A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Violência contra a mulher - folder

Pré-visualização | Página 1 de 1

VIOLÊNCIA CONTRA A
MULHER É CRIME!
DENUNCIE. LIGUE 180
Sara Abreu e Veronica Ricardo
. A violência contra a mulher é
caracterizada por qualquer ação,
com base no gênero, que
ocasione danos físicos, materiais,
sexuais, psicológicos ou até
mesmo morte à mulher.
 
O que é a violência contra
a mulher? 
Tipos de violência
. Violência física: É a ação
praticada pelo agressor que
oferece risco a saúde do corpo
da mulher e a sua integridade
física. Essa violência se
caracteriza pelo uso da força
física e pode acabar machucando
a vítima de diversas maneiras.
. Violência moral: Acontece
quando as mulheres são
caluniadas, difamadas ou sofrem
injúria, por meio da propagação
de mentiras humilhantes ou
publicação de fotos eróticas da
mulher na internet.
. Violência psicológica:
Conduta que causa prejuízo
emocional à mulher, definida
pela diminuição da autoestima
da vítima. Nesse tipo de
violência, é comum que a
mulher seja proibida de sair,
estudar, trabalhar e de ter
relações sociais com outros
indivíduos.
. Violência sexual: Qualquer
atitude que obrigue a mulher a
manter ou participar de uma
relação sexual não desejada,
por meio de ameaça, coação
ou uso da força. Além disso, a
impeça de utilizar métodos
contraceptivos ou a force a
abortos.
Violência contra a mulher
como um problema de
saúde pública
. É comum que mulheres em
situação de violência busquem os
serviços de saúde por agravos à
saúde mental ou física, mas os
profissionais de saúde têm
dificuldade em identificar casos
suspeitos e estes acabam não
sendo investigados.
Como denunciar?
. Qualquer tipo de violência
contra a mulher é prejudicial a
saúde mental e integridade da
vítima, logo, a mulher que sofre
violência deve buscar ajuda e
denunciar o crime sofrido. Faz-se 
necessário a solicitação de
medidas protetivas aos órgãos
especializados - Ministério
Público, a Defensoria Pública
e as Delegacias da Mulher
(DEAM).