A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
atividade 3 uc6 questionario perguntas e respostas

Pré-visualização | Página 1 de 2

· Pergunta 1
10 em 10 pontos
	
	
	
	O LTCAT é de responsabilidade do engenheiro de segurança do trabalho. O técnico em segurança do trabalho pode utilizar os dados da medição do LTCAT na elaboração do PGR. Como o LTCAT é um documento acumulativo, sempre que houver alguma mudança na função do trabalhador, o documento deve ser atualizado de acordo com os novos riscos de exposição. Isso significa que, no LTCAT mais atual, devem estar os riscos de todas as funções exercidas pelo trabalhador. Com relação ao LTCAT, assinale a alternativa correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	c. 
Os LTCATs anteriores à Portaria n.º 211 devem constar nos formatos físico e digital dentro das empresas, sendo obrigatória a digitalização de tais arquivos.
	Respostas:
	a. 
A digitalização do LTCAT é facultativa.
	
	b. 
O LTCAT deve estar presente na empresa somente no formato físico.
	
	c. 
Os LTCATs anteriores à Portaria n.º 211 devem constar nos formatos físico e digital dentro das empresas, sendo obrigatória a digitalização de tais arquivos.
	
	d. 
O LTCAT não deve ser arquivado.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! O LTCAT deve constar na empresa tanto no formato físico quanto no formato digital, quando anterior a 2021.
	
	
	
· Larissa gomes da silva 
10 em 10 pontos
	
	
	
	O empregador deve garantir a preservação de todos os documentos nato digitais ou digitalizados por meio de procedimentos e tecnologias que permitam verificar, a qualquer tempo, a validade jurídica dos arquivos em todo o território nacional. Quais são as garantias, conforme NR-1, permanentemente necessárias para os documentos que serão digitalizados?
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
Autenticidade, integridade, disponibilidade, rastreabilidade, irretratabilidade, privacidade e interoperabilidade.
	Respostas:
	a. 
Autenticidade, integridade, disponibilidade, rastreabilidade, irretratabilidade, privacidade e interoperabilidade.
	
	b. 
Autenticidade, integridade, disponibilidade, realidade, irretratabilidade, privacidade e interoperabilidade.
	
	c. 
Autenticidade, integridade, realidade, rastreabilidade, irretratabilidade, privacidade e interoperabilidade.
	
	d. 
Autenticidade, integridade, disponibilidade, rastreabilidade, irretratabilidade, publicidade e interoperabilidade.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! Autenticidade, integridade, disponibilidade, rastreabilidade, irretratabilidade, privacidade e interoperabilidade são as garantias necessárias a partir de 2011, segundo a NR-1.
	
	
	
· Pergunta 3
10 em 10 pontos
	
	
	
	Assinale a alternativa correta com relação ao PGR.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
Uma avaliação geral de riscos do PGR deve ocorrer a cada dois anos. Empresas com sistemas de gestão de SST certificados (por exemplo: ISO 45001) podem realizar tal avaliação a cada três anos. Esses prazos são apenas um limite. Sempre que for necessário ou conforme o planejamento, a empresa deve realizar avaliações dos seus riscos.
	Respostas:
	a. 
O PGR é o programa que substituirá o PPRA a partir de 2021 e deverá ficar armazenado por 30 anos dentro da empresa.
	
	b. 
Com o PGR, as empresas não precisarão mais do PPRA e poderão descartar documentos desnecessários, substituindo-os pelo PGR.
	
	c. 
Evidentemente, o PGR não deve ser construído dentro do princípio da melhoria contínua se determinada empresa não tiver uma gestão de seus riscos ou não atender a itens normativos aplicáveis.
	
	d. 
Uma avaliação geral de riscos do PGR deve ocorrer a cada dois anos. Empresas com sistemas de gestão de SST certificados (por exemplo: ISO 45001) podem realizar tal avaliação a cada três anos. Esses prazos são apenas um limite. Sempre que for necessário ou conforme o planejamento, a empresa deve realizar avaliações dos seus riscos.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! Empresas com certificação ISO 45001 terão prazos maiores para avaliação geral do PGR. Porém, as análises de riscos devem ser realizadas antes do surgimento de novas atividades de riscos.
	
	
	
· Pergunta 4
10 em 10 pontos
	
	
	
	O PPRA será substituído pelo PGR a partir de 2021. Com relação ao PPRA, o arquivamento dele tem um prazo de 20 anos. Sendo assim, assinale a alternativa correta com relação ao arquivamento do PPRA.
 
 
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	O PPRA será substituído pelo PGR, devendo os PPRAs anteriores permanecer arquivados nas formas física e digital, segundo os prazos estipulados na Portaria n.º 211.
	Respostas:
	O PPRA será substituído pelo Programa de Controle Auditivo (PCA), e os PPRAs dos anos anteriores não precisarão ser arquivados, podendo ainda ser descartados pelos empregadores.
	
	O PPRA deve ser substituído pelo PGR, e os PPRAs anteriores a 2021 devem ser arquivados na forma física pelas empresas, não havendo necessidade de digitalização.
	
	O PPRA será substituído pelo PGR, devendo os PPRAs anteriores permanecer arquivados nas formas física e digital, segundo os prazos estipulados na Portaria n.º 211.
	
	O PPRA não será substituído pelo PGR. Por ser um documento complementar, o PPRA deve ser arquivado com o PGR no formato digital.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! De acordo com a nova NR-1, o PPRA será substituído pelo PGR. A Portaria n.º 211 estabeleceu os prazos para digitalização dos PPRAs. Também estabeleceu que os PPRAs devem permanecer arquivados na forma física dentro das empresas e disponíveis para fiscalização do Ministério da Economia.
	
	
	
· Pergunta 5
10 em 10 pontos
	
	
	
	A folha de votação de eleição da CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) é um documento que comprova o resultado da eleição realizada, além de relacionar os eleitos, os titulares, os suplentes e também os não eleitos. Por quanto tempo tal documento deve ser guardado?
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
Cinco anos.
	Respostas:
	a. 
Cinco anos.
	
	b. 
Um ano.
	
	c. 
Dois anos.
	
	d. 
Vinte anos.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! O item 5.5.4 da Portaria n.º 3.214/1978 determina que a folha de votação de eleição da CIPA deve ser arquivada por cinco anos.
	
	
	
· Pergunta 6
10 em 10 pontos
	
	
	
	O LTCAT deve ser guardado por quanto tempo?
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
Vinte anos no mínimo.
	Respostas:
	a. 
Cinco anos.
	
	b. 
Um ano.
	
	c. 
Dois anos.
	
	d. 
Vinte anos no mínimo.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! O parágrafo 3.º do artigo 58 da Lei n.º 8.213/1991 menciona que a empresa que não mantiver laudo técnico atualizado com referência aos agentes nocivos existentes no ambiente de trabalho de seus trabalhadores ou que emitir documento de comprovação de efetiva exposição em desacordo com o respectivo laudo estará sujeita à penalidade. Como ações de previdência podem ser requeridas por mais de 20 anos, convém guardar o LTCAT por no mínimo 20 anos.
	
	
	
· Pergunta 7
10 em 10 pontos
	
	
	
	Que programa é uma ferramenta para o gerenciamento das exposições ocupacionais aos agentes químicos que possam ingressar pela via respiratória?
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
PPR.
	Respostas:
	a. 
PGR.
	
	b. 
PCMSO.
	
	c. 
PCA.
	
	d. 
PPR.
	Comentários da Resposta:
	Parabéns! O PPR é o programa que deve ser desenvolvido sempre que houver possibilidade de penetração de agentes pela via respiratória.
	
	
	
· Pergunta 8
10 em 10 pontos
	
	
	
	A NR-1 estabelece a necessidade de um amplo gerenciamento de riscos e define que ele constitua um PGR a ser elaborado por estabelecimento. Com relação ao PGR e à sua gestão, assinale a alternativa incorreta.
 
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	O PGR será um documento importante, pois substituirá o PPRA, o PCA e o PPR (Programa de Proteção Respiratória). Ademais, o PGR deverá ser armazenado nas empresas por um prazo de 20 anos.  
	Respostas:
	O programa contempla agentes biológicos, ergonômicos, físicos, químicos e de acidentes, preparação para emergências e análise de acidentes e doenças ocupacionais e deve ser armazenado no prazo mínimo de 20 anos para que o técnico em segurança do trabalho sempre possa consultá-lo dentro da