A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Módulo 6 - aula 21 - Crustáceos

Pré-visualização | Página 1 de 2

Aula 21 - Crustáceos 
Link para as aulas: https://bit.ly/3b1ju2X 
 
1. (Enem 2019) Na piscicultura, costumam-se usar larvas 
de Artemia (crustáceo) para alimentar larvas de peixes. 
Ovos de Artemia são colocados em garrafas com água 
salgada e, sob condições ótimas de temperatura, luz e 
oxigênio, eles eclodem, liberando suas larvas, também 
conhecidas como náuplios. Para recolher os náuplios, 
coloca-se uma lâmpada branca fluorescente na boca da 
garrafa e estes começam a subir em direção ao gargalo. 
 
Esse comportamento das artêmias é chamado de 
a) geotropismo positivo. 
b) fototropismo positivo. 
c) hidrotropismo negativo. 
d) termotropismo negativo. 
e) quimiotropismo negativo. 
 
2. (UTFPR 2018) Assinale a alternativa correta. 
 
Uma pessoa que tenha alergia a crustáceos vai a um 
restaurante onde servem frutos do mar. 
 
Ela pode consumir apenas pratos com: 
a) mexilhões e lulas. 
b) lagostas e polvos. 
c) caranguejos e camarões. 
d) ostras e lagostas. 
e) caranguejos e polvos. 
 
3. (UCPEL 2017) Recentemente, a revista Zootaxa 
publicou o artigo “A new and endangered species of 
Kingsleya Ortmann”, 1897 (Crustacea: Decapoda: 
Brachyura: Pseudothelphusidae) from Ceará, 
northeastern Brazil. Pinheiro, A.P.; Santana, W. 2016. 
Zootaxa, Sep 28; 4171(2): 366-372, doi: 
10.11646/zootaxa.4171.2.9 
 
Essa nova espécie, dentre outras características, 
apresenta: 
a) cavidade celomática e blastóporo originando primeiro 
a boca. 
b) simetria radial e ureia como principal excreta 
nitrogenada. 
c) corpo revestido por manto e capacidade de realizar 
muda. 
d) respiração traqueal e sistema circulatório aberto. 
e) dois pares de antenas e quatro pares de pernas. 
 
 
 
 
4. (UPF 2015) São características gerais dos crustáceos: 
a) Corpo dividido em cabeça, tórax e abdome; ausência 
de antenas; sistema circulatório fechado; excreção por 
meio de túbulos de Malpighi. 
b) Corpo dividido em cefalotórax e abdome; ausência de 
antenas; sistema circulatório lacunar; excreção por meio 
de glândulas antenais. 
c) Corpo dividido em cefalotórax e abdome; dois pares de 
antenas; sistema circulatório do tipo aberto; excreção por 
meio de glândulas antenais. 
d) Corpo dividido em cefalotórax e prossomo; um par de 
quelíceras; sistema circulatório lacunar; excreção por 
meio de túbulos de Malpighi. 
e) Corpo dividido em cabeça, tórax e abdome; um par de 
antenas; sistema circulatório fechado; excreção por meio 
de glândulas coxais. 
 
5. (UFSM 2013) “Camarão” é o nome usado 
popularmente para designar muitos tipos de crustáceos 
aquáticos, como 
 
— camarão-cinza (nome científico: Litopennaeus 
vannamei); 
— camarão-branco (nome científico: Litopennaeus 
schmitti); 
— camarão-de-água-doce (nome científico: Cryphiops 
brasiliensis). 
 
Fonte: AMABIS, J. M.; MARTHO, G. R... Fundamentos da 
Biologia Moderna. Volume único. 4 ed. São Paulo: 
Moderna, 2006. p. 238. 
 
Com relação aos camarões exemplificados no texto, 
pode-se afirmar que 
 
I. estão classificados em dois Filos diferentes. 
II. são três espécies de um mesmo gênero. 
III. representam três espécies diferentes. 
 
Está(ão) correta(s) 
a) apenas I. 
b) apenas II. 
c) apenas II e III. 
d) apenas III. 
e) I, II e III. 
 
 
 
 
https://bit.ly/3b1ju2X
 
 
 
6. (UFRN 2013) Se compararmos o comportamento de 
animais na busca por alimento, podemos observar que 
uma anêmona (cnidário) apresenta um comportamento 
mais restrito do que o camarão (artrópode). O camarão, 
muitas vezes, adquire seu alimento realizando caça e luta. 
Essa diferença comportamental se deve ao fato de os 
artrópodes possuírem 
a) um sistema digestório bem maior, necessitando de 
uma maior quantidade de alimento, enquanto que o 
cnidário, por apresentar um sistema digestório simples, 
alimenta-se muito pouco. 
b) um sistema nervoso maior, tornando-se mais 
inteligente para efetuar comportamentos variados, 
enquanto que o sistema nervoso do cnidário é bem 
menor, o que o torna um animal séssil. 
c) um sistema digestório mais complexo, obrigando-o a 
uma busca mais seletiva de alimentos, enquanto que o 
cnidário possui apenas uma cavidade gastrovascular, 
permitindo-o se alimentar de qualquer coisa. 
d) um sistema nervoso mais complexo, permitindo uma 
maior variedade comportamental, enquanto que o 
cnidário possui um sistema nervoso difuso, que restringe 
seus comportamentos. 
 
7. (UEL 2009) Considerando um artrópode com 
cefalotórax e abdômen, de respiração branquial e com 
um tipo básico de apêndice birreme, é correto afirmar 
que este também possui: 
a) Dois pares de antenas. 
b) Um par de antenas. 
c) Excreção por túbulos de 'Malpighi'. 
d) Sistema circulatório fechado. 
e) Cérebro bipartite. 
 
8. (UEM 2015) Sobre os invertebrados, assinale a(s) 
alternativa(s) correta(s). 
01) A maioria dos cnidários apresenta metagênese, isto é, 
alternam-se gerações de pólipos assexuados e de 
medusas sexuadas. 
02) Os nematoides são animais triblásticos, 
pseudocelomados e com simetria bilateral. 
04) A distribuição dos nutrientes no corpo de um 
crustáceo é feita por difusão, pelo líquido do 
pseudoceloma. 
08) A eliminação das excreções do corpo de um anelídeo 
feita por células tubulares gigantes, que percorrem as 
laterais do corpo. 
16) Os moluscos são animais celomados, com corpo 
segmentado. 
 
 
 
 
 
9. (UFSC 2011) Leia atentamente o trecho da obra de João 
Cabral de Melo Neto. 
 
Vou dizer todas as coisas 
que desde já posso ver 
na vida desse menino 
acabado de nascer: 
aprenderá a engatinhar 
por aí, com aratus*, 
aprenderá a caminhar 
na lama, com goiamuns*, 
e a correr o ensinarão 
os anfíbios caranguejos, 
pelo que será anfíbio 
como a gente daqui mesmo. 
 
* aratus e goiamuns – espécies de caranguejos. 
 
MELO NETO, João Cabral de. Morte e Vida Severina. Rio de Janeiro: 
Objetiva, 2007. p. 127-128. 
 
Este trecho faz a previsão da vida futura de um menino 
que aprenderá a engatinhar e caminhar com aratus e 
goiamuns. Estes dois animais, assim como outras 
espécies de caranguejos, são representantes dos 
crustáceos. Assinale a(s) proposição(ões) correta(s). 
01) Os crustáceos pertencem a um filo que tem como 
principais características os apêndices articulados e a 
presença de um exoesqueleto. 
02) Entre os crustáceos, o número de patas e apêndices 
articulados é variável entre as diferentes espécies. 
04) No hábitat relacionado ao texto acima encontramos 
aratus e goiamuns, e também plantas com raízes 
respiratórias. 
08) Os crustáceos são animais que vivem exclusivamente 
em ambientes aquáticos, sejam marinhos ou de água 
doce. 
16) O exoesqueleto de alguns crustáceos pode ser 
impregnado de substâncias calcárias. 
32) O berçário dos goiamuns e aratus é rico em nutrientes 
trazidos pelos rios. 
64) Quando o autor fala dos anfíbios caranguejos quer 
dizer que anfíbios e caranguejos têm respiração branquial 
na fase larval da vida e pulmonar quando adultos. 
 
10. Caracterize um camarão quanto às divisões do corpo, 
número de antenas e de patas. 
 
 
 
 
Gabarito: 
 
Resposta da questão 1: [B] 
O movimento das larvas de Artemia (náuplios) denomina-
se fototropismo positivo, podendo ser chamado de 
fototaxia positiva, que indica o movimento (uma 
resposta) em direção à luz. 
 
Resposta da questão 2: [A] 
A pessoa pode comer o prato com mexilhões e lulas, pois 
ambos são moluscos. Os outros pratos apresentam 
crustáceos, como lagostas, caranguejo e camarões, 
exceto polvos, que são moluscos. 
 
Resposta da questão 3: [A] 
A nova espécie de crustáceo pertence ao Filo Arthropoda, 
portanto, são animais protostômios, possuem celoma 
(cavidade do corpo revestida pela mesoderme) e 
blastóporo que desenvolve a boca antes do ânus. 
 
Resposta da questão 4: [C] 
Os crustáceos apresentam o corpo subdividido em 
cefalotórax e abdome; possuem quatro antenas 
(tetráceros); sistema circulatório aberto (lacunar) e 
excretam por meio de glândulas antenais (verdes). 
 
Resposta da questão 5: [D] 
[I] FALSA: Os camarões