trabalho que ajudou no 
desenvolvimento do artesanato. 
III. O aumento da atividade bancária como atividade cada vez mais significativa para expansão do comércio. 
Em relação a essas informações, assinale a alternativa que apresenta as afirmativas corretas. 
a) II e III. 
b) I e II. 
c) I e III. 
d) I, II e III. 
 
Questão 16 - (Anhembi Morumbi SP) 
À medida que o riacho irregular do comércio se transformava em corrente caudalosa, todo pequeno broto da 
vida comercial, agrícola e industrial recebia sustento e florescia. Um dos efeitos mais importantes do aumento 
do comércio foi o crescimento das cidades. 
(Leo Huberman. História da riqueza do homem, 1976.) 
O fenômeno descrito no texto refere-se 
a) ao nascimento das primeiras civilizações na região do Crescente Fértil. 
b) ao processo de agrarização ocorrido na Inglaterra no período moderno. 
c) à passagem da sociedade escravista romana para o sistema feudal de produção. 
d) ao surgimento da civilização islâmica a partir da unificação das tribos árabes. 
e) ao renascimento comercial e urbano ocorrido no período medieval europeu. 
 
 
 
 
 EXERCÍCIOS: 
 CRUZADAS E RENASCIMENTO COMERCIAL E URBANO 
 
Questão 17 - (FATEC SP) 
Nos séculos finais da Baixa Idade Média europeia, a economia de subsistência e de trocas naturais tendia a ser 
suplantada pela economia monetária, a influência das cidades passou a prevalecer sobre os campos, e a 
dinâmica de comércio levou à mudança e à ruptura das corporações de ofício medievais. 
(SEVCENKO, Nicolau. O Renascimento. São Paulo: Atual, 1988, p.5. Adaptado) 
Analisando as transformações citadas, conclui-se, corretamente, que elas 
a) evidenciaram o surgimento da nova classe social burguesa e a crise do sistema feudal. 
b) fortaleceram a Igreja Católica, que incentivava a prática comercial no período medieval. 
c) prejudicaram a burguesia comercial e favoreceram os proprietários das terras feudais. 
d) demonstraram a força do sistema feudal e dos mecanismos de subsistência no campo. 
e) enfraqueceram os reis absolutistas que dominaram a Europa durante o período medieval. 
 
Questão 18 - (Mackenzie SP) 
“O ar da cidade torna os homens mais livres” 
 
O provérbio medieval acima denota uma mudança no cenário europeu com o declínio do feudalismo e 
ressurgimento das cidades. As alterações que ocorreram no final da Idade Média refletiam a nova visão do 
homem desse tempo perante o mundo. Considerando o provérbio acima e as transformações decorrentes da 
transição do feudalismo para o capitalismo, é correto afirmar que, 
a) graças ao Renascimento Comercial, verificado na Baixa Idade Média, as cidades medievais ficaram livres 
do pagamento das antigas taxas e tributos feudais, liberando os ocupantes das cidades de tais encargos 
monetários. 
b) em virtude das Cruzadas (1096-1270), aumentou o intercâmbio religioso entre Oriente e o Ocidente, 
ocasionando uma maior tolerância religiosa nas cidades medievais, que passaram a se espelhar no 
modelo de Jerusalém. 
c) enquanto a vida no campo era marcada por uma estrutura social estratificada, nos novos centros 
urbanos, o desenvolvimento comercial e artesanal criaram condições para a possibilidade de ascensão 
social para o homem urbano. 
d) por contar com seu próprio conjunto de leis e jurisprudência, livres da influência dos senhores feudais, as 
cidades medievais proporcionaram liberdade a todos quantos se sentiam oprimidos pelo modelo social 
feudal da época. 
e) enquanto fazia parte da condição servil, trabalhar nas terras do senhor e a ele entregar parte da colheita, 
nas cidades, já no século XII, as relações de trabalho eram totalmente assalariadas. 
 
Questão 19 - (UFJF MG) 
Observe a imagem a seguir: 
 
 
Usura – Van Dyck -Disponível em: http://hid0141.blogspot.com.br/2010/07/ 
usura-e-o-justo-preco.html acessado 04/09/2015 
 EXERCÍCIOS: 
 CRUZADAS E RENASCIMENTO COMERCIAL E URBANO 
 
Sobre o desenvolvimento urbano e comercial no Ocidente Medieval entre os séculos XII e XIII, marque a 
alternativa INCORRETA: 
a) Existia uma grande multiplicidade de moedas que circulavam paralelamente entre si, sendo o cambista a 
principal figura responsável pelas conversões nas feiras. 
b) A sociedade que se estruturava no meio urbano reproduzia predominantemente as relações de 
dependência típicas do meio rural, como a vassalagem e a servidão. 
c) A regulamentação da produção artesanal realizada nos espaços urbanos aumentava com a criação das 
Corporações de Oficio em diferentes setores produtivos. 
d) Diversas cidades se desenvolveram a partir do aumento da circulação de comerciantes em torno de 
entroncamentos de estradas e em muralhas de castelos importantes. 
e) As grandes rotas de comércio marítimo se concentravam no Mar do Norte e no Mediterrâneo, com 
mercadorias vindas inclusive do Oriente, como a seda. 
 
Questão 20 - (UFTM MG) 
[...] para satisfazer as faltas e necessidades dos da fortaleza, começaram a afluir diante da porta, junto da 
saída do castelo, negociantes, [...] mercadores de artigos custosos, em seguida taberneiros, depois hospedeiros 
para a alimentação e albergue dos que mantinham negócios com o senhor [...]. Os habitantes de tal maneira se 
agarraram ao local que em breve aí nasceu uma cidade importante. 
 (Jean Lelong, cronista do século XIII, apud Fernanda Espinosa. Antologia de textos históricos medievais, 1972.) 
O texto refere-se 
a) às transformações ocorridas na Europa Ocidental a partir do século XI, quando as atividades comerciais 
intensificaram- se. 
b) ao processo de criação das corporações de ofícios, com suas regras e rituais específicos para cada 
profissão. 
c) à crescente insegurança que marcou o período medieval, razão pela qual se procurava viver em torno de 
fortificações. 
d) à baixa produção dos feudos, que dependiam de fornecedores externos para assegurar a sobrevivência de 
seus moradores. 
e) às lutas entre senhores feudais e senhores urbanos pelo controle da produção agrícola, principal fonte de 
impostos. 
 
GABARITO: 
1) Gab: E 
2) Gab: D 
3) Gab: 03 
4) Gab: D 
5) Gab: A 
6) Gab: B 
7) Gab: C 
8) Gab: B 
9) Gab: A 
10) Gab: D 
11) Gab: B 
12) Gab: A 
13) Gab: C 
14) Gab: C 
Gab15) : A 
16) Gab: E 
17) Gab: A 
18) Gab: C 
19) Gab: B 
20) Gab: A