A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Introdução à patologia geral e técnicas de necropsia

Pré-visualização | Página 1 de 1

Patologia 
Patologista: profissional capaz de diagnosticar morfologia, etiologia e prognóstico; 
A saúde pode ter duas variações, a doença e a normalidade, sendo a última incapaz de interferir na função do local 
acometido, podendo conviver com ela. 
Métodos de estudo 
Morfológicos ou Anatomopatológicos (citopatologia, histopatológico, necropsia); Cultura celular; Biologia molecular; 
Imuno-histoquimica) 
Terminologia específica 
❑ Diagnóstico Morfológico - órgão + sufixo 
Ite (inflamação): conjuntivite; pancreatitite; duodenite; 
Ose (desgaste): artrose; 
Oma (crescimento): hematoma; 
❑ Diagnóstico Etiológico - Diagnóstico morfológico + causa 
Conjuntivite bacteriana ou Conjuntivite por Chlamydophila felis 
• Causa + sufixo OSE : Clamidiose 
Causa: etiologia | Como: patogenia | O que esperar: prognóstico 
 Necropsia 
Autopsia (medicina legal) X Necropsia ; 
Existem duas técnicas, a convencional (apenas para estudo) e a cosmética (o tutor quer o animal de volta- precisa 
ficar esteticamente bom); 
Exame post mortem (pós morte): é realizado um exame cuidadoso, externo e interno de todos os órgãos; depende da 
coleta adequada dos fragmentos. 
Necropsia serve para: confirmar diagnóstico; mortes em rebanhos ou lotes (tratamento dos animais restantes do 
grupo)- evitar que a doença que causou a morte se alastre pelo rebanho ; médico legal - investigação; 
IMPORTANTE: sempre adicionar o histórico do paciente contendo espécie, raça, sexo, idade, histórico genético, 
história pregressa do animal, doença atual, exame físico (clinico) e laboratoriais.