A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Av1 substituta Libras

Pré-visualização | Página 1 de 1

Av1 substituta Libras 
1)Texto Base:
Na escola de Gabriela, existem alunos surdos e ouvintes. Gabriela é surda e estuda em uma classe multisseriada com outros colegas surdos que fazem, assim como ela, uso da Libras. Os professores de Gabriela ministram a aula em língua de sinais e um deles, inclusive, também é surdo, o que colabora para que Gabriela e seus pares desenvolvam a Libras como sua primeira língua, bem como a cultura e a identidade surda.
Considerando esse contexto fictício e os diferentes modelos de educação para surdos, é possível afirmar que Gabriela frequenta:
Selecione uma alternativa:
a) Uma escola bilíngue para surdos
b) Uma classe bilíngue para surdos inserida em uma escola regular
c) Uma classe monolíngue para surdos
d) Uma sala de aula regular com a presença de intérprete de Libras
e) Uma sala de aula regular sem a presença de intérprete e o AEE no contraturno
2) Texto Base:
De acordo com Kumada, Pereira e Albanese (2015), os desafios encontrados pelo intérprete educacional são diversos e, por essa razão, é preferencial que esse profissional tenha formação pedagógica e/ou domínio na área em que atua. Ponderando o compromisso e as exigências dessa profissão, analise as afirmações abaixo e assinale V (Verdadeiro) ou F (Falso):
 
(  ) O intérprete educacional enfrenta a ausência da catalogação e divulgação de glossários específicos da Libras para traduzir termos de algumas disciplinas.
(   ) O intérprete educacional se depara com a missão de ensinar os conteúdos curriculares para o aluno surdo, além de interpretar a Libras para o português.
(   ) Uma das dificuldades do intérprete educacional é de não ser amparado por um código de ética específico para a Libras que oriente sua postura profissional.
(   ) É função do intérprete educacional traduzir e interpretar as atividades didático-pedagógicas e culturais viabilizando ao surdo o acesso aos conteúdos curriculares.
(   ) Cabe ao intérprete educacional, no exercício de suas competências, atuar em processos seletivos para cursos de instituições de ensino.
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
Selecione uma alternativa:
a) V - V - V - V - V.
b) F - F - V - V - V.
c) V - F - F - V - V
d) F - V - V - F - F
e) V - F - F - F - F
3) Texto Base:
De acordo com Silva e Bolognini (2015, p. 22-23) "O Português escrito é, além de língua oficial, também uma língua nacional. Pode-se dizer que a Libras também é uma língua nacional, pois circula no território  brasileiro, é praticada por cidadãos brasileiros, constitui o processo identitário de seus praticantes como sendo brasileiros, além de ser reconhecida legalmente."
Fonte: SILVA, I.R.; BOLOGNINI, C.Z. Reflexões sobre o ensino de português escrito para surdos. In: BOLOGNINI, C.Z.; SILVA, I.R. (Orgs.). Sentidos no silêncio: práticas de língua(gem) com alunos surdos. Campinas: Mercado de Letras, 2015.
Em consonância com documentos legais, tais como o Plano Nacional de Educação e o Decreto 5.626/05 e com o exposto por Silva e Bolognini (2015), para garantia da educação bilíngue ao surdos:
Selecione uma alternativa:
a) A Libras e o português escrito devem ser ensinados como primeira língua dos surdos
b) A Libras deve ser ensinada como primeira língua dos surdos e o português escrito como língua estrangeira
c) A Libras deve ser ensinada como segunda língua dos surdos e o português escrito como primeira língua
d) A Libras e o português oral e escrito devem ser ensinados como segunda língua dos surdos
e) A Libras deve ser ensinada como primeira língua dos surdos, o português escrito como segunda língua
4)Texto Base:
O Decreto 5.626/05 determina a formação necessária ao docente de Libras para atuar em diferentes segmentos da educação. De acordo com esse decreto e com outro documentos legais da educação, analise os itens a seguir:
 
I. Educação não formal.
II. Educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental.
III. Anos finais do ensino fundamental, ensino médio e educação superior.
 
1. Graduação de licenciatura em Letras com habilitação em Libras ou Libras/Língua Portuguesa.
2. Magistério, curso normal ou pedagogia no qual a Libras e a língua portuguesa tenham constituído línguas de instrução.
3. Formação de nível médio com cursos de educação profissional ou de formação continuada para instrutores de Libras, ofertados por instituições de ensino superior ou credenciadas por secretarias de educação.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta da associação:
Selecione uma alternativa:
a)1-I; 2-II; 3-III
b)1-III; 2-II; 3-I
c)1-II; 2-III; 3-I
d)1-III; 2-I; 3-II
e)1-I; 2-III; 3-II 
5)Texto Base:
Em seu capítulo III "Da formação do professor e do instrutor de Libras", o Decreto 5.626/05 determina que as pessoas surdas terão prioridade nos cursos de formação para docência da Libras. Mas, antes da publicação do decreto, em 1997, a linguista Ronice Muller Quadros, filha de surdos e pesquisadora da área dos estudos linguísticos voltados para a Libras, já defendia a importância do docente de Libras ser surdo (QUADROS, 1997).
Qual era o argumento da referida autora?
Selecione uma alternativa:
a) A presença do surdo no ambiente escolar colabora para construção da identidade surda, o acesso à cultura surda e língua de sinais de forma natural
b) Por serem falantes de Libras como primeira língua, mesmo sem a formação, surdos são naturalmente melhores docentes que os ouvintes
c) Como medida assistencialista, pois promovendo formação dos surdos eles seriam empregados e se tornariam economicamente ativos na sociedade
d) Os ouvintes sempre reproduzem práticas oralistas e os surdos práticas bilíngues que valorizam a Libras, portanto, é necessário barrar ouvintes como docentes de Libras
e) Tendo em vista que pessoas com deficiência sempre devem ter atendimento prioritário, o mesmo deve ser estendido para o acesso à formação ou emprego
RESPOSTAS: 1)B 2) C 3)E 4)B 5)A