A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Prova UFRJ 2014 - Correção Comentada

Pré-visualização | Página 1 de 2

A
 paroxítona terminada em ditongo (história)
terminada em -ã(s), ditongo aberto ou hiato
Qualquer outra terminação, exceto: -a(s), -e(s), -o(s), -em(ens)
1.
2.C
invisível/fácil -> paroxítonas
Acentuação de paroxítonas: 
3. B
4. D
já que-> explicativo
5.D
6.C
7.D
8.C
9.D
 Antítese - quando se utiliza duas palavras ou ideias com significados opostos
PORTUGUÊS
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
9.D
Antítese - quando se utiliza duas palavras ou ideias com significados opostos.
Exemplo: Quem ama o feio, bonito lhe parece.
Comparação - quando são usados conectivos de comparação.
Exemplo: Seus olhos são como jabuticabas.
Eufemismo - quando de utiliza expressões para atenuar uma ideia tida como agressiva ou
desagradável
Exemplo: Estava muito doente e bateu as botas.
Sinestesia - quando se constrói uma expressão que mistura duas sensações diferentes entre aquelas
percebidas pelos órgãos sensoriais.
Exemplo: Tinha olhos bem pretos, quentes e doces.
Hipérbole - quando há exagero intencional na expressão.
Exemplo: Estava com tanta fome que podia comer um boi inteiro.
10. E
PORTUGUÊS
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
11. D 
Lei 8112/1990 - Capítulo II Das Proibições
Artigo 117 Ao servidor é proibido:
a) I- ausentar-se do serviço durante o expediente, sem prévia autorização do chefe imediato
b) XI- atuar, como procurador ou intermediário, junto a repartições públicas, salvo quando se tratar de
benefícios previdenciários ou assistenciais de parentes até o segundo grau, e de cônjuge ou
companheiro
c) VIII - manter sob sua chefia imediata, em cargo ou função de confiança, cônjuge, companheiro ou
parente até o segundo grau civil
e) VII - coagir ou aliciar subordinados no sentido de filiarem-se a associação profissional ou
sindical, ou a partido político
12. D
 Art. 132. A demissão será aplicada nos seguintes casos:
a) IV - improbidade administrativa
b) VII - ofensa física, em serviço, a servidor ou a particular, salvo em legítima defesa própria ou de
outrem
c) II - abandono de cargo
 Art. 138. Configura abandono de cargo a ausência intencional do servidor ao serviço por mais de
trinta dias consecutivos.
d) XII - acumulação ilegal de cargos, empregos ou funções públicas
e) III - inassiduidade habitual
 Art. 139. Entende-se por inassiduidade habitual a falta ao serviço, sem causa justificada, por
sessenta dias, interpoladamente, durante o período de doze meses
REGIME JURÍDICO ÚNICO
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
13. B 
a) Constituição Federal - Art. 41. São estáveis após três anos de efetivo exercício os servidores
nomeados para cargo de provimento efetivo em virtude de concurso público.
b) Lei 8112 - Art. 13
 § 5 o No ato da posse, o servidor apresentará declaração de bens e valores que constituem seu
patrimônio e declaração quanto ao exercício ou não de outro cargo, emprego ou função pública
c) está correto, mas não não tem nada a ver com transparência/verdade/cidadania
d) Lei 8112 - Art.13
 § 3 o A posse poderá dar-se mediante procuração específica.
e) Lei 8112- Art. 10. A nomeação para cargo de carreira ou cargo isolado de provimento efetivo
depende de prévia habilitação em concurso público de provas ou de provas e títulos, obedecidos a
ordem de classificação e o prazo de sua validade.
14. Título VI - Da Seguridade Social do Servidor
Capítulo I - Disposições Gerais
a) Art. 185. Os benefícios do Plano de Seguridade Social do servidor compreendem:
 I - quanto ao servidor:
 a) aposentadoria;
b)Art. 183 § 1 o O servidor ocupante de cargo em comissão que não seja, simultaneamente,
ocupante de cargo ou emprego efetivo na administração pública direta, autárquica e fundacional não
terá direito aos benefícios do Plano de Seguridade Social, com exceção da assistência à saúde. 
c) Art. 184. O Plano de Seguridade Social visa a dar cobertura aos riscos a que estão sujeitos o
servidor e sua família, e compreende um conjunto de benefícios e ações que atendam às seguintes
finalidades:
 II - proteção à maternidade, à adoção e à paternidade;
d) Art. 226. O auxílio-funeral é devido à família do servidor falecido na atividade ou aposentado,
em valor equivalente a um mês da remuneração ou provento.
e) Art. 185 § 1 o As aposentadorias e pensões serão concedidas e mantidas pelos órgãos ou
entidades aos quais se encontram vinculados os servidores, observado o disposto nos arts. 189 e
224.
REGIME JURÍDICO ÚNICO
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
15. A 
 Art. 8 o São formas de provimento de cargo público:
 I - nomeação;
 II - promoção;
 V - readaptação;
 VI - reversão;
 VII - aproveitamento;
 VIII - reintegração;
 IX - recondução.
16. B 
a) Lei 8112 - Art. 20 § 2 o O servidor não aprovado no estágio probatório será exonerado ou, se
estável, reconduzido ao cargo anteriormente ocupado, observado o disposto no parágrafo único do
art. 29.
b) Lei 8112 - Art. 20 § 5 o O estágio probatório ficará suspenso durante as licenças e os
afastamentos previstos nos arts. 83, 84, § 1 o , 86 e 96, bem assim na hipótese de participação em
curso de formação, e será retomado a partir do término do impedimento.
c) Lei 8112 - Art. 20 § 3º Extinto o cargo ou declarada a sua desnecessidade, o servidor estável
ficará em disponibilidade, com remuneração proporcional ao tempo de serviço, até seu adequado
aproveitamento em outro cargo. 
d) Lei 8112 - Art. 22. O servidor estável só perderá o cargo em virtude de sentença judicial transitada
em julgado ou de processo administrativo disciplinar no qual lhe seja assegurada ampla defesa.
e) Constituição Federal - Art. 41. São estáveis após três anos de efetivo exercício os servidores
nomeados para cargo de provimento efetivo em virtude de concurso público. 
REGIME JURÍDICO ÚNICO
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
17. A
Vencimento x Remuneração
 Art. 40. Vencimento é a retribuição pecuniária pelo exercício de cargo público, com valor fixado em
lei.
 Art. 41. Remuneração é o vencimento do cargo efetivo, acrescido das vantagens pecuniárias
permanentes estabelecidas em lei.
a) Art. 44. O servidor perderá:
 II - a parcela de remuneração diária, proporcional aos atrasos, ausências justificadas, ressalvadas
as concessões de que trata o art. 97, e saídas antecipadas, salvo na hipótese de compensação de
horário, até o mês subseqüente ao da ocorrência, a ser estabelecida pela chefia imediata. 
b)
c) § 4 o É assegurada a isonomia de vencimentos para cargos de atribuições iguais ou
assemelhadas do mesmo Poder, ou entre servidores dos três Poderes, ressalvadas as vantagens de
caráter individual e as relativas à natureza ou ao local de trabalho.
d) Art. 45. Salvo por imposição legal, ou mandado judicial, nenhum desconto incidirá sobre a
remuneração ou provento. 
e) § 1 o Mediante autorização do servidor, poderá haver consignação em folha de pagamento em
favor de terceiros, a critério da administração e com reposição de custos, na forma definida em
regulamento. 
REGIME JURÍDICO ÚNICO
PROVA UFRJ 2014 
 CORREÇÃO
COMENTADA
Carol Mattos
IG: @carolfm.mattos
18. C
19.B
a) X
b) Art. 128. Na aplicação das penalidades serão consideradas a natureza e a gravidade da
infração cometida, os danos que dela provierem para o serviço público, as circunstâncias agravantes
ou atenuantes e os antecedentes funcionais.
c) Art. 130 § 1 o Será punido com suspensão de até 15 (quinze) dias o servidor que,
injustificadamente, recusar-se a ser submetido a inspeção médica determinada pela autoridade
competente, cessando os efeitos da penalidade uma vez cumprida a determinação. 
d) Art. 130 § 2 o Quando houver conveniência para o serviço, a penalidade de suspensão poderá
ser convertida em multa, na base de 50% (cinqüenta por cento) por dia de vencimento ou
remuneração,