A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Questões - doencas infecciosas

Pré-visualização | Página 1 de 1

Crislayne Rabelo de Lira
Questão 01 - A candidíase é causada por leveduras (fungos unicelulares) do gênero Candida ssp., que pode causar a doença em diversos sistemas do animal, sendo o mais comum o sistema tegumentar (pele). Várias espécies da cândida são implicadas nos quadros infecciosos, porém os principais são a C. albicans, seguida por C. tropicalis e C. parapsilosis. Em relação a candidiose, assinale a alternativa CORRETA:
A) As otites por cândida apresentam sintomatologias diferentes daquelas causadas por outros microrganismos.
B) O diagnóstico da cândida é feito apenas através dos sinais clínicos e o histórico do animal.
C) A cândida ssp. são leveduras que habitam a microbiota de homens e animais (habitam pele, mucosa oral, genital, respiratória, o meato acústico externo e o sistema digestivo) e geralmente não causam danos, a não ser que ocorra desequilíbrios físico, químico e imunológico, sendo assim eles se tornam patogênicos.
D) Lesões em casos de dermatomicoses por Candida ssp. são assintomáticas e pouco observadas.
E) Infecções sistêmicas por Candida ssp. são as mais frequentes. 
Questão 02 - A parvovirose é uma doença infecciosa e contagiosa causada pelo parvovírus (CPV-2). Esse vírus é extremamente pequeno e pertence à família parvoviridae do gênero parvovirus. Esse vírus tem uma alta persistência no ambiente, que está associado à sua disseminação e é transmitido por via orofecal, causando um quadro de gastroenterite hemorrágica, o que está associada a altos níveis de mortalidade. Sobre parvovirose, assinale a alternativa INCORRETA:
A) A fonte primária de infecção da parvovirose canina são as fezes contaminadas.
B) Após a sua entrada, o vírus infecta os linfonodos regionais da faringe e tonsilas.
C) Nos filhotes, é recomendado apenas duas doses de vacinação na 6-8 semanas de idade e não necessita de reforço anual.
D) O tratamento da parvovirose é de suporte e tem o objetivo de restabelecer e manter o equilíbrio eletrolítico, utilizando a aplicação de fluidoterapia, antieméticos, antibióticos e em alguns casos a transfusão sanguínea.
E) O teste mais viável é o teste ELISA, por ser rápido e eficiente.
Questão 03 – A peritonite infecciosa felina (PIF) é causada pelo coronavírus felino (CoFV). O coronavírus felino pertence à família coronaviridae e é um vírus de cadeia simples, não seguimentado e envelopado que infecta o trato gastrointestinal e respiratório de felinos. Sobre o vírus da peritonite felina (PIF) assinale verdadeiro (V) ou falso (F):
(V) O agente pode ser dividido em dois biótipos, o vírus causador da PIF (VPIF) e o vírus causador da enterite felina (CoVEF).
(V) A principal forma de transmissão é por via fecal-oral, contato de fezes contaminadas e fômites.
(F) O diagnóstico é feito apenas através da avaliação dos sinais clínicos e histórico do paciente.
(F) Existe a PIF efusiva e não-efusiva. As duas formas possuem sinais inespecíficos como anorexia e apatia.
(V) Após a infecção de células epiteliais intestinais, o vírus se replica nos macrófagos e monócitos, disseminando por via hematogena para outros órgãos.
A) V, F, V, F, V
B) V, V, V, V, V
C) F, F, F, V, V
D) V, V, F, F, V
E) V, V, F, F, F
Gabarito:
Questão 01 – C
Questão 02 – C
Questão 03 – D