A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
AVALIANDO APRENDIZADO - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO

Pré-visualização | Página 1 de 1

1 
 Questão 
Acerto: 0,1 / 0,1 
 
 
Analise as afirmativas abaixo e em seguida marque a alternativa correta: 
I - Coercibilidade é a característica da norma segundo a qual seu descumprimento 
possibilita a utilização da força. 
II - A jurisprudência e a doutrina são as principais fontes do Direito no Sistema Jurídico 
Brasileiro. 
III - Somente as decisões dos Tribunais Superiores, ou seja, STF (Supremo Tribunal 
Federal), STJ (Superior Tribunal de Justiça), TST (Tribunal Superior do Trabalho), TSE 
(Tribunal Superior Eleitoral), etc. transitam em julgado ou fazem coisa julgada. 
IV - O Direito Processual Civil é ramo do Direito Público Interno. 
Marque a alternativa correta: 
 
 Todas estão incorretas. 
 Somente a alternativa III está correta. 
 Todas estão corretas. 
 Somente a alternativa IV está correta. 
 As afirmativas I e IV estão corretas. 
Respondido em 11/06/2021 15:49:01 
 
 
Compare com a sua resposta: Trata-se de matéria relativa ao Direito Penal. Pode ser 
enquadrada de Direito Público, tendo em vista que o Estado é o titular da ação penal, 
cabendo a ele o o direito de perseguir e punir o acusado. O Estado, representado pelo 
Ministério Público, visa os interesses da coletividade. 
 
 
2 
 Questão 
Acerto: 0,0 / 0,1 
 
 
O funcionário público estadual, a cada 5 anos trabalhados, obtém 3 meses de licença 
prêmio. José é servidor há 4 anos e 6 meses. Supondo que lei nova revoga 
expressamente o artigo do Estatuto do Servidor Público Civil, que concedia tal benefício, 
este fato para José pode prejudica-lo, se enquadraria como 
 
 
Ato inexistente 
 Direito adquirido 
 
Ato jurídico perfeito 
 
Coisa julgada 
 Expectativa de direito 
Respondido em 11/06/2021 15:50:23 
 
 
Compare com a sua resposta: SUGESTAO DE GABARITO - . Fazendo uma interpretação 
gramatical ou literal da norma, a resposta seria: não tem direito. Mas, para uma 
aplicação justa, deveria ser feita uma interpretação teleológica da norma, já que a Lei nº 
8.009/90 destina-se a proteger a pessoa, independentemente de ser casada, viúva, 
desquitada ou divorciada, pois o sentido social da norma busca garantir a moradia aos 
indivíduos que vivem no seio de uma entidade familiar bem como à pessoa que reside só. 
 
 
3 
 Questão 
Acerto: 0,1 / 0,1 
 
 
De acordo com os critérios que determinam a vigência territorial ou extraterritorial de 
certa norma, é CORRETO afirmar que: 
 
 
No caso de a sucessão incidir sobre bens de estrangeiros situados no Brasil, 
aplicar-se-á a lei brasileira, em qualquer hipótese. 
 Aplica-se a lei do lugar da situação dos imóveis para qualificá-los e reger as 
relações que lhe forem pertinentes. 
 
Quando a obrigação resultar de contrato reputa-se constituída no lugar em que 
residir os bisavôs do proponente, independentemente de residirem justos ou 
separados. 
 
Aplica-se a lei do domicílio da pessoa para qualificação e regimento das relações 
pertinente aos bens imóveis. 
 
Aplica-se a lei do réu nas questões sobre o começo e o fim da personalidade, o 
nome, a capacidade e os direitos de família. 
Respondido em 11/06/2021 16:08:03 
 
 
Compare com a sua resposta: A moral enquanto instrumento de controle social tem sua 
origem no seio da sociedade, que de tempos em tempos muda seu comportamento, 
fazendo com que as normas dali extraídas sejam modificadas. O Direito por sua vez faz 
movimento semelhante, porém não na mesma velocidade. Algumas modificações do 
ponto de vista moral demoram a ser refletidas pelo Direito, como no caso do 
reconhecimento das novas entidades familiares. 
 
 
4 
 Questão 
Acerto: 0,0 / 0,1 
 
 
No que se refere às normas jurídicas, assinale a opção correta: 
 
 A norma jurídica nunca é fruto de uma imposição social, mas sempre de uma 
imposição interna de cada pessoa. 
 
A norma é abstrata porque sempre se dirige a um caso concreto específico. 
 
A norma é imperativa porque cabe ao indivíduo a faculdade de cumprir ou não a 
vontade do legislador. 
 
A norma tem coercibilidade porque atinge todos os fatos da vida, atribuindo 
direitos e deveres às partes envolvidas. 
 
 
A norma é heterônoma porque aquilo que juridicamente somos obrigados a 
cumprir é posto por um terceiro, o Estado. 
 
 
Respondido em 11/06/2021 15:46:01 
 
 
Compare com a sua resposta: O normativismo jurídico kelseniano consiste basicamente 
na defesa da construção de parâmetros metodológicos próprios para a Ciência do Direito, 
expressos na denominada Teoria pura do Direito, que não fossem uma mera importação 
das Ciências Sociais e Humanas do século XIX, tão pouco a reprodução dos paradigmas 
teóricos próprios das Ciências Naturais e Exatas. 
 
 
5 
 Questão 
Acerto: 0,1 / 0,1 
 
 
O direito nasce do fato social. Diante da afirmação, e com base na sistemática jurídica 
vigente, é correto afirmar: 
 
 São os contínuos processos de desenvolvimento social que desencadeiam os novos 
direitos. 
 
Os fatos nascem a partir do direito. 
 
O direito deve se conformar aos fatos ocorrentes na sociedade; 
 
O direito não deve se atualizar na mesma velocidade que a sociedade, sob pena de 
ocorrer um "engessamento" da vida em grupo; 
 
Diante do fato só resta ao direito proibi-lo, negá-lo; 
Respondido em 11/06/2021 16:11:01 
 
 
Compare com a sua resposta: Direito comparado é um método de estudo, pesquisa, 
fundamentado em estudos elaborados em diversos sistemas legais, geralmente 
levando-se em consideração ordenamentos jurídicos de outros países. É possível a sua 
utilização em nosso ordenamento jurídico, desde que existam lacunas na lei e que os 
fundamentos da pesquisa não firam nosso direito pátrio.