A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Cefaleias

Pré-visualização | Página 1 de 1

Cefaleias 
Bruna Luísa Palhares Gomes 
Cefaleia Primaria X Secundaria 
Secundaria= Algo esta causando a cefaleia 
Causas mais comuns das SECUNDARIAS: 
 Hemorragia subaracnóidea = pior dor da vida, rigidez de nuca 
 Arterite temporal/ Celulas gigantes= Idosa que cansa de mastigar tto: corticoides 
complicação: amaurose por arterire de A. oftálmica 
 Trombose de seio= acne/aco 
 Glaucoma Agudo = haluz e midríase 
 Neoplsia Intracraniana dor progressiva 
 Feocromocitoma taquicardia, HAS, flushing 
 Dissecção carotídea – ciclista lutador de jiu jitsu , dor em pescoço e síndrome de 
hoerner 
 Encefalite alterações nmda 
 Meningite crises convulsivas, febre, alterações do nível de consciência 
 SNOOP- Alterações sistêmicas ( febre/anemia/câncer), Condições NEUROLOGICAS ( 
sinal focal etc), ONSET surgimento abrupto, diferente do comum, OUTRAS 
CONDIÇÕES, PRIOR se mudou o padrão do paciente 
Quais são os sinais de alarme na cefaleia que indicam a necessidade de exame 
complementar? 
Sinal neurológico focal, início > 50-55 anos, súbita, progressiva, edema de 
papila, queda ou traumatismo cranioencefálico recente 
PRIMARIAS 
Enxaqueca: 
 Unilateral 
 Dor moderada a forte 
 Pulsatil 
 Foto/Fonofobia 
 Nauseas/Vomitos 
 ( criança pode ter dor abd) 
Tratameto: Crise: Leve: AINE/Dipirona 
Moderada a grave: Triptano/Antiemetico/Antipsicotico 
Profilaticos: Triciclicos/Betabloqueadores/BCC flunarizina/ Anticonvulsivantes/ 
Cefaleia tensional 
 Holocraniana 
 Dor leve a moderada 
 Foto ou fonofobia 
 Aperto 
Tratamento: mesmo 
Cefaleia em Salvas 
Hemicraniana e unilateralm 
Sinal trigêmioautonomico – miose, ptose e rinorreia 
Agitação psicomotora - Homem jovem 
Muito forte e pulsátil de 15 a 180m 
Tratamento : O2 15L/m e triptanos 
Profilatico: Verapamil/ topiramato 
Hemicrania paroxística 
Unilateral e forte 
Prevalencia de sexos igual 
Sinal trigemioautonomicos 
2 a 30m 
Responde a indometacina 
Neuralgia do Trigemio 
Dor em pontada/choque e muito forte 
Prevalencia aumenta conforme idade 
Surge após estímulos indolores como por exemplo mastigar: 
Tratamento: carbamazepina ou cirurgia 
 
Pseudoturmo Cerebri 
Mulher jovem e obesa 
Perda de campo visual 
Papiledema bilateral 
Pressão de abertura a coleta de LCR alta 
Tratamento: Acetazolamida //Topiramato//derivações cirúrgicas.