A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Isomeria

Pré-visualização | Página 1 de 1

ISOMERIA
ISOMERIA PLANA
Ocorre entre compostos que possuem a mesma
fórmula molecular, mas não são a mesma
molécula. Ela pode ser divida em dois
grandes grupos: isomeria plana e isomeria
espacial.
Também chamada de constitucional.
Ela leva em consideração a fórmula
estrutural plana das moléculas. 
ISOMERIA DE CADEIA: Ocorre entre
compostos com a mesma função
orgânica e fórmula molecular. Além
de que podemos observar variações
nas ramificações, grau de saturação,
estrutura da cadeia e aromaticidade.
Presença de
ramificações (cadeia
normal ou cadeia
ramificada). 
Fechamento da cadeia
(cadeia aberta ou
cadeia fechada). 
ISOMERIA DE POSIÇÃO:a diferença
entre os isômeros estará na posição
de algum componente da molécula.
Assim, as variações podem ser no
lugar da insaturação, do grupo
funcional, do heteroátomo ou do
substituinte. 
Posição da
insaturação.
Ex: But-1-eno e
But-2-eno
Posição do
grupo
funcional.
Ex: Propan-1-ol
e Propan-2-ol
Posição da
ramificação.
Ex: 2-
metilpentano e
3-metilpentano
ISOMERIA DE FUNÇÃO: São aqueles que
possuem a mesma fórmula molecular,
entretanto pertencem a funções orgânicas
diferentes. Se levamos em consideração, por
exemplo, o metóxi-metano e o etanol,
podemos dizer que ambos representam a
isomeria de função.
Álcool/Éter. Aldeído/
cetona.
Ácido carboxílico/
éster
ISOMERIA DE COMPENSAÇÃO: muda-se a
posição de um heteroátomo na cadeia
carbônica, mantendo-se a função orgânica.
Posição do
átomo de
oxigênio.
Posição do
átomo de
nitrogênio
TAUTOMERIA: a tautomeria não é uma
isomeria de função. É uma molécula que,
em solução aquosa, estabelece um
equilíbrio que altera a sua função orgânica.
Tautomeria
aldo-enólica:
enol e aldeído
Tautomeria
ceto-enólica:
enol e cetona.
ISOMERIA GEOMÉTRICA: só pode ocorrer
quando há ligações duplas. Um único
carbono não pode ter dois ligantes iguais.
Um mesmo ligante precisa aparecer em
ambos os carbonos. Para identificar
isômeros geométricos, utilizamos a
nomenclatura cis e trans, de acordo com
sua organização no espaço. 
ISOMERIA ESPACIAL
Os compostos apresentam a mesma fórmula
molecular e o mesmo arranjo na cadeia
carbônica, porém suas estruturas se diferem
no espaço, isto é, em seus arranjos espaciais.
É necessário traçar um plano horizontal
imaginário que passe pela dupla ligação.
Em seguida, analisamos se os ligantes
iguais estão do mesmo lado, isômero cis,
ou em lados opostos, isômeros trans.
ISOMERIA ÓPTICA: chamados também de
enantiômeros. A isomeria óptica ocorre com
compostos orgânicos que são a imagem
especular um do outro. Ou seja, esses
isômeros possuem estruturas idênticas,
exceto quando estão espelhadas, não sendo
sobreponíveis.
Os enantiômeros podem ser identificados
através da assimetria da molécula. Os compostos
assimétricos são aqueles que possuem, pelo
menos, um átomo de carbono fazendo 4 ligações
simples com 4 ligantes diferentes. Esse carbono é
muito importante e recebe o nome de carbono
quiral.
Os enantiômeros possuem as mesmas
propriedades físicas e químicas. Sendo
então, a única maneira de diferenciá-los é
através de suas propriedades ópticas, ou
seja, como interagem frente a luz polarizada.