A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
20 pág.
Aula 4 - Recrutamento e Seleção

Pré-visualização | Página 4 de 4

a seus empregados na disputa pelas oportunidades 
existentes. Não havendo candidatos à altura, parte para o recrutamento externo.  
3- Recrutamento externo e recrutamento interno, concomitantemente. É o caso em que a empresa está 
mais preocupada com o preenchimento da vaga existente, seja por meio de input ou através da 
transformação de recursos humanos; geralmente, uma boa política de pessoal dá preferência aos 
candidatos internos sobre os externos, em caso de igualdade de condições entre eles. Com isto, a empresa 
assegura-se de que não está desqualificando seus recursos humanos, ao mesmo tempo em que cria 
condições de sadia competição profissional. 
COLOCAÇÃO
Não inclui a categoria de rejeição – não há reprovação. Há um cargo vago para um único candidato 
apresentado. O candidato apresentado deve ser admitido sem sofrer reprovação alguma. Para o cargo 
também ocorre um único candidato, que é aprovado.  01 vaga - 01 candidato Ocorre quando o solicitante 
indica um candidato que possui todas as qualidades necessárias para o cargo vago. O cargo está vago em 
função desse profissional que seria admitido para ocupá-lo. Mesmo assim, deve ser observado e 
acompanhado todo o processo para que não haja inclusão indevida do candidato no cargo, mantendo-se 
uma análise bem profissional. Este modelo não deve ser visto como uma ação de protecionismo, uma vez 
que dentro do próprio conceito de seleção há o homem certo para o lugar certo. Não é, portanto, o modelo 
mais adequado, mas pelo lado operacional é o mais econômico, tanto em relação ao tempo e custo do 
processo, quanto no que se refere à satisfação do solicitante.
SELEÇÃO
Uma vaga para determinado cargo. Vários candidatos. Cada candidato é comparado com os requisitos 
exigidos pelo cargo que pretende preencher, ocorrendo aprovação ou rejeição.  O modelo baseia-se na 
hipótese de que as necessidades principais a serem satisfeitas pertencem à empresa, sendo que o perfil do 
cargo já está definido. 01 vaga - vários candidatos Ocorre esta situação em um mercado de trabalho em 
que a oferta de empregos – vagas - é menor que a procura – candidatos. No modelo de seleção o cargo 
está ajustado, apenas aguardando o ocupante, que não pode ajustar o cargo às suas expectativas e 
necessidades.
CLASSIFICAÇÃO 
Vários candidatos para vários cargos. Cada candidato é comparado com os requisitos exigidos pelo cargo 
que se pretende preencher. Podendo o candidato ser aprovado ou rejeitado para determinado cargo e 
aceito para outro. Várias Vagas - Vários Candidatos   Esse modelo procura utilizar os talentos de todos os 
membros da sociedade, canalizar as pessoas para aquelas posições disponíveis na empresa e satisfazer 
plenamente suas aptidões. O modelo de classificação de pessoal apresenta grandes vantagens sobre o 
modelo de seleção, principalmente no que se refere à proporção de candidatos aproveitados no processo. 
 É utilizado com frequência quando uma empresa pretende abrir uma nova filial ou linha de produção, tendo 
diversos cargos em aberto, onde o candidato pode não preencher o perfil de um cargo, mas pode preencher 
o de outro. Dois requisitos fundamentais colocam-se na base de qualquer programa de classificação bem 
sucedido: 
• a existência de testes capazes de proporcionar informações diferencialmente relacionadas aos vários 
tratamentos;
 • a existência de modelos matemáticos que permitam ganho máximo nas decisões ou, simplesmente, 
padrões quantitativos de resultados

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.