A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
15 pág.
Operações OBYC

Pré-visualização | Página 2 de 2

o material é retirado de estoque em consignação, ou pipeline, ou o material é transferido de volta. Dependendo da lógica de lançamento, é possível se trabalhar, ou não, com o código de agrupamento de contas. Em caso de utilização do código de agrupamento de contas, o SAP standard está configurado como segue: 
	KTR	Price diff. Off. Sett. Entry (cost object)
	PRD	Diferenças de Preços	Diferenças de preços entre o custo standard e o custo real da fatura. Dependendo da lógica do lançamento para este código, é possível ou não se trabalhar com o código de agrupamento de contas. No caso de se trabalhar com código de agrupamento de contas, o SAP standard está configurado como segue:
	PRK	Diferenças de preço (hier. Objeto custos)
	PRY	Diferenças de preço (ledger de material)	Se o Ledger de Material estiver ativo, mercadorias recebidas via pedido de compras são lançadas pelo valor do material (médio). Quando o Ledger de material é encerrado, as diferenças de preço (diferença entre o médio e o valor da fatura) que ocorrem são postadas via código de movimento PRY.
	RUE	Provisões custos complementares de aquisição	Provisões para custos de entrega são criadas quando a condition type para provisões é imputada na ordem de compra. Estas então tem que ser liquidadas manualmente quando da fatura, se recebidas.
	TXO	Transferência de Investimentos
	UMB	Rendimento/despesa por reavaliação	Usada em MM e no recebimento da fatura quando o custo standard muda e o movimento de estoque ou uma fatura são lançados em períodos anteriores ao valor desses períodos anteriores.
	WGI	Avaliação errada saída de mercadoria (reavaliação)
	WGR	Avaliação errada entrada de mercadoria (reavaliação)
	WRX	Compensação EM/EF	Conta transitória entre a entrada de Mercadorias e a entrada da fatura.
		(Versão 4 è com ou sem Ledger de materiais)
	WRY	Compensação EM/EF 	Conta transitória entre a entrada de Mercadorias e a entrada da fatura. Ë necessária uma transação separada no Ledger de Material, uma vez que as mercadorias recebidas não são registradas ao valor do pedido de compra ou da fatura recebida, mas sim ao preço unitário periódico.
		(Versão 3 è somente com Ledger de Materiais)

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.